O guia completo para lidar com fornecedores para loja virtual!
Como otimizar a vitrine da loja virtual para a Black Friday

Aprenda agora como vender mais na Black Friday com essas 10 dicas!

Publicado em: • Última Atualização:

A Black Friday está aí e promete, mais um vez, alavancar as vendas do e-commerce, assim como nas datas passadas. Conhecida pelos grandes descontos oferecidos aos clientes, a comemoração, no ano de 2018, será em 23 de novembro. Você já está preparado?

Estamos falando de uma grande oportunidade, pois, só no ano de 2017, o comércio online conseguiu arrecadar cerca de R$2,1 bilhões com suas vendas, o que representa um aumento de 16% em relação ao ano anterior. Como o fenômeno tem ganhado cada vez mais adeptos, a expectativa é que esse ano o sucesso continue crescendo.

Continue a leitura e veja algumas dicas para vender mais na Black Friday!

10 dicas práticas para aumentar as vendas na Black Friday

Os descontos oferecidos nessa data já são esperados por milhares de consumidores todos os anos. Os lojistas também criam grandes esperanças, já que o faturamento de alguns comércios chega a equivaler ao de um mês inteiro.

E, ainda que o ticket médio seja mais baixo, por causa dos descontos proporcionados, o volume das mercadorias compradas compensa esse ponto. Todavia, é importante pensar em estratégias e fazer um planejamento, a fim de que os resultados sejam mais certeiros. Veja nossos conselhos para você seguir!

1. Diversifique formas de pagamento

Fato é: cada usuário que chega terá uma preferência a respeito da forma de pagamento. Dessa forma, o e-commerce que consegue abranger inúmeras opções ― boleto bancário, cartão de crédito, transferência entre contas, intermediadores e gateways de pagamento ― tem mais chances de agradar o público e garantir suas vendas. Ainda que não seja parte da sua realidade oferecer todos esses meios em dias comuns, pense na viabilidade de abrir uma exceção nesse dia.

2. Utilize dados dos anos anteriores

Se nos anos passados você participou da Black Friday, analise as estratégias que você implementou e os resultados obtidos. Foram satisfatórios? Ainda que tenha conseguido resultados positivos, há sempre algo a ser melhorado.

Se o desfecho não foi como você esperava, é importante tentar entender qual o erro cometido para não fazê-lo novamente. Nossas experiências nos deixam mais maduros com relação a decisões importantes a serem tomadas.

3. Invista no marketing

Nos dias anteriores à Black Friday, avise os consumidores que sua loja participará das ofertas e que elas serão imperdíveis. Saiba onde o seu público está e invista em anúncios e banners para chamá-los.

Boas ideias são os e-mails marketing, o Facebook Ads, o Instagram Ads e o Google Ads. Em tais meios há a oportunidade de segmentar o público, de acordo com seus interesses. A questão é levantar uma expectativa quanto essa data tão esperada.

4. Utilize gatilhos mentais

E, por falar em aguardar muito algo, fazer uso de gatilhos mentais, como o da antecipação, gera anseio pelo que virá. É como se você preparasse o terreno com um cenário favorável do que o consumidor poderá desfrutar. Insira, na plataforma, um gadget com um calendário ou relógio, com o objetivo de contar o tempo que falta para a grande promoção ter início. Coloque chamadas tentadoras, que aumentem a ansiedade dos usuários.

5. Certifique-se da qualidade da plataforma

Nesse dia, o número de acessos triplica, quadruplica, quintuplica. Caso a plataforma não seja robusta para aguentar muitas pessoas entrando ao mesmo tempo, ela para de funcionar e toda a sua estratégia de descontos e alcance de leads vai por água abaixo.

Ter uma tecnologia confiável, que certifique estabilidade e grande desempenho é indiscutível. Faça testes antes do grande dia para ter possibilidade de corrigir alguma falha, caso necessite.

6. Faça descontos verdadeiros

Um consumidor mais atento perceberá se o comerciante tentar enganá-lo com chamadas de descontos que na verdade não são reais. Agir dessa maneira colocará em risco todo o crédito da marca, pois, aos poucos, as notícias e reclamações se espalham pelas redes sociais e pelo Reclame Aqui.

Se seu comércio não puder fazer descontos, não faça um marketing enganador. Já se ele puder oferecer grandes abatimentos, sem que isso afete a saúde financeira, aproveite a data.

7. Pense no acesso mobile

Celulares e tablets já fazem parte do dia a dia dos brasileiros. Com isso, compras feitas por esses dispositivos têm ficado cada vez mais comuns. Dessa forma, assegure que a navegação terá a mesma qualidade de layout, de clareza e de possibilidade de finalização da aquisição que se fosse feita na forma desktop. Um e-commerce que não seja otimizado ao acesso mobile tende a perder vendas significativas.

8. Garanta a segurança

Algumas pessoas mal-intencionadas aproveitam esse dia de muitos acessos para descobrir alguma falha no sistema de proteção. É importante investir na segurança para os dois lados.

O varejista precisa evitar fraudes para que não tenha prejuízos para a loja e seus compradores. Já os clientes não podem ser vítimas de dados pessoais e bancários roubados, pois esse fato diminuiria a reputação da empresa.

9. Confirme o SEO da loja

Assegure que os itens estejam inseridos com as palavras-chave corretas e nos lugares ideais. Isso facilitará com que as mercadorias sejam encontradas de forma mais fácil e rápida, dentro da plataforma.

Da mesma forma, possibilita que os itens sejam mostrados em buscadores como o Google ao usuário digitar o que procura. Use o Ads ou o UberSuggest, a fim de saber as melhores keywords para cada produto.

10. Baseie-se no interesse do público

Como você vai oferecer um presente a alguém, se você não tem ideia do que a pessoa gosta? Saber o que o seu público procura é uma forma de garantir que os investimentos em marketing tenham valido a pena.

Assim, tenha estruturados os gostos dos seus clientes para entender o que ele mais quer encontrar com descontos. Quanto mais sua loja conseguir agradar, mais tráfego ela terá e maior a possibilidade de gerar mais vendas aos demais produtos.

Bons resultados vêm para quem pensa de forma estratégica e analisa as consequências de suas execuções. Aproveite a oportunidade que essa data oferece aos comércios, a fim de que obtenham maiores lucros. Faça seu planejamento, incorporando essas dicas para sua loja alcançar mais sucesso na Black Friday.

Curta nossa página no Facebook e acompanhe mais de perto nossas postagens para otimizar seu e-commerce!

Ficou com alguma dúvida? Faça parte do nosso grupo no Facebook com especialistas em e-commerce e outros lojistas e envie sua pergunta.

Está pensando em criar uma loja virtual? Faça o teste e descubra se você está pronto!

Aprenda agora como vender mais na Black Friday com essas 10 dicas!
Avalie esse artigo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *