Contabilidade para e-commerce: o guia completo sobre o assunto
Digital influencers: o que são e como usá-los a favor do e-commerce?

O que eu preciso saber sobre a venda de sapatos femininos na internet?

Publicado em: • Última Atualização:

Investir na venda de sapatos femininos, pela internet, é uma das apostas mais promissoras que um lojista pode ter. Segundo uma pesquisa realizada pela Fecomércio, mulheres costumam gastar mais com calçados que com alimentação. Já de acordo com o 38º relatório Webshoppers, itens referentes a moda e acessórios tiveram o lugar no ranking, com relação ao volume de pedidos.

O fascínio que os sapatos exercem nas mulheres é tão grande, que cientistas e psicólogos, de vez em quando, empenham-se em ir atrás de motivos que deem a resposta para tal. O que já descobriram é que, para elas, comprar esse item ativa, no cérebro, a serotonina, hormônio ligado à felicidade.

Que tal usar isso tudo a seu favor e entrar nesse mercado de vendas? Confira as dicas, a seguir, para se dar bem!

Conheça seu público

A primeira orientação, ao iniciar a venda de sapatos femininos pela internet, é entender bem quem é o público o qual você atingirá. Ainda que seus consumidores sejam, em sua maioria, mulheres, o perfil entre elas pode divergir bastante, com relação a idade, localização geográfica, preferências, objetivos.

Por exemplo, aquelas que desempenham cargos mais formais no trabalho podem necessitar de calçados que sigam esse estilo, como scarpins tradicionais. Já outras podem preferir sapatos mais confortáveis e despojados, como sapatilhas. Botas agradam a consumidora que reside em regiões de clima mais frio, ou, ainda, aquela que segue um estilo mais rocker.

Entender isso é necessário para saber em que tipos de calçados você poderá investir mais e, também, para definir as estratégias de marketing digital.

Na hipótese de ainda não ter um público definido, é possível realizar pesquisas, de benchmarking ou no mercado, a fim de compreender o que pode trazer mais oportunidades.

Invista em boas fotos

Um dos problemas que a compra online traz é o fato de o cliente não poder experimentar o item nem vê-lo mais de perto. Uma das saídas para suprir isso é investir em fotos de qualidade, que mostrem todos os detalhes e as cores reais do produto. Além de essa prática ajuda na conversão, diminui as trocas, já que o usuário consegue ter uma noção mais verdadeira daquilo que está adquirindo.

Utilizar outras mulheres, como modelo para as imagens, é uma ótima ideia, já que isso tende a aproximar ainda mais a consumidora, principalmente se você já entende o estilo do público e monta looks bonitos. Além disso, as fotos dão uma visão mais concreta de como o sapato poderá ficar.

Não se esqueça de ter um equipamento de qualidade, que dependendo, pode ser a própria câmera do celular. Prestar atenção na imagem de fundo, na luz e na sombra fazem diferença no resultado final.

E, claro, otimize as imagens para SEO, a fim de conseguir melhores posições na SERP.

Faça descrições completas

Outra solução para diminuir as inseguranças na compra online é trabalhar bem a descrição do produto. Assim, forneça todos os detalhes de cada calçado, como as dimensões, as cores, os materiais.

Além dessa apresentação mais objetiva, também forneça particularidades mais subjetivas. Por exemplo, mencione para quais momentos o sapato mais combina, fale sobre as qualidades das mulheres que tendem a se interessar por ele e utilize expressões sensoriais, como a textura ao tocá-lo ou a maciez ao calçá-lo.

Esse tipo de descrição mais atrativa fará com que a consumidora se reconheça nela, sendo uma estratégia para aumentar a conversão.

Não se esqueça, também, das palavras-chave, para que os produtos possam ser encontrados por quem realiza pesquisas no Google. Sites como o Google Adwords e o Ubersuggest são boas opções gratuitas, para indicar aqueles termos mais buscados.

Deixe clara a política de trocas e devoluções

Um dos primeiros pensamentos que surge em quem pretende realizar aquisições pela internet é com relação ao possíveis problemas caso seja necessário realizar trocas e devoluções.

De acordo com o Código de Defesa do Consumidor, o comprador tem o direito ao arrependimento e solicitar a devolução da mercadoria, com reembolso, até 7 dias após o recebimento. Além disso, ele pode solicitar trocas via Correios, em que a loja envia um código postal, para a logística reversa.

Assim, esclarecer essa possibilidade aos usuários é uma forma de fazer com que se sintam mais confortáveis e tenham mais confiança na marca.

Esteja nas redes sociais

Com o tamanho do engajamento dos usuários em redes sociais, ter um perfil, ao menos em uma delas, é primordial. Primeiro, porque isso é uma espécie de atestado de existência da marca. A pessoa que deseja saber mais informações sobre a empresa, sua idoneidade e a satisfação de outros compradores, irá pesquisar informações justamente em plataformas, como Instagram e Facebook.

Além disso, essa prática ajuda bastante nas jogadas de marketing, em que você pode criar campanhas segmentadas, divulgar novos produtos e promoções e criar uma espécie de vitrine dos itens. Também é um caminho para aproximar-se mais dos seguidores, ao estimular interações, expor os valores que a empresa segue e mostrar um lado mais humano.

Essa estratégia é ainda mais importante se as consumidoras forem das gerações Millennials ou Z, as quais são nativos digitais.

Pense em parcerias

Já que você pretende trabalhar com a venda de sapatos femininos, que tal pensar em parcerias, com outras marcas ou com influenciadores digitais?

A primeira hipótese pode ser um complemento, ao montar looks completos. Um exemplo disso é quando uma delas posta fotos de visuais, no Instagram, e marca a parceira, a fim de que todos os seguidores saibam de onde são cada item.

A segunda, auxilia na publicidade, já que os influencers já tem uma grande audiência definida.

Para essas ações serem ainda mais efetivas, é ideal que todos tenham um público bem parecido, em relação aos costumes e preferências.

Possibilite vários meios de pagamento

Um dos motivos causadores de abandonos de carrinhos e desistência da compra é com relação às poucas formas de pagamento viabilizadas por algumas lojas.

Para evitar que isso aconteça com você, pense na possibilidade de investir em gateways e intermediadores de pagamento, já que são soluções que ajudam o lojista a receber os pagamentos dos consumidores e fornecem variados meios, como débito, crédito, boleto bancário, além de diversas bandeiras.

Tenha em mente que cada pessoa terá uma necessidade distinta e viabilizar o que ela precisa é um jeito de fazer com que os problemas citados anteriormente diminuam.

Assim, investir na venda de sapatos femininos tende a ser um mercado promissor, já que são produtos adorados e muito fáceis de agradar. A sua preocupação deve ser com relação a engajar as consumidoras e manter uma relação de confiança, a fim de que as aquisições sempre aumentem.

Vamos continuar conversando sobre compras online? Então, baixe nosso e-book e descubra como ter mais sucesso nas vendas!

Ficou com alguma dúvida? Faça parte do nosso grupo no Facebook com especialistas em e-commerce e outros lojistas e envie sua pergunta.

Está pensando em criar uma loja virtual? Faça o teste e descubra se você está pronto!

O que eu preciso saber sobre a venda de sapatos femininos na internet?
5 (100%) 1 voto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *