Por que vale a pena investir em um e-commerce no segmento de beleza?

Um dos desafios de quem quer abrir um e-commerce é definir o nicho em que vai atuar. Sabemos que é uma escolha […]

Um dos desafios de quem quer abrir um e-commerce é definir o nicho em que vai atuar. Sabemos que é uma escolha que deve considerar uma série de fatores, como a afinidade que o empreendedor tem com o segmento e as suas tendências para os próximos anos. Se você está fazendo esse planejamento, precisa conhecer as vantagens do segmento de beleza!

Não é por acaso que essa área ocupa uma das categorias de produtos mais vendidos no país. As marcas estão conseguindo criar clientes apaixonados e atrair cada vez mais investimentos para a indústria da beleza. Com o mercado aquecido, a tendência é que nos próximos anos surjam mais lojas para disputar a atenção dos consumidores online.

Por essa razão, não perca tempo! Neste post, conheça mais sobre as vantagens de se tornar um empreendedor no segmento de beleza.

Potencial de crescimento no país

O mercado de beleza é conhecido por dificilmente passar por períodos de baixa. Mesmo com as oscilações da economia, os produtos desse segmento estão sempre com boas vendas, principalmente quando analisamos o e-commerce, por onde as pessoas conseguem fazer suas compras com total praticidade e segurança.

Esses fatores já fazem com que abrir uma loja no segmento de beleza tenha tudo para dar certo. Somado a isso, vemos que o crescimento do número de vendas no comércio digital tem impulsionado o setor nos últimos anos. Atualmente, o Brasil já se tornou o quarto maior mercado de beleza e cuidados pessoais do mundo, e a tendência é que os números sejam cada vez mais positivos nos próximos anos.

Ao mesmo tempo, uma pesquisa recente da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) mostrou que o faturamento do e-commerce cresceu 56,8% apenas no primeiro semestre de 2020 — com a liderança de vendas no setor de perfumaria e beleza.

Alta demanda no segmento de beleza

A falta de um público consumidor expressivo não é um dos problemas de quem vende produtos de beleza. Ao contrário disso, essas mercadorias são prioridades para muitas pessoas, independentemente da classe econômica. Na verdade, o grande desafio de quem atua nesse segmento é se destacar na concorrência e ganhar a atenção do público.

É um mercado promissor e que demanda muita análise dos empreendedores. É importante, por exemplo, considerar que não são apenas as mulheres que investem em produtos de beleza. Os produtos desse segmento voltados para o público masculino se tornaram uma tendência que ainda está sendo explorada pelo mercado brasileiro.

Assim como acontece em outros setores, para abrir uma loja online no segmento de beleza, é preciso dedicar algum esforço para estudar as necessidades do público e ter uma compreensão atualizada de quem vai se interessar pelos seus produtos.

Variedade de produtos e serviços

Quando falamos sobre escolher o nicho de atuação, sabemos que o empreendedor conta com uma vantagem ao atuar em nichos multifacetados, ou seja, que lhe permitem oferecer um leque extenso de produtos e serviços ao público. Nesse caso, mesmo que o negócio queira trabalhar com um catálogo reduzido, ele ainda conta com a possibilidade de expandir seu leque de produtos sem precisar repensar do zero as características do cliente.

No segmento de beleza, o empreendedor pode trabalhar com cosméticos, procedimentos estéticos, maquiagem, produtos para tratamento capilar, unhas e muito mais. Além vender produtos, quem deseja criar um e-commerce nessa área pode trabalhar com serviços como treinamentos, workshops e aulas.

Chance de manter clientes fiéis

Sempre é possível manter clientes fiéis no mercado de beleza. Na verdade, a fidelização de clientes é um cuidado no relacionamento com o público que funciona para todos os setores, mas não deixa de apresentar suas particularidades em cada um deles.

No segmento de beleza, as empresas têm a vantagem de contar com clientes apaixonados, estimulados a compartilhar suas experiências de comprar com milhares de pessoas nas redes sociais. Isso é uma vantagem quando há na empresa a preocupação de oferecer um atendimento de excelência — inclusive, e principalmente, no pós-venda.

No entanto, o buzz pode ser negativo quando a experiência de compra é desagradável, uma vez que o relato de um cliente influencia mais pessoas a aderirem ou não aos produtos de determinada marca, sobretudo quando o relato vem de perfis com grande alcance nas redes sociais.

Além do bom atendimento, as empresas do segmento de beleza podem criar estratégias de vendas diferenciadas, como os kits de produtos, para tornar a fidelização mais fácil. Como os clientes compram produtos de beleza com frequência, os descontos garantidos pelos kits são encarados como ótimas oportunidades de voltar a fechar negócio.

Inovações constantes

Devido ao crescimento do número de vendas de cosméticos e produtos de beleza, as pesquisas e tecnologias para essa área prometem desenvolver cada vez mais sofisticação e vantagens para os clientes. O público estará de olho nas novidades, e cabe às empresas acompanharem as tendências da área para oferecer sempre o que há de mais novo.

Os produtos probióticos, por exemplo, tornaram-se uma forte tendência da indústria de cosméticos. Trata-se de produtos desenvolvidos com ingredientes, bactérias e extratos de bactérias que melhoram a atividade dos organismos já presentes na pele. São muito usados para combater problemas como ressecamento e doenças inflamatórias.

Outra tendência são os neurocosméticos, que exploram as conexões entre as células nervosas e as células da pele. No mercado brasileiro, um dos produtos percussores dos neurocosméticos foi o Ciclos d’Racco Dia – Emulsão Facial Sensoativa, que tem o objetivo de fazer a regeneração e renovação celular da pele, além de ter ação antiestresse. Essas são apenas algumas tendências da área que unem tecnologia e estética!

Se você ficou interessado em investir no segmento de beleza, fique de olho nas melhores dicas para ter sucesso com seu e-commerce. Lembre-se de que melhorar a experiência de compra é a melhor forma de fidelizar clientes desse segmento e ganhar cada vez notoriedade em meio à concorrência.

Se você chegou até aqui, saiba que há outras discussões importantes quando falamos de comércio digital. Então, confira também nosso post com o que você precisa saber para abrir seu próprio negócio e encontrar o melhor nicho de atuação!

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário