Encomenda extraviada: quais os motivos e o que pode ser feito?
Inbound commerce: saiba o que é e como aplicar no seu negócio

Produtos para idosos: veja como aproveitar essa tendência de mercado

Publicado em: • Última Atualização:

Para quem deseja iniciar um negócio online, é fundamental prestar atenção aos novos mercados e tendências que surgem a todo momento. Seguindo essa linha, o segmento de produtos para idosos, ou seja, pessoas com mais de 60 anos, tem crescido de forma considerável nos últimos anos.

Segundo um levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o número de idosos no Brasil superou a marca dos 30 milhões em 2017. Ainda de acordo com esse estudo, até 2060, um em cada quatro habitantes terá mais de 65 anos.

Neste post, vamos mostrar alguns produtos para idosos e como aproveitar essa tendência de mercado. Confira!

Aprenda mais com o quadro Escola Responde:

 

Equipamentos eletrônicos

Vivemos em um período no qual a tecnologia está dominando absolutamente tudo. Podemos observar diariamente crianças começando a utilizar smartphones e computadores cada vez mais cedo. Com o público da terceira idade, essa situação não é diferente. Os idosos também querem se atualizar, adquirir informações e estão consumindo muitos equipamentos eletrônicos.

Celulares, tablets, notebook, computadores e até videogames já deixaram de ser produtos para jovens e adultos. Pessoas com mais de 60 anos estão consumindo esses equipamentos eletrônicos e a tendência é aumentar com o passar do tempo. Por isso, o segmento tecnológico é uma grande opção para crianças, adolescentes e, principalmente, para um público mais velho.

Além disso, os equipamentos eletrônicos aparecem como os itens mais vendidos da internet quando analisamos todas os segmentos. Em 2018, essa categoria atingiu 19,6% do faturamento de todo o e-commerce do Brasil. Para um empreendedor que deseja abrir um negócio virtual, apostar nesse setor pode ser uma excelente ideia.

Sex shop

Ainda é um tabu muito grande na sociedade falar abertamente sobre sexo e produtos sexuais, principalmente quando essa conversa envolve pessoas com mais de 60 anos. Porém, a verdade é que idosos também têm relações sexuais e são uma grande parcela dos consumidores de itens vendidos em sex shops.

Produtos como cremes corporais, óleos de massagem e alguns estimulantes masculinos e femininos são muito procurados por idosos. Além disso, brinquedos sexuais estão sempre na lista dos mais vendidos, independentemente da idade da pessoa.

Segundo um levantamento feito por organizadores da Sexy Fair, um dos maiores eventos eróticos do Brasil, cerca de 30% de todo o público da edição deste ano era de idosos. Portanto, os empreendedores precisam estar cientes desse cenário de consumo que existe no país para inovar e sair na frente da concorrência.

Casa, móveis e decoração

A maioria das pessoas com mais de 60 anos já são aposentadas e passam a maior parte das suas vidas dentro de casa. Por isso, investir no segmento de móveis e decoração pode ser uma grande opção para um e-commerce que está começando e quer atingir o público mais velho. Em 2018, o setor representou 10% do faturamento das lojas online do Brasil, de acordo com dados divulgados no relatório Webshoppers, da Ebit.

Produtos como camas, sofás, prateleiras, mesas, cadeiras e outros móveis são muito populares entre os idosos. Além disso, alguns itens de segurança são importantes para residências com pessoas mais velhas. Tapetes e pisos antiderrapantes, interruptores de fácil manuseio e luminárias que possam ficar ao lado das camas são itens muito consumidos.

Produtos para saúde

Com o passar do tempo, grande parte das pessoas fica com a saúde mais debilitada e, naturalmente, tendo que consumir mais remédios e outros produtos relacionados. Um e-commerce que pretende apostar em itens para idosos deve levar esse fator em consideração e investir nesse setor.

Além disso, é muito interessante apostar em campanhas e ações promocionais que atraiam as pessoas com mais de 60 anos. Parcerias com farmácias e drogarias pode ser uma ótima opção para engajar e atrair os idosos para a sua loja. Oferecer descontos e cartões de fidelidade é uma boa maneira realizar a captação e fidelização desses consumidores com mais idade.

Aparelhos de informática

A tecnologia se aprimora a cada dia que passa e os aparelhos de informática também seguem essa mesma linha de desenvolvimento. Isso faz com que as pessoas sintam uma grande necessidade de estarem atualizadas com novos computadores, notebooks e acessórios relacionados a esse segmento.

As pessoas que tinham cerca de 40 anos na década de 1990, período em que houve a ascensão dos aparelhos de informática e da internet no Brasil, atualmente são os idosos com cerca de 60 anos ou mais que continuam consumindo esses produtos. Um e-commerce que deseja atingir esse público mais velho pode investir em itens e acessórios de computador sem problemas.

Higiene e beleza

Todas as pessoas gostam de estarem bem consigo mesmas, de se sentirem bonitas e saudáveis. Com os idosos, esse cenário não é nem um pouco diferente. Pelo contrário, o público mais velho enxerga uma grande necessidade de utilizar produtos de higiene e beleza para se sentirem seguros e autoconfiantes.

Alguns itens como perfumes, óleos corporais, cremes de massagem, cremes de tratamento para os cabelos, shampoos, condicionadores e sabonetes são bastante populares entre o público mais velho. Uma loja virtual consegue engajar e atrair a atenção das pessoas ao comercializar esses tipos de produtos, realizar ações promocionais e parcerias com fornecedores ou lojas mais famosas.

Roupas

Apesar de muita gente achar que as roupas para idosos são as mesmas para adultos com idades menores, isso é um erro que um e-commerce jamais vai poder cometer. Obviamente, todos podem utilizar as roupas que quiserem para se sentirem melhores. Entretanto, grande parte das pessoas com mais de 60 anos sente uma necessidade de adquirir vestuários adequados para as suas condições.

Roupas mais confortáveis no verão, mais aquecidas no inverno e meias antiderrapantes são alguns exemplos de produtos que podem atrair o público mais velho. Boinas, gorros e chapéus também estão entre os itens populares, principalmente para o público masculino. Entre as mulheres, os lenços, as bolsas personalizadas e também os chapéus são produtos que fazem um enorme sucesso.

Para que um e-commerce consiga ser bem-sucedido, é necessário pesquisar bastante sobre o público-alvo para a elaboração de uma estratégia eficaz. Há diversos benefícios que podem ser aproveitados ao criar uma loja virtual que venda produtos para idosos, como a garantia de um público fiel e que deseja produtos específicos para a sua idade. Invista em itens personalizados para pessoas com mais de 60 anos, em ações promocionais e em parcerias com fornecedores populares.

E aí, conseguiu entender um pouco melhor sobre a importância de um e-commerce voltado para os idosos? Então, continue navegando em nosso blog e leia agora mesmo o texto “Afinal, vale a pena investir em um mercado de nicho?“.

Ficou com alguma dúvida? Faça parte do nosso grupo no Facebook com especialistas em e-commerce e outros lojistas e envie sua pergunta.

Está pensando em criar uma loja virtual? Faça o teste e descubra se você está pronto!

Produtos para idosos: veja como aproveitar essa tendência de mercado
Avalie esse artigo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *