Produtos mais vendidos da internet: 29 itens de sucesso em 2022!

Os produtos mais vendidos da internet são: smartphones, notebooks, câmeras fotográficas, videogames, relógios inteligentes, livros, fones de ouvido sem fio, cursos online, máscaras descartáveis, sapatos, acessórios, perfumes, maquiagem, artigos para decoração e muito mais!

Muitas lojas virtuais ainda não conseguiram fazer o número de vendas decolar porque não sabem quais são os produtos mais vendidos da internet. Se você é um deles, chegou ao lugar certo.

Neste post, vamos ajudar você a entender quais são os 29 produtos mais vendidos da internet em 2022, os segmentos que estão em alta e os benefícios do varejo digital.

Ao final, você também verá algumas dicas de como começar a vender hoje mesmo. Está pronto? Confira e aproveite todas as dicas!

Quais são os produtos mais vendidos da internet?

Antes de conferir a lista com os 29 produtos mais vendidos da internet, talvez você queira saber o que faz desses produtos tão bem-sucedidos.

Bom, não há como saber exatamente, mas temos algumas pistas.

No geral, esses produtos possuem um público-alvo claro, têm características que facilitam a venda pela internet e não estão saturados por outros varejistas.

Agora, confira a lista completa com os produtos que estão em alta em 2022.

1. Smartphones

O mercado de smartphones vem demonstrando crescimento com o lançamento de novos aparelhos e opções acessíveis que contam com hardware simples e foco em custo-benefício.

No último ano, o mercado global de celulares ultrapassou a marca de seis bilhões de vendas.

Para 2022, a expectativa é que o ano termine com um aumento considerável de 4,92% na venda de aparelhos.

Os dados são de um levantamento realizado pela Statista, empresa internacional de dados.

Produtos mais vendidos da internet: smartphones

2. Notebooks e acessórios

O mercado de notebooks está em alta em lojas virtuais e marketplaces.

Dos principais fabricantes, destacam-se Lenovo, HP, Dell, Apple e Asus.

Vender online no segmento de notebooks oferece muitas oportunidades para expandir suas linhas de produtos.

Você pode vender teclados, cabos, tinta de impressora, acessórios de áudio e vídeo, cartões de memória, hardware de jogos, entre outros acessórios para aumentar o número de pedidos.

Produtos mais vendidos da internet: notebook

3. Câmeras fotográficas

A maioria das pessoas usa o celular como câmera, mas ainda há quem não dispense uma câmera fotográfica para fazer fotos de qualidade.

Grandes marcas da categoria, como Canon, Sony e Nikon, oferecem opções para iniciantes e profissionais da área.

As lojas que vendem eletrônicos estão incluindo câmeras fotográficas dessas marcas para atrair um público criterioso nas suas compras, mas também bastante fiel.

Produtos mais vendidos da internet: câmeras

4. Produtos LED

A tecnologia LED é encontrada em quase todos os lugares, desde lâmpadas e espelhos até kit de iluminação para fotos. Por isso, os produtos LED estão entre os mais vendidos.

São muitas as vantagens que colocam esses itens em destaque, como a economia de energia, a durabilidade e a grande variedade de luzes.

A tendência é que a iluminação LED substitua completamente outras soluções de iluminação nos próximos anos.

Isso significa que as oportunidades para vendedores interessados nesse segmento também continuarão aumentando.

Produtos mais vendidos: LED

5. Videogames e consoles

Os brasileiros nunca jogaram tanto. O aumento do home office e o maior aproveitamento do tempo útil permitiu que mais pessoas estivessem aptas a passar o tempo se divertindo com os games.

Hoje, essas são as opções de entretenimento não apenas entre as crianças, mas também entre os adultos.

Portanto, se você está pensando em transformar sua loja online em uma máquina de ganhar dinheiro, vender esses produtos é uma excelente opção.

Produtos mais vendidos: Videogames

6. Relógios inteligentes

Os relógios podem ser usados ​​para olhar as horas, mas eles fazem muito mais do que isso.

Dificilmente existe um produto que a tecnologia não tenha transformado tanto.

E um dos maiores exemplos disso são relógios inteligentes ou smartwatches, como também são chamados.

Esses relógios contam as horas, tocam música, atendem ou fazem chamadas, rastreiam a pulsação, suportam navegação GPS, contam passos, monitoram o sono e fazem quase tudo o que um smartphone faz.

Alguns até possuem uma câmera e podem tirar fotos.

Produtos mais vendidos: Relógios inteligentes

7. Livros

Apesar da crise que o mercado editorial parece viver nos últimos anos, os livros físicos estão entre os produtos mais vendidos da internet todos os anos.

Marketplaces como Amazon e Estante Virtual estão colaborando para a satisfação dos consumidores de livros.

Além de ser objeto de desejo, os impressos também passaram a representar a fuga do digital em anos de isolamento social.

Os produtos digitais também se tornam cada vez mais populares com a democratização da tecnologia e da internet.

Livros

8. Fones de ouvido sem fio

Os fones de ouvido sem fio com certeza fazem parte do grupo de produtos mais vendidos da internet em 2022.

Os dispositivos sem fio que se conectam via Bluetooth estão em alta, pois as pessoas gostam da simplicidade que esses produtos trazem para suas vidas diárias.

Se sua loja online vende acessórios para celulares ou eletrônicos no geral, certifique-se de ter fones de ouvido sem fio em seu catálogo e em estoque.

Fones de ouvido sem fio

9. Cursos online

Outra coisa que a pandemia ajudou a acelerar nos últimos anos foi a busca por cursos online. 

No início, muitas pessoas sentiam o estranhamento em assistir a aulas e realizar atividades por meio de uma tela, mas hoje os cursos online são uma das coisas mais procuradas na internet.

A facilidade para estudar de qualquer lugar e personalizar o ritmo de estudos tornam os cursos online excelentes infoprodutos para vender na internet.

cursos online

10. Audiolivros e podcasts

Semelhante aos e-books, os audiolivros estão ganhando cada vez mais reconhecimento, pois atendem a pessoas com deficiência.

Os materiais em áudio também são as escolhas perfeitas para pessoas que estão muito ocupadas para sentar e ler algo.

Profissionais autônomos que atuam nessa indústria podem fornecer aos clientes uma seleção de diferentes produtos em áudio, como música, gravações de notícias, audiolivros ou podcasts.

podcasts

11. Fotografia

Empresas usam imagens de boa qualidade para chamar a atenção das pessoas e transmitir informações ao seu público.

Existem sites que funcionam como banco de fotos e recebem visitantes interessados em comprá-los por preços variados.

Então, se a fotografia é o seu hobby, considere transformá-la em um negócio online.

Mesmo que você seja um profissional ou apenas goste de tirar fotos em seu lazer, você pode ganhar uma boa quantia de dinheiro vendendo-as online.

Se você tem uma câmera de telefone decente e uma mão firme, nem precisa de uma câmera de primeira linha; você já está com um tiro.

fotografia

12. Cadeira de escritório

A cadeira de escritório se enquadra na categoria de móveis, mas merece destaque entre os produtos mais vendidos. 

Isso porque o crescimento do home office aumentou consideravelmente a demanda por esses itens.

Nos primeiros anos da pandemia, as pessoas foram pegas de surpresa e tiveram que começar a estudar e trabalhar em casa, mas a maioria não tinha espaço adequado.

A falta de uma cadeira adequada passou a gerar dores no corpo, o que levou as pessoas a se preocuparem e buscarem em massa esse e outros produtos de escritório.

Cadeira de escritório

13. Brinquedos

Milhares de bebês nascem por dia, o que significa que sempre haverá demanda por pais ou familiares em busca de brinquedos.

Essa demanda continuou aumentando ao longo de 2020 e 2021, à medida que mais crianças se tornaram responsáveis por se divertir enquanto os pais trabalhavam em casa.

As vendas de brinquedos infantis cresceram, de blocos de montar e bonecas a animais de brinquedo, carros e personagens.

Existem dezenas de brinquedos infantis ótimos para vender o ano todo — e não só por causa de comemorações, festas e aniversários.

brinquedos

14. Jogos de tabuleiro

Não são apenas os jogos eletrônicos que fazem sucesso na internet. Os jogos de tabuleiro ganharam força e estão entre os produtos mais vendidos online em 2022.

Talvez uma das razões é porque as pessoas estão buscando um equilíbrio entre os mundos físico e digital.

Os jogos de tabuleiro são famosos por reunir a família ou amigos em volta de uma mesa e garantir uma forma de diversão longe das telas.

Jogos de tabuleiro

15. Máscaras descartáveis

Quem pensou que começaríamos o ano de 2022 completamente livres de máscaras acabou se decepcionando, pois a realidade é bem diferente. 

Além da persistência do coronavírus, estamos passando por surtos de outras variantes e infecções. 

Isso se refletiu em um aumento na compra de máscaras descartáveis ​​em 2022.

Máscaras descartáveis

16. Cinta modeladora

A preocupação com a beleza e a estética é responsável pelo aumento das vendas de cintas modeladoras nos últimos anos.

Algumas mulheres preferem usar esse produto em casa para realmente moldar a cintura. 

Outras pessoas já preferem usá-lo sob roupas mais justas, melhorando o caimento do tecido. 

cinta modeladora

17. Sapatos

A indústria calçadista atrai o interesse de pessoas de todos os perfis, de todas as idades, em todas as épocas do ano. 

As novas tendências estão sempre renovando a indústria e gerando oportunidades de vender com lançamentos e promoções.

Abrir uma loja virtual no ramo e atuar em marketplaces são portas que estão abertas para quem deseja vender na internet.

sapatos

Confira também: O que eu preciso saber sobre a venda de sapatos femininos na internet?

18. Acessórios

O mercado de acessórios, também é muito em alta no Brasil.

Com a possibilidade de atender ao público feminino e masculino, as oportunidades de venda são infinitas.

Itens como brincos, colares, pulseiras, anéis e óculos são algumas das opções.

Para trabalhar com esse tipo de produto, encontre bons fornecedores e estude seu publico.

Afinal, é ideal investir na venda de bijuterias, folheados ou em artigos de luxo? Tenha isso bem definido!

acessórios

19. Itens do mercado Pet

Quem não gosta de ver seu pet bem cuidado e com saúde?

Nos últimos anos, mais e mais donos de animais de estimação têm colocado o bem-estar de seus companheiros como prioridade.

Dessa forma, investir neste mercado é uma boa opção.

Com uma variedade de produtos que vão desde alimentação à roupinhas estilosas, fique atento às tendências pois sempre surgem novidades no mercado.

 O melhor de tudo, é que os donos estão dispostos a gastar em itens dos mais variados preços.

Itens do mercado Pet

Como montar uma loja virtual de pet shop? Confira!

20. Perfumes

O Brasil ocupa o 4º lugar entre os maiores mercados consumidores de higiene pessoal, perfumaria e cosméticos, de acordo com um levantamento da ABIHPEC.

É um cenário positivo que faz muitos empreendedores enxergarem aí uma oportunidade de negócio.

Por conta do baixo volume e peso dos produtos, os perfumes são ótimos itens para uma logística rápida das lojas virtuais.

É possível vender tanto marcas nacionais quanto marcas importadas nesse segmento, oferecendo aos clientes artigos raros que não estão badalados no mercado nacional.

perfumes

21. Produtos para cabelo

Produtos para o cabelo são uma necessidade, independente do gênero.

Porém, o público feminino é o que mais se preocupa em conhecer novas marcas, aromas e benefícios desse tipo de produto.

Dessa forma, não é novidade que o item seja um dos mais vendidos.

Com uma variedade de produtos muito grande, os itens para cabelo são muitos. Existem shampoos, condicionadores, cremes de hidratação, tinturas e muitos outros itens.

A dica é estudar seu público e entender se faz sentido investir nesse mercado tão rico de opções.

Produtos para cabelo

22. Maquiagem

O mercado de beleza como um todo é um dos que mais crescem, especialmente no Brasil.

Por fazer parte da rotina de muitos brasileiros, as maquiagens são produtos com grande saída e se beneficiam das vantagens do comércio virtual.

Contudo, quanto mais clientes estão na internet buscando maquiagens e produtos de cuidados pessoais, maior se torna a concorrência do segmento.

maquiagem

23. Óleo para barba

Os produtos de higiene para homens tornaram-se populares nos últimos anos, e um dos mais preferidos é o óleo de barba.

Ter uma barba bem cuidada vem se tornando um fator elementar para a aparência dos homens, e eles se esforçam para obter cuidar dos pelos do rosto.

O óleo de barba melhora a textura, aumenta o crescimento dos pelos e melhora a aparência geral. É um produto muito procurado e uma ótima opção para vender online.

Se você gosta do segmento, pode considerar a venda de uma linha completa de produtos para beleza masculina, com alisador e xampu para barba, por exemplo.

Produtos para barba

24. Cosméticos naturais

Todos querem uma melhor aparência, mas a quantidade de produtos químicos e aditivos em muitos cosméticos leva parte dos consumidores para as opções naturais.

Está ocorrendo em todo o mundo um afastamento dos produtos produzidos em massa e cheios de ativos químicos em direção aos caseiros, orgânicos e ecológicos.

Em outras palavras, é o momento perfeito para vender os próprios cosméticos naturais e entrar no movimento.

Cosméticos naturais

25. Artigos para decoração

Lojas virtuais de decoração estão voltadas para um público amplo, o que possibilita uma boa quantidade de consumidores recorrentes.

É possível vender para um nicho específico nessa categoria, como decoração para festas, decoração com temática, decoração para eventos corporativos e decoração para casa.

Mas também é possível vender de tudo um pouco na mesma loja virtual, como vasos, itens decorativos para mesa, quadros, murais, porta-retratos e muito mais.

Artigos para decoração

26. Tapetes de yoga e pilates

À medida que mais pessoas se acostumam com a vida sem academia e mudam para uma rotina de exercícios para casa, tapetes para yoga, pilates e outros exercícios provavelmente manterão sua popularidade.

Para vender esses tapetes, muitas lojas estão fazendo com que o público compartilhe fotos de si mesmo usando os produtos e mostrando as mais positivas no site da loja.

yoga e pilates

27. Almofadas

As pessoas adoram travesseiros e almofadas. Não é à toa que trocar travesseiros é uma maneira ótima e barata de tornar o quarto um cômodo mais confortável da casa.

Por questão de higiene, também há muitas pessoas que trocam os seus travesseiros de tempos em tempos.

Com o aumento da compra de itens básicos no comércio virtual, não é surpresa que os travesseiros apareçam na lista dos produtos mais vendidos na internet.

Há uma variedade de tecidos e padrões para desenvolver suas próprias almofadas, mas você também pode comprar esse item de um fornecedor e revendê-lo online.

almofadas

28. Ferramentas de construção

Existem muitas linhas de produtos que um vendedor pode explorar nesta categoria para lucrar no comércio virtual.

É possível vender, por exemplo, itens de segurança como equipamento de proteção individual, proteção de queda e lanternas.

Itens manuais do dia a dia também fazem grande sucesso, como furadeiras, serras, martelo, pregos, grampos e outras ferramentas de alvenaria.

Ferramentas de construção

29. Artigos de armarinho

Muitas pessoas vendem artesanatos na internet ou fora dela.

Por isso, o último item da nossa lista tem como característica atender esse tipo de público que busca mão-de-obra para suas artes.

Botões, linhas e elásticos são apenas alguns dos variados itens da modalidade.

Se esse for seu público-alvo, invista neste mercado tão carente de boas lojas que atenda as suas demandas recorrentes.

Artigos de armarinho

Quais são os segmentos mais vendidos?

Um fator determinante para aumentar as vendas da sua loja virtual é investir naqueles produtos que a maioria dos consumidores procura.

A lista dos segmentos que estão em alta revela quais são os produtos com maior potencial de vendas atualmente. Veja quais são eles a seguir.

Alimentos e bebidas

Os brasileiros são assíduos consumidores de doces e sobremesas, frios e laticínios, carnes, condimentos e produtos hortifrúti.

Quem aposta na venda online desse tipo de mercadoria tem grandes chances de dar certo.

Pois, desde a pandemia, cresceu bastante a adesão do consumidor pela compra de alimentos e bebidas pela internet.

O segmento de alimentos e bebidas foi o que mais cresceu em vendas no último ano, de acordo com uma pesquisa realizada pela NielsenIQ|Ebit. O aumento foi de 107% nas vendas.

No Brasil, diversos marketplaces adotaram os produtos alimentícios e passaram a investir nesse segmento com ações promocionais para impulsionar os anúncios dos vendedores.

Produtos para bebê e criança

Na pesquisa da NielsenIQ|Ebit, a categoria bebês & cia ocupa o segundo lugar dentre os segmentos que mais venderam no último ano.

Enquanto as pessoas continuarem tendo bebês, continuará a haver uma demanda por produtos para bebês e crianças.

Mesmo apesar da universalidade da criação de filhos, ainda existem tendências nesse mercado que podem ser exploradas por varejistas experientes de comércio eletrônico que procuram coisas novas para vender.

Oportunidade de negócio: Como criar uma Loja Virtual para Bebês

Construção e ferramentas

Lojas virtuais e marketplaces que vendem itens de construção e ferramentas também estão fazendo sucesso.

Nessa categoria, é possível encontrar produtos como furadeira, serra elétrica, utensílios para jardinagem e caixa de ferramentas.

Esses aparelhos têm sido bastante buscados por profissionais da construção civil e por consumidores comuns que desejam colocar a mão na massa.

Eletrônicos e acessórios

Um dos pilares do mundo do comércio eletrônico, eletrônicos e acessórios associados regularmente se destacam como os produtos mais vendidos online.

Nesse mercado, é melhor tentar encontrar nichos novos e empolgantes nesse mercado reconhecidamente lotado.

Animais de estimação e cuidados com os animais

Há muito tempo as pessoas estão dispostas a gastar dinheiro com seus animais de estimação, antes mesmo de si mesmas.

Com isso em mente, vender produtos direcionados a donos de animais pode ser um nicho muito lucrativo para você entrar.

Decorações

As decorações também são produtos promissores que você pode considerar vender na internet, porque sempre haverá uma festa que precisa de fitas e toalhas para mesa.

Além das decorações para eventos comemorativos, muitas pessoas querem que sua casa seja mais animada e fotogênica, adicionando decorações aqui e ali.

Ornamentos, cerâmica e molduras são atualmente algumas das decorações para casas mais rentáveis do segmento.

Acessórios de viagem

Este é um dos melhores mercados para começar a vender na internet.

As lojas virtuais que vendem acessórios para viagem possuem um público constante de turistas, mas também podem aproveitar muitas tendências que trazem novas oportunidades de adicionar itens à vitrine.

Acessórios para smartphone

Baratos para produzir, comprar no atacado, armazenar e enviar, os acessórios para smartphones vendidos em uma loja online podem atingir praticamente todos os grupos demográficos.

Dada a abundância de smartphones e proprietários de smartphones, este é um mercado confiável para entrar, com muitas tendências para capitalizar.

Bijuterias e acessórios de moda

Uma razão pela qual os acessórios de moda são ótimos tipos de produtos para vender é que eles são supercompactos, fáceis de guardar (mesmo em sua própria casa) e enviar.

Também é muito fácil criar um intervalo que cubra vários pontos de preço, para que você possa comercializar para um grupo demográfico relativamente grande.

Saúde e beleza

Este tipo de produto atravessa a linha entre o que os consumidores querem e o que eles precisam.

É um mercado muito suscetível a tendências, então esteja preparado para ser flexível se você iniciar um negócio online nesse nicho.

Certifique-se de que também compreende os regulamentos sobre produtos específicos.

Roupas

Nem todos usamos produtos para beleza, mas todos nós usamos roupas. Muitas vezes, compramos toneladas de roupas que nem usamos.

Apesar de ser um segmento com grande demanda, esse é um dos mais desafiadores para entrar, especialmente se você acabou de iniciar sua loja virtual.

No entanto, se você vender produtos sob demanda e encontrar um nicho exclusivo, pode ser altamente lucrativo.

Que tal roupas esportivas para ciclismo, vestidos de maternidade ou roupas da moda para crianças?

Para que as pessoas escolham sua loja em vez de qualquer outra, ela deve oferecer produtos únicos.

Treino e exercício

As pessoas experientes em negócios saberão como é fácil comercializar equipamentos de treino e exercício.

Se você pode estar à frente das últimas tendências, pode capitalizar as últimas tendências fitness.

Produtos médicos e hospitalares

Eles podem não ser os bens de consumo mais óbvios para as pessoas comprarem online, mas este ano houve um aumento surpreendente no número de pessoas que compram suprimentos médicos online.

Para evitar restrições em qualquer área geográfica, aqui discutiremos apenas itens que não são regulamentados.

Eco-friendly

Não é difícil encontrar um público com demanda por uma alternativa ecológica aos produtos do dia a dia.

Além de ter menos impacto no planeta, os consumidores esperam cada vez mais que os produtos ecologicamente corretos apresentem designs artísticos e interessantes.

Quais são os benefícios de vender online?

Para quem já está convencido de que vender online é uma decisão lucrativa, algumas vantagens do comércio virtual podem parecer óbvias. Outras, nem tanto.

A seguir, descubra algumas coisas positivas que você talvez ainda não sabia sobre abrir um negócio online.

As compras online são mais convenientes para os consumidores

Tudo o que o seu cliente precisa para comprar online é de um computador funcionando, uma conexão com a internet e voilà!

Na ponta dos dedos, um cliente pode visitar o seu site e realizar uma compra sem sair de casa. É uma maneira muito mais fácil e atrativa de fazer compras.

Uma loja online envolve menos custos

Comparada a um negócio tradicional, uma loja virtual é mais barata e requer menos investimento.

Os varejistas que montam uma loja física pagam despesas como aluguel, reparos, design da loja, mercadorias e assim por diante.

Enquanto isso, os custos de vender online envolvem, basicamente, a plataforma de e-commerce, domínio, ferramentas de segurança, tarifas para vender em marketplace e os custos com estratégias de marketing.

Funcionamento 24 horas por dia

Com uma loja virtual, você não precisa se preocupar com os clientes que não compram por ser tarde demais ou antes do horário de funcionamento.

Os produtos escolhidos podem ser encomendados 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Sem barreiras para começar

Com a plataforma de e-commerce certa, sua loja virtual pode estar pronta e funcionando em questão de alguns dias.

Se você comparar com quanto trabalho é necessário para abrir uma loja física, uma loja online basicamente se configura.

Alcance maior de consumidores

Você pode aumentar seu alcance para praticamente todas as regiões do país (ou para o mundo todo) com uma loja virtual.

Ao conectar produtos inovadores com uma estratégia de marketing, você alcançará um mercado consumidor muito maior do que alcançaria em uma loja tradicional.

Monte sua loja virtual e ative a sacolinha das redes sociais

Como começar a vender na internet?

Então, você está interessado em comercializar algum dos produtos mais vendidos na internet, não é?

Talvez você sonhe em começar seu próprio negócio online ou talvez só queira alguma renda extra no bolso.

Seja qual for o motivo, o comércio virtual oferece grandes oportunidades para qualquer pessoa com conexão à internet.

A seguir, confira algumas ações básicas para começar a vender do zero!

Escolha um segmento para vender

Embora seja aceitável começar a vender um produto com o qual você não está familiarizado, sempre que possível, você deve usar sua experiência anterior. Pergunte a si mesmo:

  • Há algum setor ou mercado com o qual você esteja particularmente familiarizado?
  • Há algum tipo de produto com o qual você trabalhou antes que possa ser uma escolha adequada?
  • Você tem algum insight de um negócio anterior que possa informar sua decisão?

Trabalhar com produtos com os quais você está familiarizado ou entende lhe dará uma vantagem.

É um bônus adicional se você tiver uma paixão genuína pelos produtos que vende; isso irá ajudá-lo a comercializá-los de forma eficaz

Encontre um nicho de mercado

A demanda por um produto deve, até certo ponto, ser inexplorada.

Isso significa que há uma lacuna no mercado para que você venda para um grupo de clientes que busca uma solução.

As pessoas que desejam o produto devem estar em um grupo demográfico claramente definido e fácil de comercializar.

Se todos os seus clientes possuem diferenças em localização, interesses e biografia, os seus custos de marketing serão altos.

Crie uma loja online

Ter uma loja online dedicada apenas à venda de seus produtos permitirá que você construa sua marca com muita rapidez e se comunique com os clientes de maneira personalizada.

Você também poderá instalar várias ferramentas de análise para obter informações valiosas e tomar melhores decisões de negócios.

Existem várias plataformas que você pode usar para criar uma loja de comércio eletrônico.

Venda em um marketplace

Outro canal digital bastante útil para vender os produtos é o marketplace. É uma plataforma que reúne em um só domínio vários vendedores.

Os marketplaces mais famosos no Brasil são a Amazon, Americanas, Magalu, Mercado Livre, Shopee e OLX.

Eles têm a vantagem de divulgar os produtos para um público amplo e ter consumidores fiéis. Isso permite que a sua loja ganhe uma credibilidade só de vender dentro do site.

No entanto, você terá de enfrentar uma concorrência alta, pois essas plataformas provavelmente promoverão outros produtos semelhantes aos seus.

Para ter sucesso, você precisa escolher o mercado online certo para o seu negócio.

Considere os dados demográficos, taxas e categorias de produtos de cada mercado antes de tomar sua decisão.

Use fotos de produtos de alta qualidade

As fotos do produto desempenham um papel importante na decisão de compra de um consumidor online.

Imagens de alta qualidade dobram as chances de um consumidor colocar o produto no carrinho e fechar uma venda.

Por outro lado, fotos de baixa resolução ou poucas fotos do produto não colaboram para que o consumidor sinta segurança suficiente para fechar uma compra.

O melhor de tudo é que uma boa fotografia de produto não precisa ser feita com um equipamento caro. Portanto, não se preocupe se você tiver um orçamento limitado.

Dicas para boas fotos de produtos apenas com o celular!

Escreva descrições de produtos amigáveis ​​para SEO

Outro fator que influencia os potenciais clientes a comprar produtos em marketplaces online são as descrições dos produtos.

Quando trazem detalhes do produto, as descrições influenciam positivamente o cliente e fazem com que ele compre o produto. Descrições mal escritas têm o efeito oposto.

Para criar boas descrições, pergunte a si mesmo o que eles gostariam de saber sobre o produto. Mantenha as descrições simples e evite jargões.

Aplique regras regulares de SEO às descrições.

É aconselhável incluir palavras-chave relevantes nas descrições para que o produto apareça nos resultados de pesquisa do Google, bem como em qualquer outro mecanismo de pesquisa.

Expanda sua presença nas redes sociais

Entrar na onda das redes sociais é ótimo para ganhar mais exposição, além de ser absolutamente grátis.

Você pode escolher plataformas como Facebook, Instagram, Twitter, TikTok e outras para alcançar seu público.

No início, quanto mais pessoas virem seus produtos nas redes sociais, maiores serão as chances de você realmente direcionar mais tráfego para sua loja virtual e fazer vendas.

A lista de produtos mais vendidos na internet é extensa e oferece muitas oportunidades para que você ganhe um dinheiro sem sair de casa. Resumindo, os itens são:

  • Smartphones;
  • Notebooks e acessórios;
  • Câmeras fotográficas;
  • Produtos LED;
  • Videogames e consoles;
  • Relógios inteligentes;
  • Livros;
  • Fones de ouvido sem fio;
  • Cursos online;
  • Audiolivros e podcasts;
  • Fotografia;
  • Cadeira de escritório;
  • Brinquedos;
  • Jogos de tabuleiro;
  • Máscaras descartáveis;
  • Cinta modeladora;
  • Sapatos;
  • Acessórios;
  • Itens do mercado Pet;
  • Perfumes;
  • Produtos para cabelo;
  • Maquiagem;
  • Óleo para barba;
  • Cosméticos naturais;
  • Artigos para decoração;
  • Tapetes de yoga e pilates;
  • Almofadas;
  • Ferramentas de construção;
  • Artigos de armarinho.

Continue explorando várias ideias e em breve você encontrará a oportunidade de desenvolver um negócio online de sucesso.

Apenas certifique-se de considerar as dicas que trouxemos até aqui.

Agora que você já sabe quais são os produtos mais vendidos na internet, que tal aprender mais?

Confira agora o e-book que a Escola de E-commerce preparou com 17 estratégias que vão turbinar as suas vendas!

Não há comentários ainda. Seja o primeiro a escrever um.

Deixe seu comentário