Por que não dar desconto no e-commerce e quais estratégias adotar?

Uma pergunta bastante comum no mundo dos negócios e entre os empreendedores do e-commerce é: por que não dar desconto? Isso acontece […]

Uma pergunta bastante comum no mundo dos negócios e entre os empreendedores do e-commerce é: por que não dar desconto? Isso acontece porque muitos consumidores são atraídos por preços abaixo do mercado e costumam escolher entre uma marca e outra baseados no desconto.

Contudo, é preciso saber que existem alternativas que agregam muito mais valor à marca do que os tradicionais descontos. Portanto, é preciso saber o que fazer para evitar descontos e ainda assim conquistar a confiança dos clientes e dar mais credibilidade para a empresa.

Quer saber mais sobre o assunto? Então continue com a gente, é sobre isso que falaremos neste artigo!

Por que não dar desconto no e-commerce

Dar descontos nos modelos de negócios online pode não ser uma alternativa muito viável, apesar de muitas empresas adotarem essa medida como um diferencial competitivo. No entanto, quando empresas competem por clientes baseando-se apenas em descontos, muitos fatores podem ser negativos.

Quando um cliente consome baseado em descontos, ele tende a se sentir confortável para esperar abatimento nos valores sempre que for consumir de uma determinada marca. Além de desvalorizar o produto e a imagem do negócio, o faturamento pode não coincidir com as contas a pagar no fim do mês.

Além disso, quando seu negócio se baseia em descontos, os concorrentes podem se valer da mesma estratégia, o que torna o negócio não rentável e a competição por preços deixa o produto sem o valor agregado necessário para atrair consumidores e se tornar uma referência pela qualidade dos produtos e pela experiência oferecida.

Contudo, existem momentos em que o desconto pode ser muito bem-vindo. É preciso ter clareza e saber aproveitar as datas certas e utilizar de gatilhos que deixem clara a urgência de consumir o produto e a escassez que o produto está sujeito.

Alguns momentos em que o desconto pode ser utilizado são:

  • datas comemorativas;
  • clientes exclusivos;
  • troca de estoque.

Contudo, é fundamental que os empreendedores de e-commerce saibam por que não dar desconto e entendam que existem maneiras muito mais eficientes de atrair e converter clientes utilizando outras estratégias. Quer saber como? É simples, basta continuar a leitura.

5 estratégias alternativas para evitar o desconto

Por mais que os consumidores adorem e sejam atraídos por descontos, mesmo que o valor seja baixo, é preciso conhecer outras alternativas que deixem a marca mais atrativa e criem um desejo nos consumidores sem a necessidade de baixar os preços ou competir com os concorrentes por meio de descontos. Confira algumas dessas maneiras a seguir.

1. Qualidade dos produtos

A qualidade dos produtos é hoje um fator determinante para que consumidores se decidam por uma marca. É importante lembrar que algumas marcas possuem produtos com alto valor e mesmo assim conseguem se manter e se destacar no mercado. A qualidade do material, a durabilidade do produto, a experiência de consumo, o atendimento e a atenção ao cliente são fatores determinantes para o sucesso de um negócio.

Quando a qualidade dos produtos é percebida, o consumidor entende que está pagando um valor justo, mesmo que alto, por um produto que é de qualidade e desejo de muitas pessoas. Portanto, invista em produtos de qualidade para que os clientes se sintam realizados ao consumir da sua marca.

2. Frete grátis

Quando possível, ofereça frete grátis. Muitas marcas já se utilizam desse recurso e os consumidores já esperam comprar produtos sem a taxa de entrega. Essa estratégia pode gerar um senso de urgência, e os clientes podem se sentir impulsionados a consumir da sua marca.

Ao escolher por um produto e se decidirem pela compra, o cliente pode se sentir lesado ao ter que arcar com uma “taxa extra” para receber o produto desejado. Isso desestimulará a compra e ainda abrirá espaço para que o concorrente realize a venda.

3. Formas de pagamento facilitadas

Com essa alternativa, a ideia é simplificar as formas de pagamento e oferecer o maior número possível de alternativas de compra. Quando um produto apresenta um valor elevado, o consumidor que puder parcelar esse valor pode se sentir estimulado a realizar a compra. A possibilidade de pagar com uma diversidade de cartões de crédito também abrange uma parcela maior de clientes.

Quando a vida dos clientes é simplificada, as chances de ele fazer negócios com a sua marca são muito maiores — independentemente do valor dos produtos ofertados.

4. Ofertas cross-sell

Nesse modelo de vendas, outro produto é oferecido para complementar uma venda inicial. Com isso, é possível oferecer um kit de produtos que se complementem e aumentar as vendas, podendo oferecer preços mais competitivos, já que mais de um produto será vendido para o mesmo cliente.

Criar o desejo para a aquisição de produtos que se complementem é uma excelente estratégia, já que o consumidor realizará a compra com a sensação de que está com um conjunto de produtos que tornarão a sua vida muito mais facilitada.

5. Investimento na experiência do cliente

Proporcionar uma boa experiência de compras para o consumidor em todas as etapas, o ajuda a se sentir pertencente à empresa e ainda fortalece o processo de fidelização de clientes.

O fundamental é que ele seja atendido em todos os estágios da venda. Portanto, disponibilize um canal de comunicação eficiente, converse de maneira humanizada, ajude a tirar suas dúvidas, responda suas reclamações e preste um atendimento adequado às necessidades e insatisfações.

O impacto positivo dessas estratégias

Todas as estratégias apresentadas neste artigo ajudam a tornar a experiência de compras muito mais prazerosa e eficiente. Os consumidores tendem a ter uma percepção muito mais positiva sobre o seu negócio e as chances de eles continuarem comprando os seus produtos e indicando as suas soluções é muito maior.

Além disso, com essas estratégias, a necessidade de competir por preço diminui bastante e a sua empresa pode cobrar o preço justo, garantindo os lucros e se tornando referência no mercado, conferindo um diferencial competitivo em relação aos seus concorrentes.

Saber por que não dar desconto é essencial para começar a buscar por alternativas que possam tornar o seu e-commerce muito mais atraente. Investir na experiência do cliente e na qualidade dos produtos, realizar vendas casadas e oferecer frete grátis são algumas alternativas que geram bons resultados.

Para não perder mais conteúdos como este, siga-nos nas redes sociais: Instagram, YouTube, Spotify e Facebook!

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário