Pop-up store: guia completo para você montar uma

Adotar a estratégia de pop-up store para divulgar seu e-commerce é pensar fora da caixa e sair na frente da concorrência. Esse […]

Adotar a estratégia de pop-up store para divulgar seu e-commerce é pensar fora da caixa e sair na frente da concorrência. Esse tipo de ação pode dar bons resultados para seu negócio e ainda deixar sua marca fixada na cabeça do consumidor.

Isso porque os consumidores poderão conhecer seus produtos, sua empresa e os benefícios que eles terão ao consumir de sua loja. Além disso, adotar essa estratégia é uma forma de chamar a atenção até daqueles usuários que não têm o hábito de comprar pela internet.

Como eles não são consumidores online, dificilmente conheceriam seu negócio e o pop-up é uma forma de se apresentar a eles. Mas, do que se trata esta estratégia? Vamos responder esta e outras perguntas ao longo deste post!

O que é pop-up store?

A pop-up store é uma loja física, temporária, que é montada para divulgar e vender os produtos de um e-commerce ou de um estabelecimento físico. Esse tipo de estratégia pode ser adotado para divulgar o lançamento de um produto ou para aumentar as vendas em períodos sazonais como Natal, Dia dos Pais e Dia das Mães.

Além disso, a loja temporária ainda é montada com o objetivo de queimar estoque, testar um tipo de mercado, fazer branding da marca etc. O importante é que a pop-up store seja atraente e tenha a cara de seu e-commerce.

Como funciona?

Como já citamos uma pop-up store é uma loja física, que vai funcionar por tempo determinado, que pode ser dias, semanas ou meses — depende do objetivo da estratégia. O espaço deve ser montado em locais onde há um grande tráfego de pessoas que andam a pé, como centros, shoppings, eventos etc.

No mais, a loja pode ser móvel, o que permite que um público maior tenha contato com sua marca. Apesar de gerar um custo para o lojista, montar uma pop-store é bem mais barato do que uma loja física tradicional.

Essa é uma tendência que está sendo bastante utilizada no varejo atualmente. Uma pop-up store pode ser montada em um espaço pronto, onde só é necessário mudar a decoração e colocar os produtos de sua loja. Utilizar estruturas temporárias, como contêineres, também é válido.

Quais as vantagens de montar uma pop-up store?

Uma pop-up store é aberta apenas em ocasiões específicas e os benefícios de adotar essa estratégia de marketing vão muito além de vender e ter lucros. Ela tem muito a acrescentar ao seu negócio e em se tratando de um e-commerce, os benefícios são ainda maiores.

A seguir, vamos citar algumas vantagens de montar uma pop-up store para divulgar sua loja virtual.

Atendimento de demandas sazonais

Mesmo com o crescimento absurdo das vendas online, ainda é bastante comum que os consumidores façam suas compras em lojas físicas em datas sazonais. Isso porque comprar um produto pessoalmente permite ao cliente tocar, experimentar e testar a qualidade da mercadoria.

Tudo isso somado ao fato de que em datas comemorativas, as pessoas compram para presentear. Nesse casos, comprando em uma loja física, fica mais fácil trocar os produtos, ele não sirva ou a pessoa que ganhou não goste.

Por isso, adotar esta estratégia em períodos como Natal, Dia dos Pais, Dia dos Namorados e Dia das Mães é uma excelente forma de melhorar a experiência do cliente com sua marca e aumentar o volume de vendas.

Aumento do engajamento

Abrir uma loja temporária é oferecer ao seu cliente uma experiência diferente do seu negócio. Como ele está acostumado a ter contato com sua marca apenas pela internet, ter um espaço físico vai dar a ele a oportunidade de conhecer uma gama maior de produtos. Essa novidade tanto vai aguçar a curiosidade de seus clientes habituais como atrair outros para sua loja.

Ativação da marca

Experiências valem mais do que coisas e é exatamente com essa filosofia que a ativação de marca trabalha. A estratégia visa criar memórias na mente do consumidor e fazer parte da vida dele. Dessa forma, sua empresa consegue gerar valor e ficar mais próxima de seu público-alvo.

Baixo custo

Uma das grandes vantagens de um pop-up store é o baixo custo. Diferente de quando vamos abrir um estabelecimento fixo, para ter uma loja temporária não é necessário um investimento tão alto em estrutura física e reformas. Isso porque é possível aproveitar um espaço físico já pronto ou simplesmente abrir um quiosque no shopping.

Como a loja só vai funcionar por um determinado período, os custos com aluguel e contas com luz e água também são reduzidos.

Diminuição de riscos

Quando o e-commerce começa a ter sucesso, é comum que o empreendedor tenha interesse em abrir uma loja física. Mas, como saber se o consumidor vai gostar da novidade? Mesmo que sua loja virtual tenha um bom volume de vendas, entrar de cara no desconhecido pode ser um risco.

Então, apostar em uma pop-up store é uma forma de ter uma experiência de como funciona uma loja física. Além disso, a estratégia é útil para saber como será a aceitação do consumidor em relação à novidade.

Conquista de novos clientes

O setor de e-commerce é bastante competitivo e provavelmente há diversas lojas que oferecem produtos similares aos do seu negócio. Então, mesmo que seu negócio tenha um bom volume de vendas, abrir uma pop-up store vai permitir que você apresente seu negócio para pessoas que ainda não tiveram a oportunidade de conhecê-lo.

Além disso, como os clientes estão acostumados com o atendimento online de sua loja, com uma estrutura física eles terão a experiência de serem atendidos por pessoas reais e tirar dúvidas que talvez não tenham conseguido no site.

Inovação

Apesar de ser tendência no varejo, nem todas as lojas adotam esse tipo de estratégia para alcançar seu público. Então, montar uma pop-up store para seu e-commerce é uma forma de inovar no relacionamento com seus clientes e ter um novo canal de vendas.

Esse fator vai ajudar a fortalecer a imagem de sua marca, pois o consumidor vai enxergar seu e-commerce como uma empresa que gosta de inovar, e as pessoas apreciam isso. Então, essa estratégia vai dar um diferencial competitivo para seu negócio.

Como montar uma pop-up store?

Agora que você já sabe os benefícios da apostar nessa estratégia, deve entender todos os detalhes envolvidos. Dessa forma, será capaz de abrir a loja no local e hora certos, pois isso influencia no desempenho de sua pop-up store.

Por isso, é importante fazer um bom planejamento, pois apesar de não ser um processo tão complicado, se a estratégia não for bem executada, você corre o risco de ter prejuízos em seu negócio.

Para ajudar você nessa tarefa, vamos citar alguns pontos que devem ser colocados em seu planejamento para abrir uma loja temporária. Veja só!

Escolha dos produtos

Quais produtos serão vendidos em sua pop-up store? O espaço costuma ser menor do que uma loja física, logo, ela pode ser do tamanho de uma mesa ou de uma quiosque. Por isso, ela não vai comportar tudo que é comercializado em sua loja virtual.

Outro ponto que deve ser levado em consideração é que a loja vai funcionar por tempo determinado. Por isso, é importante focar em uma categoria ou em produtos específicos. Uma boa dica é escolher itens que combinam com a data em questão.

Por exemplo: se você montou um pop-up store para o Dia dos Pais, leve apenas peças para homens. Se for para Dia dos Namorados, mercadorias que chamam a atenção dos casais apaixonados. Seguir essa regra ajuda a ter mais chances de sucesso.

Precificação dos produtos

Outra questão que deve ser analisada com bastante cuidado é o preço dos produtos que serão vendidos em sua loja temporária. O ideal é estudar o poder aquisitivo dos consumidores para chegar a um valor que seja bom para ambos os lados.

Nesse caso, oferecer produtos com um preço mais acessível ou fazer uma promoção é uma boa forma de chamar a atenção do público e ainda ter um bom volume de vendas.

Orçamento

O espaço para a montagem da loja temporária pode ser simples e pequeno, mas é preciso estabelecer um orçamento. Caso contrário, você corre o risco de gastar mais do que o necessário, o que vai impactar negativamente no resultados da ação.

Para saber exatamente quanto gastar, ponha na ponta do lápis o valor do aluguel do espaço, custos com mobiliário, campanhas de marketing, contratação de pessoal e outras despesas necessárias para manter o funcionamento da loja.

Local da pop-up store

Esta é uma das etapas mais importantes e deve ser definida com bastante cautela. O local precisa ter um fluxo muito grande de pessoas, mas o mais importante de tudo é que o público que transita pela área deve a persona de seu negócio.

Então, estude diversos locais onde seu público-alvo está para montar sua pop-up store. Vale levar em consideração o valor do espaço, pois ele deve estar dentro do orçamento disponível.

Dependendo do valor da locação do espaço, pode ser mais interessante colocar um quiosque no shopping do que alugar um contêiner ou fazer um estande em um evento, por exemplo.

Divulgação das datas de lançamento

Antes de abrir sua pop-up store, é preciso fazer um bom trabalho de marketing para divulgação da loja. O cliente deve ser informado sobre as datas de abertura e de encerramento, a localização e o horário de funcionamento da loja.

Para fazer a propaganda da loja, você pode utilizar diversos canais de comunicação, como e-mail marketing, redes sociais e banners em seu e-commerce. O importante é que os anúncios alcancem o maior número de pessoas possível.

Quais os melhores cases de sucesso?

Se chegou até aqui, mas ainda está com dúvidas sobre o funcionamento dessa poderosa ferramenta de marketing na prática, vamos citar alguns exemplos reais para inspirar você!

Nike

A Nike já adotou a estratégia de utilizar pop-ups stores há um bom tempo e encontrou uma forma muito interessante de alcançar seu público-alvo. A empresa criou um aplicativo para esse fim. Quando fez o lançamento de produtos, a marca mandou convite para os consumidores comparecem a diversos locais, como shows e parques.

O objetivo da Nike foi proporcionar uma nova experiência ao público, criando uma interação e deixando a empresa mais próxima de seu cliente em potencial.

Havaianas

A ação do Havaianas foi a montagem de um mural de compras baseado em Inteligência Artificial no calçadão de Venice Beach, na Califórnia. O objetivo da pop-up store era direcionar o cliente para a loja virtual da marca e, no fim, enviar um par de sandálias de uma cor específica para o cliente.

Pantone Cafe

A Pantone é muito conhecida mundialmente por seu trabalho de controle e especificação de cores. A empresa é responsável por definir cores e tonalidades, o que trouxe popularidade para a marca.

Então, quando resolver abrir o Pantone Cafe, inspirado nas cores sólidas da paleta. Cada item vendido no cardápio do restaurante, tanto bebidas quanto comidas, têm uma cor correspondente, combinando visual, sabor e design, o que cria uma experiência única para o consumidor.

Sephora

Para expandir suas lojas em São Paulo, a Sephora apostou na abertura de uma pop-up store. Então, a marca abriu uma loja temporária no Shopping Center Norte, onde ainda não tinha unidades da empresa. Dessa forma, pôde testar a aceitação do público e a viabilidade da abertura de novos estabelecimentos.

Qual a importância da plataforma de e-commerce?

Que é necessário escolher um bom sistema de gerenciamento de loja para ter bons resultados nas vendas online, você já sabe, certo? Mas qual influência de uma plataforma no sucesso de uma pop-up store? Bom, na realidade é ao contrário.

Quando uma empresa cria uma loja temporária, o fluxo de seu e-commerce tende a aumentar, pois a marca alcançou mais visibilidade. Então, é necessário ter uma boa plataforma para suportar o aumento do tráfego e das vendas.

Há diversas plataformas de e-commerce disponíveis no mercado. Por isso, na hora de escolher, o ideal é optar por um sistema completo, que oferece integração com outras ferramentas como Google Marketplace, que otimiza as vendas.

Loja física x Loja online

Em conclusão, é importante ressaltar um detalhe.

Lojas físicas e lojas virtuais não são inimigas! O que vemos atualmente é a alta necessidade de todas as lojas físicas terem opção online e vice-versa.

Isso porque, o cliente é versátil. Ao mesmo tempo ele deseja comprar algo sem precisar se preocupar com estacionamento e lojas lotadas.

Entretanto, por outro lado, em alguns momentos ele também deseja dar aquele pulinho no shopping para comprar um presente de última hora. Assim já aproveita para tomar um sorvete.

São inúmeras possibilidades. Seja um e-commerce flexível, dentro da sua realidade, é claro.

Conte com a Escola de E-commerce para auxiliar em suas estratégias. Assine nossa newsletter e fique por dentro de todas as novidades!

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário