Saiba como criar sua loja virtual sem gastar muito e ter sucesso
Produtos para revenda – Onde comprar produtos para revender

Fim do E-Sedex: Entenda o que muda para as lojas virtuais

Publicado em: • Última Atualização:

Na última segunda-feira ( 19/06/2017 ) os Correios encerram oficialmente o serviço de e-Sedex, essa mudança deverá ter um impacto negativo no e-commerce como um todo, entenda aqui nesse artigo como você será afetado.

O que muda com o fim do e-Sedex

Com a descontinuidade do produto, tanto as lojas virtuais como os consumidores sofrerão um pouco mais com os valores incidentes de transporte dos pedidos, já que perdem a forma mais barata e funcional de envio expresso, o que deve impactar diretamente na conversão em vendas das lojas.

Agora o logistas que usarem os correios deveram utilizar os outros serviços oferecidos: Sedex e PAC, isso sem dúvida vai influenciar no valor da venda final, quem optar pelo Sedex conseguirá entregar o produto mais rápido no entanto o valor chega a ser 30% maior que o do e-Sedex, já quem optar pelo PAC paga menos, mas tem de esperar bem mais até a entrega do produto.

O que é o e-Sedex?

Com o crescimento constante do comércio eletrônico no Brasil, os Correios não pensaram nem duas vezes em criar um produto específico para atender a grande demanda gerada pelas vendas online.

O nascimento do e-Sedex na estatal foi vista com ótimos olhos desde o seu projeto até hoje. Pois além de oferecer o prazo expresso (característico do Sedex), ainda tinha um custo bem menor que o valor do seu produto pai, já que só podia ser utilizado em empresas de comércio eletrônico.

carta-anuncio-correios-descontinuidade-e-sedex-11
No fim do ano passado os Correios anunciaram que o serviço chegaria ao fim.

 

As opções

Com isso restaram como opções de envios via Correios os produtos PAC e Sedex. Para lojistas que já possuem grande fluxo de envio, obter um contrato com a estatal e readequar suas tabelas de frete na loja virtual é o melhor caminho.

Já para lojas que ainda tem um fluxo pequeno ou moderado de pedidos em que não há a possibilidade de realizar um contrato direto com os Correios. A melhor opção é utilizar ferramentas que intermediam os contratos, o Tray Frete Fácil é um exemplo nato, pois mesmo com o fim do e-Sedex ainda consegue oferecer opções de envio via Correios até pela metade do preço, se comparado com os valores praticados no balcão.

Bom… Espero que eu tenha ajudado a explicar o que acontecerá no e-commerce com mais essa mudança anunciada para 2017. Deixo aqui o espaço aberto para ouvir a sua opinião ou dúvida sobre o assunto, será um prazer respondê-las.

Abraços!

Ficou com alguma dúvida? Faça parte do nosso grupo no Facebook com especialistas em e-commerce e outros lojistas e envie sua pergunta.

Está pensando em criar uma loja virtual? Faça o teste e descubra se você está pronto!

Fim do E-Sedex: Entenda o que muda para as lojas virtuais
Avalie esse artigo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *