SEO on page: 7 técnicas para colocar em prática no e-commerce
Correios passa cobrar taxa de R$15,00 para encomendas internacionais

O que é preciso e como vender na Magazine Luiza?

Publicado em: • Última Atualização:

Você sabe como vender na Magazine Luiza? Se ainda não conhece esse sistema, vale a pena conferir como vender produtos nesse marketplace. Com centenas de lojas espalhadas pelo país, a Magazine Luiza é um dos grandes nomes do varejo brasileiro.

A história da empresa está intimamente relacionada ao comércio pela internet, já que, em 2015, a rede enfrentava prejuízos e essa situação foi revertida com investimento no e-commerce, que teve como resultado um aumento de 60% nas vendas por meio desse canal.

Neste post, vamos abordar como criar uma conta para vender itens por meio do sistema da Magazine Luiza e como esse método funciona. Confira!

Como funciona o Magazine Você?

Magazine Você é o nome do marketplace da Magazine Luiza. O sistema permite que qualquer lojista aprovado tenha um e-commerce personalizado para vender o que desejar dentro do site da Magazine Luiza. Para isso, é preciso preencher um formulário e passar por um processo de seleção.

Ao aderir a esse método, a loja é sua para vender o que desejar e também para definir a ordem dos produtos. Caso seu site utilize uma plataforma com capacidade de integração com a Magazine Luiza, é possível integrar tanto o sistema de pagamento quanto o de frete e controle de estoque.

Você pode colocar 60 itens disponíveis na sua loja dentro da Magazine Luiza e também pode inserir 12 produtos no estoque de segurança. Dessa forma, se um dos artigos vender todas as unidades, um dos itens de segurança imediatamente se torna disponível no marketplace.

A Magazine Luiza trabalha com uma grande variedade de produtos que vai desde eletrônicos e eletrodomésticos até cosméticos, móveis e papelaria. Portanto, a empresa já tem clientes nessas áreas, o que facilita a inserção de itens relacionados.

Os aspectos técnicos da compra — que envolvem, por exemplo, o checkout, o pagamento a e garantia — ficam sob responsabilidade da Magazine Luiza. Pelo serviço prestado de hospedagem dos anúncios e pela divulgação, a loja cobra diferentes porcentagens sobre o valor das vendas realizadas. Esse valor fica sempre entre 2,5% e 4,5% do total do produto. A comissão é paga semanalmente aos vendedores, desde que o valor devido atinja, no mínimo, R$50,00.

Caso o vendedor tenha dificuldades, a Magazine Luiza tem uma equipe dedicada a tirar dúvidas, auxiliar na divulgação, conduzir treinamentos e acompanhar os vendedores em todo o processo.

Outra possibilidade é criar a sua loja utilizando uma plataforma integrada com o marketplace da Magazine Luiza — dessa forma, você pode trabalhar com a sua própria identidade e ampliar sua gama de opções dentro do site.

Por que vender em um marketplace?

Criar uma loja virtual implica concorrer com centenas ou talvez milhares de outros e-commerces que atuam no mesmo segmento e podem até vender os mesmos produtos. Por isso, é comum que empreendedores comecem suas atividades de vendas pela internet participando de um marketplace.

Assim, a loja se beneficia da estrutura já existente e do fluxo de usuários que já conhecem aquela marca. Atrair usuários para uma loja nova é uma atividade que envolve tempo e dinheiro. Portanto, a possibilidade de utilizar o marketplace torna a loja online viável sem que sejam necessários grandes investimentos em publicidade ou marketing digital.

visibilidade é, portanto, um dos atrativos dos marketplaces. Os comerciantes que se cadastram neles ganham a possibilidade de exibir produtos nas vitrines dos grandes shoppings centers virtuais do país.

Apesar da cobrança de taxas de comissão sobre as vendas, o valor é relativamente baixo. Por isso, a relação custo/benefício também é um atrativo para os comerciantes — afinal, existe a possibilidade de trabalhar com boas margens de lucro e, dessa forma, garantir altos retornos com as vendas realizadas via marketplace.

Além disso, a utilização de uma plataforma já pronta e otimizada elimina a necessidade de conhecimentos específicos relacionados à divulgação na internet. Se você decidir montar a sua loja virtual sozinho, terá que desenvolver conhecimentos sobre como utilizar a plataforma para que seu e-commerce seja encontrado por buscadores como o Google ou então terá que contar com profissionais especializados ou contratar empresas terceirizadas para realizar esse serviço.

No caso do marketplace de grandes negócios, como a Magazine Luiza, podemos ter a certeza de que a empresa conta com setores dedicados à sua plataforma e a fazer com que ela sua utilização pelos parceiros seja cada vez mais fácil. A empresa também se ocupa de ajustes que viabilizem o acesso dos consumidores em busca de produtos.

Portanto, questões como a usabilidade e Search Engine Opimization (SEO) deixam de ser uma problemática quando o vendedor decide utilizar um marketplace.

Por que vender no marketplace da Magazine Luiza?

Por que escolher o marketplace da Magazine Luiza especificamente? Bom, a empresa é um case de sucesso quando o assunto é e-commerce. As vendas pela internet mudaram a história do negócio que, em 2015, enfrentava prejuízos.

O investimento realizado com foco no comércio eletrônico mudou a história da empresa. Desde então, a Magazine Luiza aumentou em 60% suas vendas pela internet enquanto o crescimento total do setor de e-commerce no mesmo período foi de 6%. Ou seja, a empresa expandiu muito o seu Market Share e a importância do comércio via internet é notável no seu balanço.

As vendas dessa categoria já somam 32% do total das vendas da varejista e as vendas via marketplace somaram um total de R$120 milhões.

Como funcionam as formas de pagamento e os prazos da Magazine Luiza?

Ao realizar uma venda pelo marketplace da Magazine Luiza, o vendedor pode definir a quantidade de parcelas de cada produto. É possível parcelar as vendas em até 12 vezes sem juros.

O mesmo prazo se aplica tanto para vendas via cartão de crédito quanto via boleto bancário: o prazo de aprovação do pedido é de 5 dias, com mais 30 dias de prazo para a operadora transferir o valor para a conta do lojista. O vendedor recebe os valores conforme o fluxo de pagamento do cliente.

Como se cadastrar?

Para se cadastrar e se tornar um vendedor, basta inserir seu CPF e dados bancários na plataforma. Caso a pessoa já tenha uma conta na Magazine Luiza, os dados do cadastro são reaproveitados. É assim fácil!

Dessa forma, pudemos analisar como vender na Magazine Luiza. Fatores como visibilidade, relação custo/benefício e estrutura da plataforma estão entre as vantagens de utilizar um marketplace como esse.

Para conhecer uma ferramenta de integração de loja online com o marketplace da Magazine Luiza, entre em contato conosco!

Ficou com alguma dúvida? Faça parte do nosso grupo no Facebook com especialistas em e-commerce e outros lojistas e envie sua pergunta.

Está pensando em criar uma loja virtual? Faça o teste e descubra se você está pronto!

O que é preciso e como vender na Magazine Luiza?
3 (60%) 4 votos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *