O que mais vende no Mercado Livre: 40 produtos que fazem sucesso lá
Taxas do Mercado Livre: tudo que você precisa saber!

O passo a passo definitivo de como tirar fotos de roupas

Publicado em: • Última Atualização:

Em um universo competitivo, buscar estratégias de diferenciação é essencial para se manter no mercado e ainda sair na frente dos concorrentes.

Quem trabalha com vendas online no mercado de moda e visa a se destacar, já deve ter percebido que ter uma imagem de qualidade do produto influencia bastante na receptividade dele com o público.

Ao mesmo tempo em que a foto precisa ser diferente dos mesmos itens que o seu concorrente vende, ela tem que instigar no consumidor a sua vontade de tê-los.

Continue a leitura e veja as melhores dicas sobre como tirar fotos de roupas!

Dicas de como tirar fotos de roupas

Você não precisa ser profissional em fotos nem comprar a máquina mais cara do mercado, principalmente se estiver abrindo agora o seu e-commerce. Só necessita seguir estes passos:

Entenda primeiro o seu público

O primeiro passo para você conseguir colocar os seguintes em prática é saber bem quem é o seu público. É importante você conhecer os seus gostos, os seus objetivos, as suas preocupações, o que procuram, para poder agradá-lo e, inclusive, pensar em técnicas de neuromarketing.

Caso você não tenha estabelecido esse perfil ainda, analise todos os dados dos seus compradores e estabeleça uma persona que resuma o que a maioria é.

Por exemplo, se você costuma vender para mulheres de 20 a 35 anos, sendo que 90% delas têm um padrão econômico de classe média e 82% têm pets em casa, você pode resumir esses dados em uma mulher, de 28 anos, classe média e que gosta de animais de estimação.

Quanto mais dados você conseguir obter, mais rico em detalhes será o perfil da persona, que representa a sua cliente ideal.

Assista ao Escola Responde e veja mais dicas sobre foto e design:

 

Prepare o ambiente

Há itens nos quais você precisa prestar atenção, como angulação, iluminação e fundo.

Pode ser mais difícil de controlar a luz ao tirar fotos dentro de um ambiente fechado. Assim, caso você ainda não tenha muita experiência, o recomendado é iniciar as fotos em ambientes abertos — com a luz natural do sol — ou, pelo menos, em lugares que tenham muitas janelas grandes e abertas.

Improvisar um mini estúdio dentro de casa pode ser uma opção boa, que não exige tanto investimento e possibilita a você ter mais flexibilidade quanto à questão de ter um clima com boa luz solar.

A luz amarelada, por ser mais parecida com a natural, dá um resultado melhor que a branca. Já para o fundo, o recomendado é usar um branco. Você pode construí-lo com um pedaço de EVA.

A angulação precisa ser testada de várias maneiras, tanto referente à posição da luz em relação ao objeto quanto à posição da máquina fotográfica em relação ao objeto. Para a luz natural ou artificial, posicionar em 45º, seja acima ou abaixo do produto, é o que costuma dar mais certo. Para a posição da máquina, quanto mais ângulos mostrados, melhor.

Prepare a roupa e pense nos detalhes

Ela tem que estar bem-apresentada, sem amassados ou algum tipo de mancha. Ter alguns utensílios pode melhorar o aspecto da foto. Um tripé evitará que elas fiquem tremidas. Pregadores, cabides e alfinetes podem ser usados para prender a roupa e ajustá-la no modelo ou no manequim.

Pensar na composição da foto — com objetos ao seu redor que combinem com a roupa — pode dar aquele charme a mais no resultado final.

Saiba a diferença entre ter um modelo e um manequim

Você pode usar uma pessoa real para posar para as suas fotos. Não precisa, necessariamente, ser um modelo profissional.

A vantagem de ter uma pessoa posando é que isso dará mais confiança e segurança ao cliente de como pode ficar o caimento da roupa em seu corpo.

Além disso, ter uma pessoa real que represente as características da persona é outro fator que trará a identificação. Se você trabalha com um público de mulheres mais alternativas, pode ter uma modelo com tatuagens ou cabelo colorido. Se o público for de homens executivos, o modelo precisa representá-lo assim, sendo um homem de perfil mais sério.

Usando um manequim, pode ser mais difícil passar essa segurança e identificação. Entretanto, o lado positivo é que você não dependerá da disponibilidade da pessoa nem precisará pagar cachês, como pode ser o caso de um modelo. Uma ideia para que as fotos não fiquem muito artificiais é tentar deixar o manequim invisível, usando um programa de edição.

Há ainda a opção de utilizar apenas cabides ou fotografar os produtos no chão. Para esse caso, siga a ideia de pensar na composição da foto para que ela não fique pouco chamativa. Mas evite excessos, para não perder o foco na roupa.

Entenda um pouco de configuração de foto

Tanto faz se você opta por uma câmera ou um smartphone, mas saiba utilizá-los com a máxima eficiência. As máquinas profissionais e muitos celulares permitem as configurações de ISO, abertura e balanço de branco, por exemplo.

Uma câmera DSLR que tenha controle de exposição manual e configurações de abertura é recomendada, caso você queira uma experiência profissional de fato. Mas o celular também pode “quebrar um galho”, caso o seu orçamento não permita ainda o investimento. Veja algumas dicas:

  • a abertura do foco, em ambos os casos, é ideal que seja acima de f/11;
  • a velocidade do obturador deve estar em 1/200 ou abaixo disso;
  • evite o flash da máquina, e principalmente do celular, se você não souber mexer bem neles;
  • o ISO precisa ficar entre 600-640, se for mais alto que isso, provocará ruídos na imagem;
  • o balanço de branco pode ser definido para o modo automático, ou ainda regulado de acordo com a luz que você estiver usando, como natural, tungstênio, LED, fluorescente.

Mantenha um padrão nas fotos

Com as fotos prontas, os recortes delas precisam estar do mesmo tamanho. Os itens demonstrados devem seguir um padrão de alinhamento, de preferência centralizado. O sugerido também é que as iluminações usadas, os perfis de modelos ou manequins e as composições também sigam um padrão. Isso dará harmonia à visão geral do consumidor, e as chances de agradar ao usuário no resultado final será maior, quando você postá-las na plataforma.

Do contrário, por mais que as fotos fiquem lindas, elas poderão passar uma sensação de desorganização ou bagunça. Isso influenciará o contentamento (ou não) do cliente e a vontade de ter o produto.

Com estas dicas de como tirar fotos de roupas, você já pode melhorar o aspecto geral do seu e-commerce e causar uma boa impressão nos visitantes que ele recebe. Com isso, você terá o aumento da possibilidade de vendas.

Se você quiser ter sempre orientações preciosas para ter um e-commerce melhor que a concorrência, não deixe de assinar a nossa newsletter!

Ficou com alguma dúvida? Faça parte do nosso grupo no Facebook com especialistas em e-commerce e outros lojistas e envie sua pergunta.

Está pensando em criar uma loja virtual? Faça o teste e descubra se você está pronto!

O passo a passo definitivo de como tirar fotos de roupas
5 (100%) 2 votos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10% de desconto
50% de desconto
10% de desconto
30% de desconto
20% de desconto
30% desconto
50% de desconto
20% de desconto
30% de desconto
50% desconto
30% de desconto
50% de desconto
Gire e ganhe desconto no ingresso
Digite seu endereço de e-mail e gire a roda. Esta é sua chance de ganhar descontos incríveis!

Escolha a cidade para o desconto!

Regras:
  • Uma chance por email
  • Não acumula para outra cidade
  • Enquanto durarem os ingressos free.