Marketing de varejo: o que é, como funciona e 7 estratégias para aplicar no seu negócio!

Marketing de Varejo é caracterizado por ações de comunicação estratégicas, que tem como objetivo otimizar as vendas de uma empresa. Confira as melhores dicas para aplicar no seu negócio!

O marketing de varejo é um dos grandes responsáveis por oferecer uma excelente experiência de compras nas lojas.

Essa estratégia é a principal responsável por conquistar clientes nas lojas físicas.

Essa atividade de conquistar clientes, no entanto, deve ser feita durante a procura por informações até o momento de efetivar a compra.

Contudo, apesar dos inúmeros benefícios do marketing de varejo, muitas empresas ainda não sabem como essa estratégia pode fornecer informações relevantes sobre o negócio para aumentar as vendas.

Se você ainda não sabe como o marketing de varejo pode ajudar a sua loja, não se preocupe.

Neste artigo, você vai entender o que é o marketing de varejo, as principais estratégias para aplicar e cases de empresas que conquistaram bons resultados com essas inovações. Não deixe de conferir!

O que é marketing de varejo

O marketing de varejo é uma estratégia voltada para otimizar as ações que envolvem uma determinada loja ou marca.

Ou seja, é o conjunto de ações estratégicas para melhorar a promoção, as vendas e a divulgação no comércio varejista.

O objetivo principal do marketing de varejo, de maneira simplificada, é otimizar todas as ações publicitárias que um determinado empreendimento realiza para aumentar a base de potenciais clientes e com isso otimizar as vendas do negócio.

Com uma boa estratégia de marketing de varejo, o varejista consegue bons resultados para aumentar as vendas, conquistar uma melhor participação de mercado e fidelizar clientes.

A imagem do negócio também tende a melhorar e a percepção que os clientes têm dos produtos e serviços é mais eficiente.

Com uma estratégia eficiente de marketing de varejo, é possível alcançar os mais variados objetivos, para melhorar a comunicação com os clientes e oferecer serviços e produtos que estejam alinhados às suas reais necessidades.

Alguns dos objetivos que podem ser alcançados são:

  • desenvolver uma boa imagem no mercado consumidor;
  • ampliar a participação no mercado;
  • melhorar a margem de lucro do negócio;
  • aumentar a percepção de valor dos consumidores;
  • entregar produtos e serviços que satisfação as necessidades e desejos dos clientes;
  • fidelização dos consumidores;
  • melhorar a taxa de ticket médio do negócio.

O marketing de varejo utiliza os princípios tradicionais de marketing, que são os 4 Ps do mix de marketing: produto, preço, praça e promoção. Vamos passar cada um desses conceitos abaixo. Vamos lá!

Produto

As linhas e categorias que serão comercializadas definem o princípio do produto.

Portanto, o varejista pode trabalhar com diferentes linhas de produtos, como alimentação, eletrodomésticos, móveis, vestuário e muito mais.

Outro aspecto que deve ser considerado quando falamos de produto é a quantidade de linhas de produtos ofertada e a quantidade de itens por linha.

Preço

Para o conceito de preço, preciso considerar o formato de venda, as estratégias de promoção e o público-alvo do negócio.

Afinal, para determinar o valor de um produto, o varejista precisa definir um valor que cubra todos os custos e despesas para que ainda sobre uma margem de lucro que esteja alinhada aos objetivos do empreendedor.

Existem algumas maneiras de estipular um valor, que pode ser baseado em estratégias de sazonalidade, preço baseado na análise e pesquisa de mercado consumidor, valor definido pela atratividade e percepção do público-alvo em relação à marca.

Ponto

A localização do negócio é fundamental para que seja estipulado o público-alvo, já que indica a facilidade que os consumidores terão para acessar o espaço.

A logística de entrega de materiais necessários também define qual é um bom ponto para o empreendimento.

Esse fator torna a escolha do ponto, a localização na cidade, bairro, rua tão importante para o mix o marketing.

7 estratégias de marketing de varejo

O marketing de varejo oferece muitos benefícios para os empreendimentos que fazem boas estratégias, e os mais diversos objetivos podem ser alcançados quando realizado de maneira eficiente e estratégica.

Portanto, é fundamental entender a necessidade atual da empresa e buscar por estratégias que supram essa necessidade.

Atualmente, o uso de tecnologias diversas vêm transformando varejo (chamado Varejo 4.0) e otimizando os resultados das estratégias de marketing utilizadas.

A otimização ocorre por meio de implementação de novas tecnologias, conectividade, soluções mobile e muito mais.

Pensando nisso, separamos algumas das principais estratégias de marketing de varejo que empresas de sucesso estão utilizando, para que você entenda qual faz mais sentido para a sua loja. Confira!

1. Machine Learning

O Machine Learning é a maneira de otimizar as máquinas para que comecem a aprender por conta própria, por meio de algoritmos estipulados.

O aprendizado de máquinas é a maneira de realizar análises de dados com padrões estipulados. De maneira geral, o aprendizado de máquinas fornece as ferramentas, algoritmos, para que as máquinas possam executar tarefas sozinhas e tomar decisões de maneira inteligente.

No setor varejista, as máquinas inteligentes podem realizar uma correta análise e interpretação de dados que fornecem informações e previsões sobre as vendas.

O comportamento de compras dos consumidores também é analisado, por meio da experiência de compras da base de clientes.

2. Big Data

Toda empresa atual produz uma enorme quantidade de dados do negócio.

Esses dados podem envolver todos os setores do empreendimento, como vendas, clientes e mercado.

Esses dados brutos devem ser coletados, processados e transformados em informações que ajudem a empresa a tomar decisões mais inteligentes, atualizadas e relevantes.

3. Inteligência Artificial

A Inteligência Artificial é forte aliada do mercado varejista, por simular a interpretação humano em máquinas.

Com isso, é possível realizar o cruzamento de uma grande quantidade de dados, o Big Data, com o objetivo de encontrar padrões que gerem informações extremamente relevantes sobre o negócio.

Softwares poderosos permitem que essa integração de informações revele dados que possam prever comportamentos de mercado, identificar o comportamento dos clientes, segmentar públicos e otimizar as ofertas.

4. Realidade Virtual e Realidade Aumentada

A realidade virtual pode ser usada fazer demonstrações de produtos ou de serviços de maneira lúdica e que muito se assemelha à realidade.

A Realidade Aumentada faz a integração entre o mundo digital e o físico e também pode melhorar a experiência de compras ao exemplificar o que será comprado.

5. Omnishopper

O consumidor atual utiliza diferentes canais digitais e físicos, o omnichannel.

Cada local deve oferecer uma experiência condizente com a plataforma que está sendo usada. Afinal, o consumidor moderno utiliza ferramentas, canais e dispositivos diferentes na hora de pesquisar e consumir um produto.

Logo, para se adaptar a esse novo comportamento de consumo, o marketing de varejo precisa atuar em multicanal.

6. Mobile

A utilização dos smartphones é indiscutível no mercado varejista.

É possível que os clientes busquem por informações no celular sobre um produto, enquanto estão na loja física.

Com isso, é preciso contar com aplicativos eficientes e que estejam alinhados às necessidades de busca e compra mobile.

Quando bem-feito, é possível criar programas de fidelidade, promoções personalizadas e muito mais.

Confira também: Vendas pelo celular: como alcançar os clientes mobile e vender mais.

7. Wearebles

Os acessórios conectados aos smartphones, como relógios, óculos e pulseiras, devem ser priorizados para melhorar a experiência de compras do consumidor.

Integrar os smartwatches às formas de pagamentos disponíveis é uma boa maneira de utilizar essa tecnologia.

Empresas que utilizam o marketing de varejo

Por se tratarem de ferramentas de extrema eficiência, empresas que lideram os seus segmentos já utilizam e conquistaram excelentes resultados com a utilização de algumas das estratégias apresentadas neste artigo.

Confira abaixo alguns cases de sucesso ao implementar o marketing de varejo de forma eficiente. Vamos lá!

Magazine Luiza

A Magazine Luiza faz uma excelente integração entre os canais digitais e físicos.

Por meio de uma boa estratégia omnichannel e com centros de distribuição espalhados para otimizar a logística de distribuição online e offline, os clientes da loja podem comprar um produto pela internet e fazer a retirada em qualquer loja física.

Outro diferencial é a personalização da assistente virtual da marca, a Lu, que auxilia os consumidores em todas as etapas das compras online.

O Boticário

A empresa lançou uma estratégia de digitalização com forte inovação em alguns dos seus pontos de vendas.

Utilizando a Realidade Aumentada, espelhos interativos e canais integrados, a empresa consegue proporcionar uma experiência de compra muito eficiente para os seus clientes, além de melhorar a percepção da marca.

Benefícios do marketing de varejo

Ao utilizar a grande quantidade de dados e informações que uma marca tem, para melhorar os resultados do negócio, é possível alcançar resultados satisfatórios.

Com a utilização do Big Data no varejo, por exemplo, é possível realizar análises do negócio que se convertam em modificações baseadas em dados reais e atualizados.

Dessa maneira, uma empresa pode fazer uma análise preditiva, por meio da identificação de padrões, e identificar as principais tendências para o futuro.

A segmentação do mercado, a previsão de demandas futuras e a análise do comportamento dos consumidores são outros benefícios que o marketing de varejo pode levar aos varejistas.

A implementação de canais omnichannel faz com que um negócio conquiste uma parcela de mercado acostumada com compras em espaços físicos, ao novo público acostumado com os canais digitais para consumir e faz a correta união do físico com o digital.

O marketing de varejo é uma estratégia de fundamental importância para os negócios que desejam se atualizar e se manter relevante na percepção do mercado no geral.

Afinal, as estratégias estão voltadas para melhorar as promoções, as vendas e a divulgação dos negócios varejistas.

Portanto, é preciso entender o que é essa estratégia, saber como aplicar as principais tendências para o setor, saber como as empresas que já utilizam o marketing de varejo estão se beneficiando e, por fim, avaliar qual das estratégias disponíveis é a ideal para o momento atual do negócio.

Agora, conheça mais estratégias para otimizar os resultados e alavancar as vendas da sua loja!

Não há comentários ainda. Seja o primeiro a escrever um.

Deixe seu comentário