Locaweb realiza duas novas aquisições nesta quinta, Dooca Commerce e Credisfera

Mais uma excelente semana para a Locaweb! No mesmo mês que comemora um ano de sua entrada na bolsa de valores — […]

Mais uma excelente semana para a Locaweb!

No mesmo mês que comemora um ano de sua entrada na bolsa de valores — ressaltando o melhor IPO de 2020, na última quinta-feira (18), a Locaweb anunciou ao mercado financeiro mais duas novas aquisições: Dooca Commerce e Credisfera. 

Dooca Commerce é uma plataforma de e-commerce gaúcha, fundada em 2015 em Novo Hamburgo (RS). Voltada para PMEs, a plataforma deve atuar ao lado da Tray, oferecendo soluções para os lojistas gerenciarem suas lojas virtuais. A ideia da Locaweb é ter uma unidade de negócio para ser integrada com as demais e aumentar seu portfólio de soluções digitais.

Segundo Fernando Cirne, CEO da Locaweb, os fundadores Dieter Fritsch, Gustavo Metz e Maicol Rafael Bruski devem permanecer em atividade com a Dooca Commerce.

Já a Credisfera, em primeiro momento, parece fugir do “padrão” de empresas da Locaweb. Entretanto, a ideia é completamente oposta! A Credisfera chega para ser mais uma oportunidade de crescimento para clientes de todas as unidades Locaweb. 

Fundada em 2015 na cidade de São Paulo, a Credisfera é uma fintech que oferece soluções de crédito para PMEs. Consequentemente, a partir de agora a Locaweb poderá oferecer também esse serviço de crédito para todos os clientes das unidades — de forma totalmente integrada. 

Logo, a Credisfera auxiliará a companhia criando um plano focado em oferecer soluções de crédito para auxiliar no crescimento da empresa de pequenos e médios empreendedores. 

Desde seu IPO, a Locaweb soma oito novas aquisições. Antes da Credisfera e Docca Commerce, a companhia já havia registrado a aquisição de seis empresas: Social Miner, Etus, Vindi, Ideris, Melhor Envio e ConnectPlug. 

No total, o Grupo Locaweb soma 16 unidades de negócio e não há expectativa de estagnação. Fernando Cirne deseja ampliar a companhia cada vez mais, realizar novas negociações e entregar resultados aos acionistas. 

A empresa investiu quase R$ 400 mi em novas aquisições desde o IPO. 

“Fiz o IPO para captar dinheiro. Agora é preciso entregar” declarou o CEO da Locaweb, Fernando Cirne. 

De fato, a Locaweb está trilhando um caminho surpreendente e de muito sucesso. 

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário