Live commerce: como estruturar a sua Live Shop para vender ao vivo?

A live commerce é uma excelente maneira de realizar vendas de um jeito descontraída e com resultados muito mais otimizados. Isso, porque […]

A live commerce é uma excelente maneira de realizar vendas de um jeito descontraída e com resultados muito mais otimizados. Isso, porque as vendas realizadas online tendem a alcançar um público muito mais avançado na intenção de compra e mais engajado com a marca.

No entanto, por mais que essa seja uma técnica de venda que já é tendência e com alto potencial de sucesso, é preciso saber como fazer da maneira correta.

Neste post, falaremos sobre o que é Live commerce e como estruturar a sua para vender ao vivo. Não deixe de conferir!

O que é Live commerce?

Live commerce ou Live Shop, é uma transmissão ao vivo com o foco em vendas. A ideia principal é direcionar a atenção da audiência, ao vivo, para os determinados produtos da marca, enfatizando os benefícios, mostrando aplicações na prática, oferecendo descontos e promoções aos participantes.

Geralmente, a Live Shop é conduzida por um influenciador digital ou por alguma pessoa já conhecida da marca e que tenha forte potencial de conexão com os usuários das redes sociais.

O objetivo de realizar esse método de negócio é presentar as versatilidades e funcionalidades dos produtos ou de um lançamento, mostrando como realizar combinações, agregando valor às embalagens e fornecedores. Com uma apresentação ao vivo, é muito mais fácil contar a história da marca ou do produto e ainda apresentar todos os benefícios do que está sendo vendido.

O grande diferencial entre uma Live Shop e apenas um vídeo demonstrativo, é que quando um produto é apresentado ao vivo a interação com os usuários é muito maior. A audiência pode interagir por meio de mensagens, FAQ, enquete, emojis e reações, de acordo com cada plataforma utilizada para a live.

Por que a Live Shop é uma tendência?

Muitas marcas já perceberam o quão valioso é utilizar a Live Shop para conseguir apresentar lançamentos e otimizar os resultados de vendas. Com uma transmissão ao vivo, focada em vendas, a aproximação da marca com a audiência é muito maior.

Além disso, esse formato de vendas aposta em um atendimento em tempo real e a capacidade de influenciar na decisão de compra é compartilhada por todos os que estão participando da transmissão.

Confira abaixo alguns dos benefícios que fazem com que essa seja uma tendência para vendas!

Engajamento e interatividade

Essa técnica de vendas é um diálogo informal com o público. O diferencial é que essa conversa entre marca e consumidor, por mais que seja informal, é muito bem planejada. Todo o diálogo é planejado para estimular a interação do público com o apresentador. Logo, existe um espaço para tirar dúvidas e fazer perguntas.

Alcance orgânico

Os vídeos com foco em marketing já apresentam resultados mais expressivos do que apenas publicações escritas. Portanto, o modelo de Live Shop tende a performar muito melhor nas redes sociais e apresenta uma taxa de alcance orgânica muito maior.

Material exclusivo: Confira como aumentar o tráfego orgânico da sua Loja Virtual em 7 passos

Experiência similar à loja física

Mesmo que os e-commerces estejam cada vez mais disseminados no hábito de compra dos consumidores, muitos ainda tendem a buscar por uma loja física após pesquisarem um produto na internet. Como existe espaço para tirar dúvidas e alguns produtos podem ser testados ao vivo, esse modelo de vendas une o físico e o digital para otimizar a experiência de compras.

Fator humano

A apresentação da marca é feita por uma pessoa real e ao vivo. Logo, o usuário tende a ter uma grande identificação com a pessoa que está apresentando o produto. Muitas empresas utilizam os influenciadores para aumentar essa identificação.

Como estruturar uma Live commerce de sucesso?

Agora que já sabemos o que é, e qual a importância da Live Shop para o e-commerce, é preciso entender como fazer uma transmissão ao vivo de maneira estruturada e planejada, para que os resultados esperados sejam atingidos. É isso que veremos a seguir. Confira!

Preparar um roteiro

Preparar um roteiro é indispensável para uma boa experiência da sua audiência. Com lives, imprevistos podem ocorrer, mas é preciso planejar tudo o que será apresentado e a maneira como será apresentado.

Logo, planeje e prepare os produtos que serão apresentados, saiba o que falar sobre cada um deles (características e vantagens), defina quais serão os momentos de interação com o público, defina as músicas que serão utilizadas etc.

Separar as peças que serão apresentadas

Após definir o roteiro, é fundamental separar as peças que serão apresentadas seguindo uma linha de raciocínio lógica e compreensível. As peças devem ser testadas e estar impecáveis para uma boa experiência.

Gerar interações

Como esse é um método de vendas baseado em interações e engajamento, é preciso definir quais são os momentos que os usuários podem interagir com a live. Os momentos de dúvidas tendem a ocorrer nos minutos finais da live para manter a audiência até o final da apresentação e para que as dúvidas possam ser acumuladas ao longo da transmissão. Contudo, é importante abrir pequenos espaços de interação ao longo da transmissão para que o público se sinta participante e o engajamento seja maior.

Criar exclusividade

Ao realizar Live Shop é possível perceber que alguns clientes estão sempre presentes ou costumam participar com maior frequência. Essa lista de clientes engajados deve ser estimulada para criar um sentimento de pertencimento e de exclusividade. Com isso, fica mais fácil colocá-los na linha de transmissão do WhatsApp e do e-mail, para encaminhar ofertas e promoções e exclusivas.

Contar com influenciadores

Esse formato de vendas passou a ser um momento de entretenimento e vendas, por isso é tão vantajoso. Logo, algumas marcas buscam por micro influenciadores para conduzir a transmissão. Afinal, conteúdos relevantes e carisma são peças-chave para boas vendas online.

Contudo, para micro ou pequenas empresas pode ser difícil fechar essa parceria. Ainda assim, utilizar de um bom roteiro e bons produtos pode ser a solução para bons resultados.

A live commerce é uma excelente maneira de engajar uma audiência e realizar vendas de maneira mais interativa e humanizada. Portanto, prepare um bom roteiro, prepare os produtos que serão apresentados, crie momentos de interação com o público, ofereça descontos exclusivos e condições de pagamento diferenciada para os participantes e, se possível, conte com influenciadores. Dessa maneira, os resultados da sua live serão muito melhores.

Sua loja online está preparada para essa nova tendência? Para te inspirar a fazer a melhor live commerce, confira nosso material exclusivo sobre o assunto: Live Shop: Estratégias para vender ao vivo com Geisa Alves.

 

Não há comentários ainda. Seja o primeiro a escrever um.

Deixe seu comentário