Black Friday 2018 bate recordes na Tray e consolida a plataforma como uma das mais completas do mercado
Como preparar o seu e-commerce para o Natal

Como o Inbound Marketing pode alavancar as vendas no e-commerce?

Publicado em: • Última Atualização:

O Inbound Marketing já está se tornando a principal aposta em termos de divulgação e vendas da maioria das empresas. Para o setor de e-commerce, essa metodologia é tão importante que até ganhou um nome diferenciado: Inbound Commerce.

Se você possui uma loja virtual, mas ainda não usa o inbound marketing no e-commerce está na hora de modificar essa realidade. Quer entender melhor como o inbound pode ajudar a sua loja a aumentar as vendas e reter mais clientes? Continue a leitura!

Inbound marketing no e-commerce: como funciona?

O Inbound Commerce possui os mesmos preceitos das estratégias de Inbound Marketing tradicionais, que são:

  • atrair: ou seja, atrair tráfego qualificado para o seu site por meio do blog, das redes sociais e das estratégias de SEO. É nessa fase que o visitante descobre que tem um “problema” e passa a buscar por soluções disponíveis no mercado;
  • consideração: nessa fase, o visitante já se tornou um lead, ou seja, ele já passou a interagir e conhecer a sua marca. Aqui, é fundamental trabalhar com um bom processo de nutrição via e-mail marketing, criando um relacionamento com esses usuários para que eles passem a considerar comprar da sua empresa;
  • decisão: é quando o lead se torna um comprador. É nesse momento que você deve utilizar conteúdos focados para que essa pessoa veja as vantagens do seu produto ou da sua empresa e deseje comprar de você. São muitas as estratégias que podem ser usadas como materiais ricos, depoimentos, landing pages, e-mail marketing, banners, etc.;
  • fidelização: não basta que o cliente compre de você apenas uma vez, a ideia é que ele continue retornando a sua loja. Por isso, é importante estudar o comportamento desse cliente, oferecendo promoções segmentadas, descontos em novos produtos ou serviços, voucher, cupons, e-mails para lançamento de novos itens e outras formas de manter esse relacionamento “vivo”.

Quais estratégias posso usar para aumentar a conversão no meu e-commerce?

Como você viu, o inbound marketing no e-commerce trabalha em todos os níveis do funil de vendas: desde atraindo tráfego para a sua loja virtual, até buscando ações de fidelização desses clientes.

Apesar disso, o que a maioria dos proprietários de lojas virtuais desejam é aumentar o número de conversões, ou seja, de vendas. O inbound também oferece ferramentas poderosas nesse sentido. Veja algumas ideias.

Ofertas imperdíveis

Uma forma de aumentar a conversão é apelar para o senso de urgência dos leads, afinal é difícil desconsiderar uma ótima oferta – ainda mais se ela tiver tempo para se esgotar.

Você pode, por exemplo, oferecer 10% de desconto para as compras feitas até tal dia ou tal horário, ou dar descontos para aqueles que preencherem determinado cadastro, aumentando as informações que você dispõe das pessoas que acessam seu site e se relacionam com a sua marca.

Landing Pages

As landing pages estão presentes em praticamente todas as estratégias de Inbound Marketing. E isso não é por acaso, afinal ela pode ser usada em várias etapas do funil de vendas.

Para um e-commerce, a landing page pode ser empregada de forma a instigar o seu lead para a conversão. Por exemplo: criando promoções com páginas específicas de venda, focando nas suas características, depoimentos de outros consumidores, vídeos de uso e outras informações ricas (que seriam impossíveis em uma página tradicional de produto).

Também vale à pena pensar em landing pages para distribuir materiais ricos, favorecendo o contato do lead com a sua marca e as suas soluções de mercado.

Abandono de carrinho

Essa é uma das principais preocupações de quem possui uma loja virtual. Afinal, o lead que abandona o carrinho é uma oportunidade de venda perdida.

São muitos os motivos que podem causar essa situação, como: custos adicionais não esperados ou não informados, preços mais atrativos em outros concorrentes ou até desconfiança sobre a sua marca.

De acordo com os dados do Sebrae, a média do mercado é de 38% de carrinhos abandonados. Podemos entender esse número como aquelas pessoas em uma loja física que acabam provando determinado item, mas não finalizam a compra.

Nessas horas, existem algumas medidas que você pode tomar para reduzir o índice de abandono de carrinho, como:

  • utilizar certificados e selos de segurança oferecendo mais tranquilidade e confiança para os consumidores;
  • usar e-mails automatizados para lembrar dos consumidores dos produtos colocados no carrinho e oferecer atrativos como frete grátis ou descontos;
  • investir no remarketing, ou seja, incluir propagandas em banners nos próximos sites que o lead visitar;
  • entender quais motivos estão levando os seus consumidores a abandonarem o carrinho e reverter esse quadro.

E-mail marketing

O relacionamento via e-mail marketing é muito importante no e-commerce porque ajuda a fidelizar os seus consumidores e ainda oferecer promoções, lançamentos, conteúdos interessantes e outras informações interessantes sobre a sua empresa.

Você ainda pode usar essa ferramenta para avaliar o nível de satisfação dos seus consumidores e até criar um programa de fidelidade, por exemplo oferecendo descontos para os que indicarem a sua loja para outras pessoas.

Mesmo depois que esse lead se tornar um consumidor, lembre-se de continuar realizando a nutrição via e-mail marketing voltada para a fidelização. Logo após a transação, envie informações completas sobre o pedido e informe quando o item for enviado à transportadora e formas de o cliente acompanhar a entrega.

Não se esqueça de questionar se o produto chegou de forma correta, o nível de satisfação com o item e a sua empresa e outras avaliações essenciais para tornar o seu e-commerce ainda mais efetivo.

Segmentação

Ainda falando sobre e-mail marketing é essencial que você invista em formas de segmentar os seus leads, evitando enviar e-mails que não são interessantes para os seus leads (já que isso pode levar ao descadastramento e até a uma imagem ruim da sua empresa).

A segmentação pode ser feita com ferramentas próprias de automação e também captando corretamente os dados dos leads, principalmente se atentando a forma como o contato foi captado (e-book sobre qual tema, newsletter, promoções em redes sociais, etc.).

Tente descobrir em qual etapa do funil de vendas o lead está (e nutra-o com informações para que ele passe adiante), quais os produtos ou linhas ele mais se interessa, compras que já realizou na sua loja e assim por diante.

Blog posts

Os blogs são fundamentais em qualquer estratégia de Inbound Marketing, afinal é a partir dele que você produzirá conteúdos interessantes que ajudem a atrair os visitantes e a fazê-los adentrar no funil de vendas.

Para bons blog posts sempre considere quem é a sua persona, quais as principais dúvidas elas possuem, como os seus produtos ajudam a resolver essas questões, quais são as barreiras que ainda impedem essas pessoas de comprar de você e como é o seu setor (analisando as palavras-chaves mais buscadas).

A partir de então, você poderá disseminar esses conteúdos nas suas redes sociais ou via e-mail marketing, informando e se relacionando melhor com os seus leads.

Depois de ler este conteúdo, ficou mais fácil entender como funciona o inbound marketing no e-commerce? Aproveite e baixe o nosso e-book sobre landing pages para tornar a sua estratégia ainda mais eficiente!

Este material foi escrito e cedido por Daniel Monaco – Biz2Digital

Ficou com alguma dúvida? Faça parte do nosso grupo no Facebook com especialistas em e-commerce e outros lojistas e envie sua pergunta.

Está pensando em criar uma loja virtual? Faça o teste e descubra se você está pronto!

Como o Inbound Marketing pode alavancar as vendas no e-commerce?
Avalie esse artigo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *