Suplementos importados: 8 sites de confiança para comprar
E-commerce deve faturar 16% mais na Black Friday deste ano, diz Abcomm

Você sabe como importar perfumes para revenda? Entenda aqui!

Publicado em: • Última Atualização:

Entrar para o comércio online é, muitas vezes, a saída encontrada por muitas pessoas que desejam mudar o rumo de suas vidas. Os motivos dessa escolha são simples: não é preciso lidar com chefes, os resultados quanto ao lucro são excelentes e dá para trabalhar em qualquer lugar, inclusive em casa! Em meio a tantos ramos para se investir, um dos que não estão saturados e que apresenta diversos benefícios é comprar perfumes para revenda.

A cada ano, acompanhamos as notícias relatando o quanto e-commerces têm crescido. Ainda a situação da economia esteja longe de estar satisfatória no Brasil, uma coisa é certa: os brasileiros não conseguem deixar de comprar.

Somadas a esse fato estão as informações que nos mostram o quanto nosso país consome esse produto. O hábito do brasileiro de ter uma higiene impecável, com banhos diários, reflete-se também na vontade se sentir cheiroso e bem consigo mesmo: gostamos dessa sensação de bem-estar. E por isso, nos tornamos o país líder da América Latina na comercialização de perfumes!

E aí, quer se dar bem? Então continue lendo nosso artigo e entenda como importar e revender perfumes, o que vai disparar seu faturamento mensal!

Importando perfumes para revenda

Dizem que um dos artifícios que Cleópatra usou para conquistar Marco Antônio e Júlio Cesar foi o seu perfume, cuja fragrância era irresistível e inesquecível. As mulheres sempre souberam mesmo o que fazer para encantar seus pretendentes!

No nosso país, a brasileira faz jus à regra e ainda representa a maior fatia do mercado consumidor em comparação aos homens, como cita a reportagem. Em suma, o comércio de perfumes online oferece as seguintes vantagens:

  • possibilita uma renda extra;
  • não exige investimento financeiro para um ambiente físico;
  • pode ser realizado por meio de várias plataformas, como Instagram, WhatsApp, Facebook, Mercado Livre ou até a sua própria loja virtual;
  • suas chances de falha são ínfimas, pois muitas são as pessoas, principalmente mulheres, que com certeza comprarão os produtos.

Para apostar nesse mercado, é preciso, contudo, entender como são feitas as compras, além de saber das taxas e da possibilidade de retenção na alfândega.

O primeiro passo

O processo consiste em fazer compras em sites estrangeiros confiáveis, que podem ser de outros revendedores ou da própria marca que fabrica o perfume. A segunda opção é mais segura, pois, além de garantir que os produtos são originais, os fabricantes sempre fornecem a nota fiscal.

Como o procedimento é feito de forma online, você não irá se preocupar com ter que negociar os produtos com um comerciante estrangeiro ou passar por processos burocráticos até a efetivação da aquisição. Portanto, é tudo muito parecido com uma compra online no Brasil.

Os valores

A respeito dos custos, ainda que sejam em dólares, a conta final, geralmente, acaba saindo bem mais barata do que comprando aqui no país. E é exatamente dessa diferença de preço que você pode tirar o seu lucro!

Após sua compra, basta aguardar a chegada dos produtos. Caso eles não passem pela Receita Federal do Brasil, chegarão diretamente pelos Correios.

Essa regra de ter vantagem no lucro continua valendo mesmo quando os produtos são taxados pela alfândega e você tem que pagar uma tributação, a qual costuma ficar em torno de 60% do produto. Nesse caso, será emitida uma Nota de Tributação Simplificada, que poderá ser paga na agência de Correios mais próxima da sua casa.

Os riscos

Se você fizer todo o processo de maneira legal, comprando das pessoas certas e com nota fiscal, você dificilmente terá problemas com produtos retidos na alfândega.

Na retenção para comprovação de valor, muitas vezes, a Receita desconfia da quantia que foi paga e você terá que fazer uma comprovação. Pode acontecer, ainda, de o remetente se esquecer de anexar junto ao pacote os documentos necessários.

É importante, assim, que você saiba bem quem é o seu fornecedor e, também, que possua os comprovantes, como fatura do cartão de crédito e nota fiscal online.

Dicas para a importação

Algumas orientações são necessárias para que tudo dê certo! Então, anote-as.

Adquira um cartão de crédito internacional

Ele vai ser útil para que você efetue as transações com lojas fixadas nos países estrangeiros. Caso você não seja cliente de um banco físico ou não tenha alguém que possa emprestar o cartão a você, dá para adquirir um ao ter conta em algum banco virtual. Vincular o cartão de crédito a um intermediador de pagamento também pode facilitar as compras.

Tenha fornecedores confiáveis

É imprescindível saber de quem você está adquirindo suas mercadorias. O mais confiável é que seja do próprio fabricante, mas também existem alguns sites confiáveis para comprar os perfumes para revenda. Correr o risco de adquirir perfumes falsificados não é muito sensato, pois seus consumidores irão querer garantia de sua originalidade.

Caso eles se sintam lesados, você pode ter que resolver um grande problema depois tentando reverter a situação. Sem contar que eles podem deixar reclamações na Internet, o que poderá manchar a reputação da sua loja.

Compre poucos por vez e saiba da realidade

Isso evita que a alfândega desconfie e resolva fiscalizar seus produtos. É claro que um revendedor, muitas vezes, precisa comprar em grande quantidade, mas tente ter um bom senso ao realizar seus pedidos.

Atualmente, o valor para que o pacote não seja taxado é de até U$50 dólares. Portanto, preste atenção à possibilidade de ter que pagar a taxa.

Alugue um armazém para as encomendas

Com essa opção, você pode comprar os produtos aqui no Brasil e ter uma espécie de depósito nos Estados Unidos, que geralmente é de onde vêm as importações. Dessa forma, como os produtos vão ser entregues no mesmo país, dá para comprar em quantidades maiores ou, inclusive, de lojas que não entregam aqui no Brasil.

Depois, é só fazer o encaminhamento dos pacotes para a sua casa, ou, caso isso seja possível, ir lá buscar as encomendas de tempos em tempos.

Quanto mais prática nesse ramo do comércio você tiver, mais aumentarão seus lucros e mais rapidamente sua loja se expandirá!

Agora que você já sabe como importar perfumes para revenda, chegou a hora de colocar tudo em prática no seu e-commerce ou de algum outro modo online. Fique tranquilo, pois tudo o que citamos neste artigo é validado pela lei. Nunca tente utilizar maneiras trapaceiras visando apenas aos lucros!

Quer entender ainda mais do assunto? Então aproveite e saiba tudo sobre como vender os perfumes pela Internet!

Ficou com alguma dúvida? Faça parte do nosso grupo no Facebook com especialistas em e-commerce e outros lojistas e envie sua pergunta.

Está pensando em criar uma loja virtual? Faça o teste e descubra se você está pronto!

Você sabe como importar perfumes para revenda? Entenda aqui!
5 (100%) 1 voto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *