E-commerce tem melhor novembro em 7 anos e supera vendas de lojas físicas na Black Friday

A Black Friday 2020 foi um fator a mais para o sucesso do e-commerce neste ano.  Mesmo com o crescimento exorbitante, em […]

A Black Friday 2020 foi um fator a mais para o sucesso do e-commerce neste ano. 

Mesmo com o crescimento exorbitante, em um momento de crise mundial, o e-commerce conseguiu se superar no mês de novembro. Tendo o melhor mês onze em 7 anos!

Sem dúvida, a Black Friday impulsionou os números, segundo dados da Ebit|Nielsen, as vendas do e-commerce no Brasil atingiram 38% a mais em novembro em comparação com o mesmo período de 2019. 

Com maior crescimento desde 2013, o faturamento do mês atingiu R$ 12,4 bilhões. R$ 6 bilhões foram faturados durante o período da Black Friday.

“Os principais fatores que contribuíram para o resultado foram: a maior bancarização dos brasileiros, pela necessidade do auxílio emergencial, a retomada da economia, ainda que abaixo da expectativa, e ao fato de as empresas terem explorado bem os descontos e as atratividades do ambiente online”, declarou Julia Avila, líder de Ebit|Nielsen. 

Confira os produtos mais vendidos no mês de novembro de 2020:

Black Friday no e-commerce supera vendas em lojas físicas pela 1ª vez 

Especialmente durante a Black Friday (sexta-feira), o e-commerce, pela primeira vez no Brasil, vendeu mais do que as lojas físicas

É o que diz o balanço realizado e divulgado pela área de cartões do Itaú Unibanco (ITUB4). Na melhor sexta-feira de promoções do ano, o balanço mostrou que as vendas online chegaram a 50,4% do total. Se compararmos ao mesmo período do ano anterior, as transações cresceram em 12,9%

Além das tradicionais promoções de produtos, os restaurantes também entraram na onda com os aplicativos de comida. Um verdadeiro sucesso!

“O crescimento na preferência dos consumidores pelas compras online é uma tendência do varejo e a aceleração dessa mudança pela pandemia trouxe um desafio extra para o Itaú, que focou os últimos meses no desenvolvimento e expansão de novas formas de pagamento que possibilitem aos nossos clientes realizar as compras de forma prática e com mais segurança”, relatou diretor de cartões do Itaú Unibanco, Fernando Amaral. 

Assim, podemos ter ainda mais certeza, que o e-commerce se vinculou totalmente a vida do brasileiro. Ou seja, não é mais uma novidade e sim uma necessidade do público!

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário