EAN – O que é? Para que serve? Como utilizar em seu negócio?

Se você deseja vender seus produtos nos maiores marketplaces do Brasil ou exportar seus produtos para boa parte mundo (exceto EUA e […]

Se você deseja vender seus produtos nos maiores marketplaces do Brasil ou exportar seus produtos para boa parte mundo (exceto EUA e Canadá), vai precisar do EAN.  Não sabe nem o que é isso? Nesse artigo você irá encontrar tudo que você precisa saber sobre o código de barras EAN.

O que é EAN?

Criado na Europa pela GS1, o EAN é um código de barras composto por 13 dígitos, amplamente utilizado no mundo todo, que serve para identificar individualmente todos os produtos que o utilizam.

Sua sigla deriva das palavras European Article Number e por ser composto por 13 dígitos ele ficou popularmente conhecido como EAN-13.

O código de barras contém todas as informações relevantes sobre um produto que são divididos da seguinte maneira:

  • País de origem – 3 primeiros dígitos (Brasil 789);
  • Empresa Fabricante – 4,5 ou 6 dígitos;
  • Produto por ela produzido – 3,4 ou 5 dígitos;
  • Digito verificador – 1 dígito.

Lembrando que a soma dos dígitos sempre resultará em um código de 13 dígitos.

Eu devo utilizar o código EAN?

Se você tem intenção de exportar seus produtos ou vender nos marketplaces como CNOVA e B2W, você obrigatoriamente deverá cadastrar o código EAN em seus produtos, esses códigos são gerados pelo fabricante, caso o produto seja de fabricação própria caberá a você gerar um código de EAN.

Mesmo que no momento você ainda não pense em vender nos marketplaces utilizar o código de EAN tem algumas vantagens, já que somente com esse código você consegue diferenciar individualmente nos mínimos detalhes todos os seus produtos, o que pode ser de grande ajuda no controle de estoque da sua loja virtual.

Código EAN na Tray

É importante cadastrar os produtos da sua loja já com o código EAN, isso evita que ocorram problemas na hora de integrar sua loja aos marketplaces, caso você ainda tenha produtos sem o código, basta atualizar seus produtos seguindo o passo-a-passo:

  1. Acesse o painel administrativo da sua loja;
  2. Selecione as opções Produtos e em seguida Produtos Cadastrados;
  3. Procure a o campo “Código EAN/GTIN/UPC” na parte de “Informações adicionais”;
  4. Preencha com o código EAN do respectivo produto.

Como gerar código EAN-13

Se você é fabricante terá de gerar os códigos você mesmo, no Brasil existem algumas empresas que oferecem esse tipo de serviço no Brasil como a GS1 Brasil e a SCB Brasil.

Vale lembrar que você deverá gerar um código individual para cada produto independe de suas semelhanças, por exemplo se você é um fabricante de roupas, e vende uma mesma calça em quatro tamanhos diferentes, deverá gerar um código para cada calça.

Posso reutilizar um Código EAN?

Muitos logistas esbarram nessa dúvida: É possível reutilizar um Código EAN?

Vamos imaginar que a loja X utilizou um Código EAN em um produto que não vendeu e, assim, a loja decide interromper a comercialização daquele produto.

Dessa forma, a dúvida fica: usar ou não o código em outro produto.

Uma vez que ele já foi cadastrado e vinculado a um produto, o ideal é não reutilizá-lo. Isso porque, essa ação pode trazer problemas futuros para a sua loja virtual.

Conclusão

Existem boas vantagens em utilizar o EAN em seus produtos e se você deseja vender seus produtos nos marketplaces o seu uso é obrigatório, então faça um esforço e sempre cadastre seus produtos com EAN.

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário