E-mail marketing realmente funciona? Confira o guia completo sobre essa estratégia

À medida que outras estratégias de marketing digital evoluem, uma pergunta que sempre surge é: o e-mail marketing ainda é importante? De […]

À medida que outras estratégias de marketing digital evoluem, uma pergunta que sempre surge é: o e-mail marketing ainda é importante?

De antemão, nós já respondemos que sim! A criação de uma estratégia de e-mail marketing forte ajuda você a alcançar e se conectar com seu público-alvo de forma personalizada e aumentar as vendas a um custo acessível.

 

Assim como outras plataformas e mídias mudaram, as ferramentas de e-mail marketing passaram a oferecer uma capacidade ampliada para as empresas alcançarem os clientes com mais facilidade do que nunca.

Preparamos este guia para você entender como uma estratégia de e-mail marketing funciona e por que ela é importante para os negócios. Confira!

O que é e para que serve o e-mail marketing?

E-mail marketing é um termo com o qual você já deve estar familiarizado, mas pode não entender exatamente como ele funciona e quais são as vantagens dessa estratégia.

O e-mail marketing é um tipo de marketing direto — ou seja, destinado a atingir clientes sem intermediários. Esse método se baseia no uso de e-mails para entrar em contato com um alvo específico.

É, portanto, um excelente canal para uma empresa, pois permite estabelecer uma relação direta e única com o cliente. Ele permite que você crie mensagens personalizadas para atrair o destinatário e incentivá-lo a comprar um produto ou serviço, uma meta importante a ser alcançada se você deseja expandir seus negócios.

Ainda vale a pena utilizar essa estratégia?

Mesmo antes da chegada da Covid-19, consumidores de todas as esferas da vida já estavam aderindo ao online. Como estamos cada vez mais sem tempo, terceirizar produtos e serviços digitalmente faz sentido para muitos de nós.

Infelizmente, a competição é acirrada na internet e as expectativas são altas quando se trata de atendimento ao cliente, eficiência e desempenho da marca. Como tal, o e-mail marketing é uma forma de publicidade que as empresas podem usar como ferramenta para manter contato com as pessoas que já esperam — e até querem — ouvir falar delas.

Se você é uma marca ou empresa que está tentando deixar sua marca na era digital, tecnicamente, todo e-mail que enviamos a um cliente pode ser classificado como e-mail marketing. Especificamente, o termo é usado para uma mensagem comercial, como um panfleto, texto, imagem ou mesmo um meme, enviada de uma marca ou empresa para um indivíduo, ou grupo de clientes novos e existentes.

Felizmente, à medida que a tecnologia avançou, o mesmo aconteceu com a personalização. Hoje em dia, as opções de e-mail marketing são vastas e variadas — a qualidade do conteúdo e as opções de personalização melhoraram drasticamente. Quando bem implementada, uma estratégia digital baseada em e-mail pode converter clientes em potencial em fãs leais: algo que nenhuma quantia em dinheiro pode comprar.

Embora o e-mail marketing tenha sido uma das primeiras estratégias digitais usadas para se conectar com clientes novos e existentes, muitas marcas evitaram usá-lo, com alguns estrategistas até declarando a prática como “morta” quando comparada a técnicas de marketing mais recentes e chamativas.

No entanto, qualquer bom profissional de marketing deve saber que os números não mentem, e as estatísticas indicam que o e-mail marketing está mais forte do que nunca.

De acordo com uma pesquisa publicada pela HubSpot, o e-mail marketing gera 42 dólares para cada dólar gasto. Com um retorno sobre o investimento (ROI) espantoso de 4200%, parece que o e-mail marketing não é uma forma de publicidade que está desaparecendo.

Como o e-mail marketing funciona?

Como forma de marketing direto, o e-mail marketing utiliza o e-mail eletrônico como forma de comunicação entre sua empresa e seu público, a fim de aprimorar seu relacionamento ao longo do tempo. O objetivo é aumentar as conversões em seu site e melhorar a fidelidade do cliente, tanto para novos quanto para recorrentes.

O e-mail marketing pode ter muitos processos, mas o primeiro passo mais importante é criar uma lista de pessoas que desejam receber informações sobre sua empresa. Isso pode acontecer por meio da implementação de uma caixa de inscrição em seu site ou da coleta de e-mails durante o processo de vendas.

Depois de coletar uma lista de pessoas para as quais enviar e-mail marketing, você precisa criar uma estratégia para compartilhar informações com essas pessoas. Se você deseja compartilhar um código de desconto, novos produtos ou informações gerais sobre sua empresa, uma estratégia de e-mail marketing é necessária para garantir que você não envie as mesmas informações para as pessoas duas vezes.

Ao criar um e-mail para enviar ao seu grupo de assinantes, você deve se certificar de incluir um CTA e-mail marketing dentro do texto, com o uso de um botão que se destaque, e fornecer a capacidade de encaminhar o e-mail a um amigo facilmente. Além disso, certifique-se de obedecer às regras da LGPD.

Quais os benefícios dessa estratégia?

O e-mail marketing pode levar as estratégias de conteúdo da sua empresa para o próximo nível. Abaixo, estão alguns dos motivos pelos quais você precisa integrá-lo à sua estratégia de conteúdo.

Os e-mails geram melhores resultados do que a maioria dos canais de marketing

Entre os canais de marketing, o e-mail tem o maior retorno sobre o investimento (ROI) dos últimos 10 anos. Ele também tem a maior taxa de conversão (66%) para compras feitas em resposta a mensagens promocionais.

Constroem relacionamentos com os clientes

Sua lista de e-mail existente apresenta uma oportunidade incrível de construir relacionamentos com pessoas que já estão interessadas em seu negócio. Afinal, esses assinantes se inscreveram em sua lista de e-mail porque já são clientes ou estão interessados nos produtos e serviços que você tem a oferecer.

Uma grande campanha de e-mail marketing permite que você aproveite ao máximo isso, comunicando-se com os membros de sua lista de e-mail e construindo relacionamentos com eles. E quanto mais seu público vê que você está fazendo um esforço para alcançar, fornecer valor e cumprir suas promessas, maior será a probabilidade dele permanecer fiel.

Aumentam o tráfego do site

Outro dos principais benefícios do e-mail marketing é direcionar mais tráfego para o site da sua empresa. Inclua uma frase de chamariz forte no final de cada um de seus e-mails, junto com um link direto para seu site. Vincular postagens de blog ou outro conteúdo relevante também pode ser uma forma eficaz de trazer pessoas para o seu site.

Direcionar tráfego diretamente para seu site a partir de um e-mail pode aumentar suas vendas e conversões. Um bônus? Você pode obter um impulso de suas classificações do mecanismo de pesquisa. É uma situação em que todos ganham.

Automatizam tarefas e economizam tempo

Mais do que provável, você já tem muito com que se preocupar. Escrever e enviar e-mails isolados pode ser demorado. É por isso que a automação é um dos principais benefícios do e-mail marketing. E é aí que um provedor de serviços de e-mail pode realmente valer a pena o investimento.

Especificamente, uma plataforma de e-mail marketing pode ser usada para automatizar algumas de suas tarefas de marketing. Escreva seus e-mails com antecedência e agende o melhor dia e horário para enviar um e-mail ou use a automação para configurar um e-mail de boas-vindas (ou campanha por e-mail de boas-vindas) que as pessoas recebem quando se inscrevem para um desconto.

Como fazer e-mail marketing?

Então, como você envia e-mails e garante que eles sejam abertos e gerem vendas? E não vamos esquecer de garantir que eles forneçam valor suficiente para que seus clientes fiéis não cancelem a assinatura. Para isso, existem algumas etapas cruciais para lançar uma campanha de e-mail marketing lucrativa e bem-sucedida.

Crie uma meta

Antes de se aventurar e enviar seu primeiro e-mail, o passo mais importante é descobrir seu propósito. O que você deseja alcançar com este e-mail? O que você está almejando? Que conteúdo você incluirá e por quê? Como você medirá o sucesso de sua campanha?

Tente alinhar seus objetivos com os de sua empresa. É para impulsionar as vendas de novos produtos? Obtendo novos leads para sua equipe de vendas? Mais ingressos vendidos para o seu evento? Qual objetivo sua empresa está trabalhando para que uma campanha de e-mail possa apoiar diretamente?

Construa uma lista

Agora que você tem uma meta, é hora de construir sua lista. Existem várias maneiras de fazer sua lista. A primeira é importando os endereços de e-mail dos clientes existentes. No entanto, antes de enviar a alguém uma campanha por e-mail, legalmente, você precisa da permissão dessa pessoa. Uma maneira de fazer isso é ter um lugar para eles marcarem ou desmarcarem uma caixa ao fazer uma compra que pergunta se eles gostariam de receber e-mails promocionais.

Outra forma é divulgar sua lista de e-mail em canais de mídia social e ter um pop-up em seu site incentivando seu público a se inscrever em sua lista de e-mail. Você pode até dar uma pequena prévia, lançando códigos de cupom ou novos produtos e conteúdo exclusivo. Quanto mais fácil for para as pessoas se inscreverem, maior será a probabilidade de que o façam.

Escolha uma plataforma para enviar seu e-mail

Procure uma solução que rastreie suas análises, seja compatível com desktop e dispositivos móveis e tenha falhas mínimas ao enviar centenas ou milhares de e-mails. Diferentes plataformas também rastreiam análises diferentes, portanto, procure uma que se alinhe com o que você está mais interessado em rastrear.

Crie o e-mail

A informação é útil? Ele segue a regra 80/20, em que 80% do conteúdo agrega valor e apenas 20% é promocional com a intenção de impulsionar as vendas? Existe uma linha de assunto envolvente que atrai as pessoas? O corpo é lido como um discurso de vendas ou muito conteúdo adicional está sendo fornecido? E há um forte apelo à ação no final? Ter um bom e-mail é a chave para evitar que seu público cancele a assinatura ou mova-o para a pasta de lixo eletrônico.

Otimize os tempos de envio da campanha de e-mail

A hora do dia em que você envia o e-mail é importante para determinar sua chance de abertura, tornando-a uma parte crucial para o sucesso de uma campanha de e-mail.

No geral, o melhor momento para enviá-lo é durante o período de transição do dia. Por exemplo, quando alguém chega ao trabalho, na hora do almoço, logo após chegar em casa ou antes de ir para a cama. A melhor hora para enviar é quando o maior número de pessoas verificará seus e-mails.

Avalie seus resultados

Depois de enviar seu primeiro e-mail, você deve começar a rastrear as análises para ver quantas pessoas o abriram. Ao procurar uma plataforma de campanha por e-mail, procure uma que acompanhe algumas, senão todas, estas análises:

  • número de aberturas exclusivas;
  • número de rejeições (quantas não foram entregues);
  • número de e-mails não abertos;
  • taxa de abertura;
  • taxa de cliques;
  • taxa de cancelamento de inscrição;
  • reclamações de spam;
  • ações.

Essas análises dirão como seu público está interagindo com sua campanha e se ela foi bem-sucedida. Você também pode comparar suas campanhas para identificar o que está funcionando e o que poderia funcionar melhor.

Além disso, você poderá usar o Google Analytics ou a análise de rastreamento de página do seu site para ver quantas pessoas clicaram no seu site a partir do e-mail. Rastrear suas campanhas de e-mail é um grande fator para melhorá-las e obter melhores resultados.

Como essa estratégia pode ser usada por qualquer empreendimento online?

Existem diversos tipos de campanhas de e-mail, cada uma atribuindo a um tipo diferente de objetivo — seja a sua empresa uma loja virtual, uma plataforma SaaS ou de qualquer outro segmento de mercado.

Você pode descobrir que seu público responde melhor a um tipo específico ou a uma variedade de todas elas. Fique de olho nas análises e faça os ajustes necessários. Agora, vamos entrar nos diferentes tipos de campanhas de e-mail marketing!

Boletim de notícias

Como uma das campanhas de e-mail mais comuns que as empresas produzem, um boletim informativo é um e-mail distribuído regularmente (geralmente) sobre um tópico específico. O boletim informativo pode apresentar postagens de blog, percepções mensais, uma prévia do que esperar no próximo mês, dicas ou uma história.

Os boletins informativos são uma maneira excelente e bem-sucedida de manter contato com a sua base de leads e informá-los sobre o que está acontecendo. Configurar um boletim informativo semanal ou mensal pode mantê-lo no topo das mentes dos seus clientes e levá-los de volta ao seu site.

Uma oferta de marketing

As ofertas de marketing são um tipo de campanha de e-mail destinada a impulsionar uma venda direta. Esse tipo é voltado para o desconto ou oferta promocional de um de seus produtos ou serviços.

O e-mail é feito de um corpo que convence seu público do porquê ele precisa desse produto ou serviço, qual o valor que ele traz e termina com um forte call-to-action, com um link para fazer uma compra.

As ofertas de marketing são geralmente limitadas e dão uma sensação de urgência, dizendo aos consumidores para agirem rápido antes que o negócio expire. Esse tipo de campanha pode ser altamente eficaz se não for usado em demasia e se a promoção for um ótimo negócio. Uma excelente forma de avaliar o sucesso é ver quantas vendas ela gerou.

Anúncio

Essa campanha é exatamente o que parece: um anúncio que sua empresa está fazendo com a intenção de compartilhar informações.

Pode ser um novo produto ou serviço, um produto favorito retornando por um tempo limitado, mudanças em seu negócio que interessem ao seu público, como expansão ou realocação. É um esforço dizer ao seu público para manter os olhos atentos a alguma coisa e mantê-los informados, para que sejam os primeiros a ouvir sobre essa mudança empolgante.

Os anúncios são ótimos para manter seu público engajado e interessado em você e sua empresa, dando-lhes um primeiro olhar exclusivo com a vantagem adicional de levá-los de volta ao seu site ou loja para conferir.

Convite para evento

Vai acontecer um evento especial? Talvez você apareça em um evento online, seja um podcast apresentando um show ao vivo ou participando de um mercado de produtores locais para vender seus produtos. Seja qual for o evento, você pode usar uma campanha de e-mail para anunciá-lo e tentar promover seu público aparecendo e apoiando você.

O objetivo principal é incentivar seus clientes a participarem desse evento. Você pode provocar o que vai falar ou o que vai acontecer, até mesmo dar um código de desconto exclusivo para o seu público.

O tipo de campanha de e-mail que você usa será inteiramente baseado no objetivo pretendido. No entanto, cada tipo certamente lembrará seus clientes de que você está presente, incentivando-os a visitar seu site e aumentando seu SEO.

No geral, as melhores campanhas para impulsionar as vendas diretas serão as ofertas e anúncios de marketing, embora a melhor maneira de manter relacionamentos e manter os clientes atualizados seja por meio de um boletim informativo regular. Mas para obter melhores resultados, ter uma combinação de diferentes campanhas de marketing é o caminho a percorrer!

Quais as principais ferramentas?

A escolha do serviço de e-mail marketing certo pode ter um impacto significativo no sucesso de sua campanha de marketing. A seguir, revisaremos e compararemos alguns dos principais serviços de e-mail marketing.

MailChimp

MailChimp é uma plataforma abrangente de marketing por e-mail que atende a todos os seus requisitos de correspondência por e-mail com clientes, afiliados e outras partes interessadas. É uma ferramenta completa em que você pode gerenciar suas listas de mala direta, criar modelos de e-mail personalizados e nutrir e automatizar todas as suas campanhas de marketing.

RD Station

O RD Station é um poderoso software de automação focado em automatizar o funil de vendas de inbound marketing. Ela simplifica o gerenciamento da presença digital da sua marca e integra de forma consistente a ações de marketing e vendas — além da automação de e-mail marketing, geração e gestão de leads, controle de publicações e interações em redes sociais, planejamento de SEO, análise de performance de campanhas em sites, entre outros. Além disso, a plataforma oferece relatórios precisos sobre a origem dos seus visitantes, jornada dos leads, oportunidades e vendas.

E-Goi

O E-Goi é uma plataforma completa de automação de marketing. Além de e-mails, ela também permite a gestão de mensagens por SMS. Outro diferencial é que você pode configurar regras específicas para cada lista segmentada. Por exemplo, se um novo lead do gênero feminino entrar em sua lista segmentada pelo gênero, você pode estabelecer uma regra para mandar uma mensagem de boas-vindas no momento em que ela cadastrar o contato.

Bons exemplos de estratégia de e-mail marketing

Os exemplos de e-mail marketing abaixo ilustram algumas das melhores experiências que acontecem no e-mail atualmente. A lista cobre aspectos das melhores práticas de e-mail, incluindo personalização, linhas de assunto e muito mais. Inspire-se nessas ideias para criar a sua estratégia de e-mail marketing!

Airbnb

As campanhas do Airbnb se destacam como ótimos exemplos de e-mail por vários motivos, mas principalmente pelo uso da personalização. O sucesso acontece pois:

  • a personalização começa com a linha de assunto e eles usaram não uma, mas duas peças de personalização com tags de substituição básicas (nome e cidade natal, por exemplo);
  • por saber que o e-mail contém informações personalizadas, a curiosidade aumenta naturalmente e aumentará a chance de uma abertura;
  • essa campanha de e-mail tira o máximo proveito dos dados em que a empresa se baseia para fornecer uma visão útil para o assinante da newsletter.

Medium

O Medium é uma plataforma de publicação online com artigos que vão desde finanças pessoais a esportes, humor e muito mais. Ele também serve como um serviço de hospedagem de blog, permitindo que os usuários criem contas com conteúdo próprio. Em vez de focar em visitantes únicos de seu site, a empresa otimiza seus negócios em torno do tempo gasto na leitura do site — uma prova da qualidade do conteúdo fornecido.

O “Daily Digest” do Medium é um exemplo importante devido à excelente personalização por trás de seu e-mail. Ao se inscrever para uma conta gratuita, sua primeira tarefa é selecionar o assunto que mais lhe interessa. Esses interesses são então adicionados em seu mecanismo de personalização, que vai gerar seu e-mail “Daily Digest”. À medida que seu consumo de conteúdo na plataforma continua, a personalização no resumo fica mais nítida.

Como você pôde perceber, o e-mail marketing funciona, mas muitos elementos entram na criação de uma campanha desse tipo. Porém, não deixe que isso o intimide. Concentre-se em fornecer experiências simples e sem atrito para seus destinatários e adapte suas ideias.

Se você está começando, considere focar um elemento e adicione uma área de foco a cada campanha. E se você já está criando e-mails, mas está procurando melhorar, comece a aprofundar-se com estratégias de teste adicionais ou branding e design aprimorados.

Gostou do nosso guia? Compartilhe-o nas suas redes sociais e leve esse conhecimento para seus contatos e parceiros de trabalho!

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário