Como fazer dropshipping no Mercado Livre? Confira nossas 7 dicas

O modelo de vendas pela internet já é uma prática bastante utilizada no mercado brasileiro. Para facilitar ainda mais a vida de […]

O modelo de vendas pela internet já é uma prática bastante utilizada no mercado brasileiro. Para facilitar ainda mais a vida de empresas e consumidores, existe um modelo de vendas que não necessita de estoque próprio nem de se preocupar com os processos de entrega. Estamos falando do dropshipping no Mercado Livre.

Para que um negócio tenha sucesso nessa plataforma, é preciso seguir algumas boas práticas que potencializem as vendas. É sobre isso que falaremos neste artigo. Não deixe de conferir!

A importância de fazer um correto dropshipping no Mercado Livre

Fazer um correto dropshipping no Mercado Livre é essencial para que a plataforma e os seus clientes o percebam como um negócio genuíno e eficiente. Portanto, é fundamental se preocupar com uma das partes mais importantes em uma transação comercial: o consumidor.

O aumento no número de vendas, o bom relacionamento com os clientes/fornecedores e toda a experiência de compra devem ser excelentes. Acompanhados para garantir que o que foi combinado e vendido seja cumprido de maneira justa.

Os usuários do Mercado Livre estão constantemente atentos às avaliações e aos feedbacks dos consumidores. Portanto, não se preocupar em oferecer uma boa experiência de compras em todas as etapas da jornada do consumidor é um erro que pode ser decisivo entre o sucesso e o fracasso.

Além da experiência do usuário, das boas avaliações e dos feedbacks, é necessário entender e conhecer as políticas de uso, bem como os termos e condições do Mercado Livre para o dropshipping, como limitar o tempo de envio dos produtos para até 24 horas e não poder fazer o envio de etiquetas para outros estados.

Se certificar de cumprir essas boas práticas vai garantir boas avaliações, boas vendas e uma percepção positiva da plataforma em relação aos seus serviços, vendas e produtos. Logo, há maiores chances de obter o sucesso financeiro. Confira, a seguir, algumas boas práticas para garantir o sucesso com o dropshipping no Mercado Livre. Confira!

7 dicas para fazer dropshipping no Mercado Livre

Para fazer boas vendas com dropshipping, é preciso seguir algumas boas práticas que otimizem as suas vendas e priorizem a experiência dos seus clientes. É isso que você verá nas próximas linhas. Vamos lá?

1. Construa uma boa reputação

Construir uma boa reputação é o primeiro passo para fazer dropshipping no Mercado Livre. Isso porque as suas primeiras vendas deverão ser focadas em criar um relacionamento saudável com os clientes, e não em obter lucro.

Para isso, obtenha um nome de domínio que deixe claro aos consumidores o tipo de produto que você comercializa. Além de descomplicado e fácil de lembrar, o nome deve estar disponível para domínio.

Após definir o nome de domínio, crie a sua loja online com um bom layout e com informações relevantes para o seu negócio. Busque por um método de pagamento eficiente para efetuar a transmissão entre você, a instituição financeira e o consumidor.

Será preciso fazer um correto alinhamento com o fornecedor, pensar no marketing da loja e começar a realizar as primeiras vendas, certificando-se de que sejam de qualidade e cumpram o que foi prometido, além de realizar a entrega dentro do prazo estipulado e oferecer uma boa experiência pós-venda.

2. Cadastre os produtos da forma correta

Para se sentir seguro em relação a uma compra, o cliente precisa ter clareza quanto aos fatores que influenciam a compra. Portanto, é preciso fornecer informações com o maior grau de nitidez possível, sobre o produto comercializado e o serviço prestado.

Outra boa prática é oferecer informações como:

  • descrição clara do produto;
  • política de cancelamento;
  • taxas de envio e alfandegárias;
  • canal de atendimento.

3. Fazer descrições completas e chamativas

As descrições dos produtos serão fundamentais para influenciar a decisão de compra dos consumidores. Quando estiverem procurando por um produto, a descrição ajudará a plataforma a direcionar a sua oferta aos interessados. Além disso, será um fator determinante entre a escolha de um determinado produto do concorrente e o que você oferece.

Por isso, garanta que todas as informações mais relevantes em relação ao produto estejam visíveis e que respondam às dúvidas dos consumidores.

4. Forneça o código de rastreio para os consumidores

No dropshipping, a responsabilidade da entrega não será do seu negócio, mas garantir que chegue no prazo combinado, sim. Logo, é fundamental controlar os prazos de entrega, por meio do código de rastreio, e fornecê-los aos consumidores para que eles também possam fazer o acompanhamento. Fique atento à data da transição, ao código de rastreamento e ao número de operação do Mercado Pago.

5. Garanta um bom canal de atendimento

Sempre restam algumas dúvidas em relação ao produto ou serviço, mesmo que você tenha oferecido boas descrições. Logo, contar com um bom canal de comunicação ajuda a esclarecer essas dúvidas, gerar mais credibilidade e evitar cancelamentos. É fundamental responder às perguntas em um tempo satisfatório.

6. Crie uma política de cancelamento

Deixar claro como funciona a sua política de cancelamento gera mais confiança dos clientes com a sua marca, mantém a sua loja mais protegida e ainda evita que esse tipo de prática aconteça.

7. Responda às reclamações com eficiência

O fundamental é fazer com que as reclamações não ocorram. No entanto, se houver queixas, é preciso resolvê-las com presteza e de forma profissional. Quem recebe as reclamações é o próprio Mercado Pago. Contudo, o número de reclamações e os motivos ficam visíveis para você. É fundamental criar boas resoluções para os clientes.

Como se cadastrar na plataforma do Mercado Livre

Vender produtos por meio do dropshipping no Mercado Livre pode ser um excelente negócio. Para quem ainda não faz essa prática, vamos mostrar agora como se cadastrar e começar a comercializar produtos nessa plataforma. Veja a seguir.

O primeiro passo é acessar o site do Mercado Livre e escolher a opção “Crie a sua conta”. Depois, basta escolher a modalidade de pessoa física ou jurídica e fornecer os dados necessários para cada uma das opções. Pronto, você já está apto para começar a vender os seus produtos.

A opção de dropshipping no Mercado Livre vem ganhando cada vez mais adesão por ser uma maneira prática, eficiente e rentável de fazer negócios. No entanto, é preciso oferecer produtos de qualidade, criar um bom relacionamento com os clientes e ser profissional em relação ao período de entrega, política de cancelamento e compromisso com o negócio.

E então, ficou alguma dúvida sobre o assunto? Se sim, basta deixar nos comentários abaixo!

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário