5 dicas de UX para melhorar sua taxa de conversão

O universo do e-commerce sempre esteve em constante crescimento no Brasil e no mundo, e com o surgimento da pandemia, isso se […]

O universo do e-commerce sempre esteve em constante crescimento no Brasil e no mundo, e com o surgimento da pandemia, isso se fortaleceu ainda mais, pois empresas de todos os nichos  identificaram os benefícios de investir no mundo digital. E apenas abrir uma loja virtual não é o suficiente para aumentar as taxas de conversão e consequentemente as vendas.

Abaixo estão alguns pontos que você deve se atentar dentro do seu e-commerce para melhorar as taxas de conversão e retenção de clientes. 

Mapeamento de calor

Você já se interessou em mapear como seu usuário navega em seu e-commerce ou site? 

Uma ferramenta que auxilia muito nesse entendimento, é o Hotjar.

Nele você consegue visualizar o mapeamento de calor, mostrando como seus usuários navegam em seu site, quais as áreas mais acessadas, onde eles clicam com mais frequência e outras informações pertinentes a navegação. Essa ferramenta possibilita você a entender se seus usuários estão com dificuldade de navegar ou até encontrar uma sessão. 

Com base nessa análise, você pode talvez reposicionar elementos que julgue importantes para as áreas “mais quentes” de navegação.

Outra dica ligada a isso é o famoso teste A/B, onde você pode criar duas experiências de navegabilidade no seu site e analisar qual teve mais aceitação e ser mais preciso em suas conversões.

Clareza de informações

Muitas vezes o usuário chega ao seu site por busca orgânica, blogs, links compartilhados em redes sociais, anúncios e até mesmo e-mail marketing. 

Quando o usuário acessa esses links e chega até seu site, ele espera a maior quantidade de informações sobre um produto ou serviço. Alimentar sua página de produtos com o máximo de informações, representa autoridade e segurança para o usuário. 

Essas informações podem também ser usadas para inserir palavras chaves que poderão ser usadas em textos de SEO, que ajudam a posicionar seu site nas buscas orgânicas.

Atenção nos formulários

Uma das formas mais conhecidas de captar leads e transformá-los em potenciais prospects, é o famoso formulário.

Constantemente, verifique se a funcionalidade de seus formulários está correta e se estão executando a captação e entrega da forma prevista. Essa checagem é válida para todos os formulários da sua loja, ou site, seja ele de captação de leads ou cadastro na loja. 

Todo usuário que se cadastra em um formulário espera receber algo em troca, se isso não ocorrer, por algum erro ou descuido do lojista, é muito provável que o usuário deixe de fazer a compra no e-commerce.   

Responsividade

Com a evolução da tecnologia, o acesso à internet por dispositivos mobile subiu de forma acelerada. 

Por isso, não fique para trás! É imperativo que sua loja seja responsiva, seu e-commerce deve oferecer uma boa navegabilidade para dispositivos mobile. Tenha em mente que um site responsivo não se limita apenas a um site onde os elementos se adaptam à tela de um celular, mas também a experiência que seu usuário tem ao entrar em sua loja virtual quando a acessa pelo celular ou tablet. 

Para ficar mais claro, vou dar um exemplo simples: ao preencher um formulário, quando o campo a ser preenchido for numérico, o teclado muda automaticamente para números e vice-versa.  

Página de Erro! E agora?

Quantas vezes você entrou em um e-commerce, fez uma busca e se deparou com uma página de erro? “Ooops! Não encontramos o que você procura”.

Nesse caso, você corre o risco de abrir margem para o usuário sair do seu site e ir para onde você não quer que ele vá, a loja de seu concorrente. Que tal oferecer uma experiência diferenciada nessas páginas de erro (erro 404)? 

Não frustre seu usuário com uma página simples de Erro 404, ofereça uma solução. Dentro dessa página de erro, ofereça um produto ou serviço similar, um campo onde ele possa cadastrar o e-mail para receber um feedback ou um aviso de que o que ele procurou vai ser lançado na loja, etc.

Ofereça ao seu cliente uma experiência agradável.

Conclusão

É bom salientar que essas 5 dicas não são as únicas alternativas para aumentar o tráfego, conversão e vendas em sua loja virtual. Mas, com certeza, se você aplicar essas dicas em seus processos, resultados surgirão, incluindo ações que estão funcionando ou não dentro da sua operação.

Mensurar esses dados irá fazer toda a diferença no sucesso e aumento nas taxas de conversão de sua loja virtual.

Esperamos que tenha gostado de nossas dicas!

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário