Como vender mais no Dia do Consumidor

O Dia do Consumidor é uma data muito importante para o e-commerce. Por esse motivo, é importante que sua loja virtual esteja […]

O Dia do Consumidor é uma data muito importante para o e-commerce.

Por esse motivo, é importante que sua loja virtual esteja preparada para vender mais no Dia do Consumidor. Para isso, você vai precisar de alguns passos e dicas para iniciar seu planejamento desde já. 

De fato, lojas virtuais que se preparam antecipadamente, tendem a prever problemas e melhorar suas chances de faturamento. 

O que é o Dia do Consumidor? 

O Dia do Consumidor é considerado a Black Friday do primeiro semestre do ano

Primordialmente, se trata de um evento que também promete “homenagear” a importância do consumidor do comércio (virtual e físico). Essa homenagem é feita através de grandes promoções e benefícios para compras. 

Surpreendentemente, a data é comemorada desde 1985. Diferente da Black Friday, que no Brasil, migrou do virtual para o físico. O Dia do Consumidor migrou do comércio físico para as lojas online. 

Quando acontece o Dia do Consumidor? 

Assim sendo, o Dia do Consumidor acontece no dia 15 de março

Entretanto, as promoções não consumam de concentrar apenas nesse dia, mas sim, durante toda a semana do dia 15. 

Em alguns casos, os lojistas podem até proporcionar aos clientes o Mês do Consumidor. Separando o mês de março inteiro para criar promoções ou oferecer brindes especiais. 

Quais nichos podem participar do evento? 

Assim como na Black Friday, o Dia do Consumidor reflete promoções. É uma data que não está ligada a nenhum nicho específico. 

Desta forma, todas as lojas virtuais, independente de sua área de atuação de vendas, podem — e devem, participar. 

Dicas importantes para vender mais no Dia do Consumidor

Chegou a hora de aprender tudo que deve ser feito para ter sucesso de vendas nesta data. 

Selecione produtos que estejam em alta

Para começar com o pé direito, é importante selecionar produtos que estejam em alta

De fato, nem sempre é possível aplicar promoções em produtos que estejam com alto giro de vendas. 

Entretanto, para chamar mais atenção e aumentar as chances de vendas, se possível, é importante trabalhar com produtos que chamem atenção e que levem clientes para dentro de sua loja. 

Vale a pena considerar esses produtos para que sua campanha ganhe força e se destaque da concorrência. 

Planejamento de estoque 

Com o intuito de não perder vendas, é indispensável garantir que o estoque esteja preparado para vender. 

Seja com produtos que estejam em alta ou produtos que precisam ser queimados do estoque, ou os dois, o estoque precisa estar pronto para realizar as vendas. 

Porém, é importante ter cuidado. Considere o comportamento do seu consumidor, as tendências de mercado e seu investimento em marketing para fazer as compras. 

Muita atenção para não comprar produtos em excesso e depois ficar com produtos encalhados no estoque. 

Pratique preços competitivos 

Os preços são peça-chave em ações promocionais

De fato, é mais que esperado, que os clientes sejam verdadeiros caçadores de preço baixo. Assim conseguem saber o que realmente vale a pena levar para casa. 

Por isso, se esforce e se planeje para trabalhar com preços competitivos e ser a melhor opção entre a concorrência. Aumentando suas chances de venda e faturamento. 

Mais um motivo para você começar a trabalhar nessa campanha agora! Tempo suficiente para negociar com diferentes fornecedores e garantir o melhor preço. 

Bem como, o cupom de desconto também pode ser um grande aliado para gerar impulsionamento de compra. 

Além disso, no dia (semana ou mês) das promoções, faça o monitoramento de preços de seus principais concorrentes. Assim você saberá o preço que está sendo praticado por ele. Caso for melhor que  seu, e houver margem no seu preço, tente acompanhar para não perder vendas.

Cuidado com o Frete

Um grande fator que impacta diretamente nas vendas e todo lojista já deve saber: frete. 

Para vender mais no Dia do Consumidor, não é diferente! É essencial oferecer mais de uma opção de entrega para seu cliente e garantir que o produto esteja com as medidas corretas — para não correr o risco de ter erro de cálculo. 

O alto valor de frete é decisivo, mesmo que seu preço seja mais baixo do que o do concorrente. Lembre-se de que o cliente vê o frete como um “extra” e não como parte do produto. 

Combo de produtos

Outra estratégia é montar combo de produtos

Aqui você pode unir produtos encalhados com produtos que são tendência no momento — se houver relação entre eles, claro. 

Com esse combo, você pode oferecer o desconto referente ao valor total de todos os produtos envolvidos. 

A sensação, para o consumidor, será de levar mais por menos. E esse é um dos benefícios pelo qual ele está procurando.

Replique os descontos para vendas nos marketplaces

Você vende em marketplaces? Então, não se esqueça desse canal de venda

Se sua audiência for maior no marketplace do que em sua própria loja virtual, é indispensável também ter promoções dentro dos grandes players. 

Contudo, não vale a pena praticar exatamente o mesmo valor por conta das taxas. Faça os cálculos para não sair no prejuízo. 

Pense em boas chamadas

“Semana do Consumidor” e “Mês do Consumidor” são padrões. 

Não que isso seja ruim! É essencial deixar claro que aquela promoção é dedicada ao Dia do Consumidor. 

Neste caso, é recomendado construir frases de apoio criativas para chamar atenção dos clientes. 

Invista em uma identidade visual para sua campanha 

Diretamente ligada com a chamada da campanha, a identidade visual é parte fundamental do processo. 

A identidade visual é o que chamará e prenderá a atenção de quem está sendo impactado por sua campanha. 

Com toda certeza, esse é um ponto fundamental para a performance da loja. Campanhas apáticas e sem cores podem prejudicar, e muito, toda a sua estratégia. Portanto, dedique investimento para essa identidade visual. 

Planejamento de Marketing 

Agora é o momento de pensar no marketing!

Para vender mais no Dia do Consumidor, será necessário levar o público para dentro de sua loja virtual. Afinal, do que adianta ter excelentes promoções e uma identidade virtual incrível, se nenhum cliente entrar na loja? 

Google Ads

O Google Ads consiste em anúncios patrocinados no momento em que o cliente pesquisa o produto no Google. 

Mesmo as lojas bem posicionadas de forma orgânica, investem em anúncios patrocinados. Isso porque, o Google Ads leva seus produtos a aparecerem antes dos resultados orgânicos. 

Essa estratégia é excelente para alcançar clientes!

Google Shopping 

Diretamente ligada ao Google Ads, está disponível a ferramenta Google Shopping. 

Além de também aparecer antes dos resultados orgânicos, o Google Shopping exibe (já na página do Google): o nome do produto, preço, foto e nome da loja. 

Desta forma, consiste em um anúncio muito mais atrativo. Além disso, o cliente pode fazer a comparação de preços sem clicar nos anúncios. 

Facebook e Instagram Ads

As redes sociais são indispensáveis para sua estratégia. 

Atualmente, é muito difícil encontrar um consumidor que compra online, mas não tem acesso às redes sociais. 

Logo, investir em Facebook e Instagram Ads deve fazer parte da sua estratégia de marketing.

E-mail Marketing 

Não, o e-mail marketing não morreu! 

Esqueça a história de que e-mail marketing é canal de vendas ultrapassado e que não funciona mais.

O e-mail marketing faz com que sua loja se comunique diretamente com seu cliente, sem ser invasivo. Além disso, é possível inserir diversos produtos em um único e-mail. 

Outro ponto importante, além de conseguir segmentar os e-mails para a sua base, muitos clientes relatam que procuram promoções em suas caixas de e-mail. 

Será mesmo que essa não é uma estratégia que vale a pena? 

Garanta a recompra

Depois de tudo nos conformes, você deve monitorar a loja e o planejamento de marketing para observar se tudo está correndo conforme o planejado. 

Entretanto, quando as vendas já estiverem acontecendo, é o momento de garantir que aquele cliente volte a comprar em sua loja virtual. 

Então, preocupe-se com: experiência de compra, atendimento, agilidade no processo de logística, cupom de desconto para segunda compra, experiência no unboxing, respostar stories mencionados etc. 

Valorize quem comprou com você. Quando isso acontece, pode ter certeza que ele voltará para comprar novamente

Loja Virtual x Loja Física

Neste conteúdo, focamos bastante em lojas virtuais. 

Entretanto, caso você também tenha uma loja física, é importante unificar as ações. O Dia do Consumidor também é uma data muito forte para vender no varejo físico. 

Sendo assim, não perca a oportunidade de vender mais em dois canais de venda completamente diferentes. Ou melhor, deixe disponível a opção para o cliente comprar online e retirar na loja para maior rapidez. 

Use a data como termômetro para a Black Friday

As vendas do Dia do Consumidor podem ser um termômetro para você saber o que virá na Black Friday. 

Além do comportamento do seu consumidor, você também terá dados de onde errou e onde acertou em suas campanhas. 

Por esse motivo, saiba analisar os dados mais importantes de sua loja e usá-los a seu favor para continuar vendendo cada vez mais.

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário