Entenda para que serve um servidor de loja virtual
Melhorias no Marketplace, Busca e EasyCheckout

Como usar CTA em loja virtual para aumentar conversões?

Publicado em: • Última Atualização:

Todas as peças de divulgação e páginas de um site são criadas com um objetivo: a venda de um produto, o direcionamento para outra página, o download de um material, a solicitação de orçamento e assim por diante. Para facilitar o alcance desse objetivo, é preciso induzir o consumidor a realizar a ação desejada. Como? Para isso, existe um recurso fundamental: CTA!

Os Calls To Action (chamadas para ação) mostram ao usuário o que ele deve fazer quando se depara com um conteúdo seu, indicando o caminho para a conversão. Já se deparou com um “compre em 12x” em um link patrocinado ou com um botão escrito “adquira o seu” em uma determinada página de e-commerce? Então já foi apresentado aos CTAs.

Pronto para entender como usar CTA em sua loja virtual com a intenção de aumentar as conversões? Confira quais elementos devem ser considerados nos tópicos a seguir!

Persona

O primeiro elemento que você deve analisar é o perfil do público. Afinal de contas, qualquer ação tomada no site em relação a conteúdo e design deve ser orientada pela persona. Tomando esse cuidado, suas chamadas ficam em harmonia com o contexto da marca e usam a abordagem correta para se comunicar com a audiência.

Se a persona é jovem e descontraída, por exemplo, você provavelmente poderá usar CTAs mais criativos e com cores mais extravagantes. Já se o público for mais sóbrio, é melhor que os botões sejam tradicionais, com tons e conteúdos mais neutros.

Objetividade

O CTA determina a ação do usuário. Por isso, para não deixá-lo perdido, é essencial trabalhar com objetividade, que pode ser traduzida em 3 atitudes:

  1. Ser conciso: em poucas palavras, sem enrolação, mostre ao usuário o que ele deve fazer. Muitas vezes, um único verbo no imperativo cumpre bem essa função.
  2. Ser específico: ninguém clicará em um botão sem saber exatamente o que encontrará na página de destino. Então mostre claramente o que está oferecendo.
  3. Escolher a oferta principal: por mais que sua página de destino ofereça vários benefícios aos usuários, escolha apenas o principal para o CTA.

Que tal conhecer alguns exemplos de CTAs que cumprem esses requisitos? É simples e direto: “baixe o e-book”, “aproveite o desconto”, “assine a newsletter” e “cadastre seu currículo”. Viu como não tem mistério?

Promessa

Lembre-se: usar CTA também é prometer algo para o usuário. Essa chamada cria, portanto, uma expectativa que deve ser atendida na página de destino. Então trate de cumprir o que foi prometido no CTA, oferecendo uma experiência positiva, que facilite a conclusão da ação em vez de criar entraves!

Criatividade

Geralmente, são usados verbos no imperativo para indicar qual deve ser a ação do usuário. Mas nada impede que você fuja dos padrões e chame atenção com criatividade! Para saber se vai dar certo, basta criar testes A/B (sobre os quais falaremos mais adiante) para entender a resposta do usuário para CTAs mais ousados.

Dentre outras ideias, você pode fazer perguntas ao público (como “vamos bater um papo?”), colocar-se no lugar da persona (“eu quero esse desconto!”) ou usar frases de efeito (“chega de esperar!”). O que acha?

Persuasão

Usar CTA em lojas virtuais faz parte do processo de persuasão da venda. Assim, o papel das chamadas é incentivar as decisões que ocorrem ao longo da jornada de compra do cliente.

A principal técnica de persuasão consiste em mostrar a vantagem que o usuário terá ao clicar no link — como “ganhe 10% de desconto”, “compre rápido” ou “baixe o e-book gratuitamente”. Outro recurso persuasivo objetiva despertar o inconsciente para motivar o clique. Nesse caso, você pode tentar gerar um senso de urgência (usando “agora”, “” ou “últimas horas”), de exclusividade (com “desconto exclusivo” ou “só para você”) ou de curiosidade (apostando no “descubra”).

Visibilidade

Obviamente, CTAs precisam ser vistos. Com isso em mente, faça com que o usuário tenha facilidade para encontrar o botão. Ele não pode se sentir desorientado na página, correndo o risco de abandonar o site sem concluir a ação. Mas a visibilidade também tem outra função: chamar a atenção inconscientemente para despertar o clique impulsivo e alcançar a conversão o quanto antes.

Vamos agora ver os 3 elementos que mais influenciam na visibilidade das chamadas em lojas virtuais:

Cor

Você não precisa necessariamente usar cores chamativas, pois tudo dependerá do contexto da sua marca e do perfil da persona — como já falamos. O mais importante é que exista um contraste entre botão e fundo (o que pode acontecer inclusive com cores neutras, como o cinza sobre o branco), mantendo a harmonia com o design geral da página ou do anúncio.

Tamanho

O tamanho do CTA também importa para a visibilidade. Mais uma vez, é preciso considerar o contexto da marca, o perfil da persona e a harmonia com o conjunto para definir o tamanho adequado dos botões. O certo é que eles precisam ser notados! Por isso, na hierarquia dos elementos visuais do seu layout, os CTAs devem receber bastante relevância.

Posicionamento

Para favorecer a visibilidade dos CTAs, eles precisam ser posicionados de uma maneira facilmente encontrável. É comum, por exemplo, que o botão de “compre agora” ou “adicione ao carrinho” venha após a descrição do produto. No entanto, se o texto é longo, vale inserir a chamada antes. Outra maneira de tornar o botão visível é posicioná-lo acima da dobra da página (antes da rolagem) e longe de outros elementos que possam distrair o usuário, como botões de compartilhamento e links para outras páginas.

Teste

Ficou em dúvida se é melhor trocar a cor do botão, se a linguagem pode ser mais leve ou se um recurso persuasivo renderia mais conversões? Pois há uma dica que vale para todos os elementos já citados: a realização de testes A/B. Anote: esses devem ser seus maiores aliados na otimização de CTAs. O teste consiste em publicar 2 versões de uma página, com apenas uma diferença: o elemento que você quer testar. Cada metade do público acessará uma das versões e a que tiver melhor desempenho em conversões será a vencedora.

Pronto para testar todas as sugestões que demos aqui? Viu como CTAs são recursos excelentes para aumentar as conversões? Pois agora que você já sabe como usar CTA, que tal acompanhar outras dicas para melhorar as conversões da sua loja virtual nas nossas redes sociais? Estamos no Facebook, no Twitter e no LinkedIn!

Ficou com alguma dúvida? Faça parte do nosso grupo no Facebook com especialistas em e-commerce e outros lojistas e envie sua pergunta.

Está pensando em criar uma loja virtual? Faça o teste e descubra se você está pronto!

Como usar CTA em loja virtual para aumentar conversões?
4 (80%) 1 voto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10% de desconto
50% de desconto
10% de desconto
30% de desconto
20% de desconto
30% desconto
50% de desconto
20% de desconto
30% de desconto
50% desconto
30% de desconto
50% de desconto
Gire e ganhe desconto no ingresso
Digite seu endereço de e-mail e gire a roda. Esta é sua chance de ganhar descontos incríveis!

Escolha a cidade para o desconto!

Regras:
  • Uma chance por email
  • Não acumula para outra cidade
  • Enquanto durarem os ingressos free.