Como trabalhar pela internet: 31 maneiras de ganhar dinheiro sem sair de casa

Há muitas maneiras de ganhar dinheiro sem sair de casa, entre as mais populares estão: criação de uma loja virtual, vendas através de marketplaces, vendas de produtos através de dropshipping (sem estoque), como redator freelancer ou a partir de aulas particulares.

Você pode estar procurando uma renda em tempo integral ou apenas algum dinheiro extra.

Seja qual for o caso, há muitas maneiras de ganhar dinheiro trabalhando em casa.

Você pode monetizar suas melhores habilidades e ainda ter a flexibilidade de fazer sua própria agenda e desfrutar de um forte equilíbrio entre vida profissional e pessoal.

Neste guia, explicamos 31 dicas de como trabalhar pela internet e ganhar dinheiro sem sair de casa. Confira e veja qual delas tem mais a ver com você!

1. Criar uma loja virtual

A principal maneira de trabalhar e ganhar dinheiro em casa é criando uma loja virtual em um nicho específico.

O e-commerce movimenta boa parte do faturamento do varejo digital e oferece vários modelos de lojas virtuais para você que deseja começar.

Se você ainda não tem ideia do que vender com uma loja virtual, saiba que existe uma gama extensa de produtos que já deram certo nesse ramo.

Portanto, sem dúvidas investir nessa opção hoje em dia é uma das mais lucrativas.

Produtos mais vendidos na internet – 10 categorias para você explorar!

2. Vender em marketplaces

Graças a marketplaces como Amazon, Mercado Livre e Shopee, você não precisa criar uma loja virtual do zero para vender produtos online.

Os marketplaces são um espaço de comércio virtual (que se assemelham a vitrines) e reúnem milhares de lojas virtuais em um único domínio.

Você pode inclusive vender nos chamados marketplaces de nicho, que reúnem lojas apenas de um determinado segmento.

3. Vender sem estoque (dropshipping)

Dropshipping é um método de vendas que não necessita de produtos em estoque.

Em vez disso, você fica responsável por fechar a venda e repassar o pedido para um fornecedor terceirizado que, então, envia o produto ao cliente.

Ao contrário da crença popular, o modelo de negócios sem estoque não é um esquema de enriquecimento rápido!

Parece dinheiro fácil vender os produtos de outras pessoas e ficar com uma parte, mas quando você considera todas as responsabilidades, verá que é um trabalho árduo.

Dropshipping: guia definitivo para ter sucesso nas vendas sem estoque

4. Tornar-se um afiliado digital

O afiliado digital é o responsável por vender produtos de outras empresas e receber em troca comissões em dinheiro.

Ao se tornar um afiliado, você pode usar as redes sociais e outros canais digitais para divulgar o produto e atrair clientes em potencial.

A cada venda fechada com sua ajuda, um percentual vai para a sua conta.

Para se tornar um afiliado, você precisa se cadastrar em um programa de afiliados pela internet.

O cadastro normalmente é rápido e pode ser que você precise fazer alguns treinamentos de vendas e marketing digital.

Cada programa conta com suas próprias regras e tipos de produtos para vender.

5. Trabalhar como redator freelancer

Os redatores freelancers produzem conteúdo escrito para sites, revistas, jornais, livros, televisão, rádio e filmes.

A maioria dos redatores trabalha de forma independente e participa de projetos em plataformas de trabalho freelancer, como 99freelas e Workana.

Se você tem um perfil corporativo nas redes sociais, também pode conseguir novos clientes por lá. Um portfólio com trabalhos antigos pode ajudar a captar clientes.

Se você tem habilidades com a escrita, pode se tornar um redator freelancer e precificar o seu serviço da maneira que achar mais justa.

Tudo o que você precisa para ser um redator freelancer é de um computador/notebook, acesso à internet e conhecimento sobre as particularidades do material a ser escrito.

Você pode trabalhar para uma variedade de clientes e se especializar na criação de conteúdo para um ou mais setores, como beleza, estilo de vida ou saúde.

6. Revisar materiais escritos

Se a escrita e habilidades gramaticais são o seu forte, outra opção interessante é revisar materiais escritos em língua portuguesa ou outros idiomas.

Muitas empresas precisam de pessoas aptas a ler de forma crítica, corrigir e sugerir mudanças em materiais escritos para sites e blogs, roteiros e posts para redes sociais.

O revisor freelancer pode buscar oportunidades de trabalho em plataformas de freelancer ou nas redes sociais.

7. Vender um infoproduto

Já pensou em criar um produto que pode ser vendido e consumido no digital? Então, chegou a hora de fazer parte do mercado de infoprodutos.

Os infoprodutos são vendidos e distribuídos em formato digital na internet, como cursos online, e-books, audiobooks, webinars e clubes de assinatura para outros materiais.

Os compradores de infoprodutos estão preocupados em aprender habilidades e técnicas de pessoas com profundo conhecimento em determinada área.

Você pode criar seu próprio site para vender um infoproduto ou simplesmente usar as redes sociais para atrair e negociar com os clientes interessados.

8. Dar aulas particulares

Um professor online particular desenvolve planos de aula e exames para os alunos, além de ministrar conteúdos personalizados voltados para as dúvidas do seu cliente.

Um professor particular pode cobrar por hora ou por número de encontros.

Caso tenha experiência com ensino para a educação básica, você pode dar aulas particulares para alunos do ensino fundamental e médio.

Mas, caso não tenha experiência ou formação no ensino escolar, você pode dar aulas sobre assuntos específicos de uma área de atuação para equipes e gestores.

Os encontros podem acontecer por videoconferência.

9. Escrever para um blog

Um blogueiro desenvolve calendários de conteúdo, escreve artigos, cria fotos e gráficos para o seu blog pessoal. Muitos também escrevem para blogs parceiros e recebem por isso.

É normal que as marcas procurem blogs populares em determinado segmento para escrever reviews de produtos.

Em troca, você pode receber um produto da marca ou um pagamento em dinheiro.

Outra maneira de monetizar um blog é a exposição de publicidade paga.

Da mesma forma que um jornal recebe para anunciar produtos, muitos anunciantes estão dispostos a pagar para ganhar a visibilidade dos leitores do seu blog.

Você pode usar uma rede de anúncios, como o Google Ads, para vender o espaço do seu blog para as marcas anunciantes.

10. Programar para marcas

Os programadores usam linguagens de programação para criar sites, aplicativos, ferramentas para operações internas de uma empresa e outros produtos.

Um programador pode trabalhar de forma independente em vários projetos ou para uma única empresa.

Tornar-se um programador normalmente requer um diploma de graduação em uma área relacionada à informática, mas muitos cursos online podem ensinar você a programar.

11. Traduzir materiais escritos

Tradutores freelancers adaptam um material escrito de um idioma para outro.

Eles são responsáveis por manter o significado original do material escrito, bem como sua estrutura, estilo e tom de voz.

A principal habilidade do tradutor é o domínio da escrita e leitura de pelo menos dois idiomas, mas esse não é o único critério para ganhar dinheiro com tradução.

As empresas que precisam desse serviço geralmente cobram o manuseio de ferramentas específicas de tradução, as chamadas de CAT Tools, como o SmartCat e WordFast.

O tradutor é um profissional independente que pode participar de um ou mais projetos de tradução, além de ter a possibilidade de precificar o seu serviço.

12. Fazer legendagem

O trabalho de legendagem é semelhante ao do tradutor de materiais escritos, mas as funções aqui demandam um conjunto maior de habilidades com um segundo idioma.

Os editores de legendas ouvem o áudio de programas de televisão, séries, notícias, filmes e transmissões ao vivo e traduzem palavras faladas em material escrito.

O editor de legendas é um profissional autônomo que pode trabalhar em mais de um projeto ao mesmo tempo.

Em muitos casos, o trabalho de transcrição é feito em plataformas específicas do cliente.

Assim como o tradutor, o editor de legendas tem a possibilidade de ganhar em uma moeda estrangeira mais forte que o real quando trabalha para empresas de outros países.

13. Prestar consultoria online

Se você tem experiência e conhecimento em uma área específica, considere compartilhá-las com outras pessoas usando a internet.

Por exemplo, pode ser que você seja contador ou advogado que saiba como aconselhar pequenas empresas para cuidar de questões tributárias e fiscais.

Você também pode trabalhar com programação há alguns anos e ajudar profissionais que estão começando nessa área.

Para oferecer consultoria online, basta construir um repertório em alguma área de trabalho.

Se você se encaixa nisso, divulgue nas suas redes sociais que você está disponível para mentorias!

14. Construir estratégias de tráfego para marcas

O tráfego (pago e orgânico) que as empresas geram para as suas páginas se tornou algo virtual para os resultados de vendas.

Muitos empresários preferem pagar pessoas qualificadas para pensar a arquitetura de tráfego da empresa e maneiras de gerar melhores resultados. Você pode ser essa pessoa!

A sua função se resume a diagnosticar as fontes de tráfego orgânico e pago de uma empresa, avaliar o desempenho de cada uma e aplicar soluções para aumentar o fluxo de visitas.

Como estrategista, é importante ter domínio das ferramentas de anúncios das principais redes sociais: YouTube, Facebook e Instagram.

Ao se tornar um estrategista de tráfego, você pode trabalhar contratado por uma empresa ou oferecer seus serviços para várias empresas simultaneamente.

Todas as suas responsabilidades podem ser feitas 100% no digital.

15. Criar um canal no YouTube

Há muito tempo, o YouTube deixou de ser uma fonte de renda apenas para celebridades.

Hoje, qualquer um pode conquistar um público criando vídeos voltados para ensinar e entreter sobre os mais diferentes temas.

Ganhar dinheiro pode até não ser o motivo principal para criar um canal no YouTube, mas essa pode ser uma surpresa positiva quando você percebe que está dando certo!

A principal maneira de ganhar dinheiro no YouTube é a partir dos anúncios veiculados na plataforma.

Para isso, é preciso ingressar no Programa de Parcerias do YouTube e configurar a monetização do seu canal.

16. Editar vídeos

Se você deseja ganhar dinheiro com suas habilidades em edição de vídeos, há muitas oportunidades disponíveis de trabalho pela internet.

Por exemplo, você pode trabalhar com empresas para desenvolver vídeos promocionais de produtos ou com influencers que precisam editar vídeos para o YouTube.

Você ainda pode buscar novos projetos em sites de trabalho freelance.

E o melhor de tudo é que, como editor de vídeos freelancer, você pode cobrar pelos seus serviços da maneira que achar mais justa.

17. Tornar-se um influencer

Não tem erro: os dias em que as redes sociais não eram nada além de um ambiente para se divertir acabaram.

Embora muitos de nós ainda possamos nos divertir muito nas redes sociais, elas se tornaram com o tempo altamente monetizáveis. E isso não é algo ruim!

No início, a publicidade na forma de anúncios pagos cobria a maior parte do dinheiro que as pessoas ganhavam nas redes sociais.

Hoje em dia, os influenciadores estão explorando várias maneiras de ganhar dinheiro nas redes, muitas vezes de maneiras que o público mal percebe.

Você pode criar seu perfil e construir um público ao redor do seu conteúdo, tornando-se uma autoridade e alguém capaz de influenciar na opinião de milhares de pessoas.

Você pode começar falando sobre as coisas e os produtos que mais gosta!

Aos poucos, as marcas podem convidar você para receber comissões para criar conteúdos personalizados sobre os produtos.

Confira também: Como se tornar um digital influencer?

18. Gerir redes sociais

As pequenas empresas geralmente precisam de ajuda para gerenciar seus perfis nas redes sociais.

Dessa forma, muitas empresas preferem pagar alguém para fazer esse serviço de forma pontual, em vez de ter alguém gerenciando as redes em tempo integral.

Então, se você tem um bom nível de conhecimento em redes sociais, identifique uma ou duas redes com as quais você deseja se especializar.

Pack Social Commerce – Tudo Sobre E-commerce e Redes Sociais.

19. Vender fotos online

Se você é um fotógrafo profissional ou apenas gosta de tirar fotos no tempo livre, você pode ganhar uma quantia favorável de dinheiro vendendo suas fotos pela internet.

Você só precisa vender os direitos autorais da sua foto para quem deseja usá-la para fins pessoais ou comerciais.

Muitos sites funcionam como banco de dados em que as empresas vão atrás de fotos para comprar, como FOAP, Shutterstock e Istockphoto, por exemplo.

20. Participar de pesquisas

É possível responder a pesquisas online e em troca ganhar comissões em dinheiro.

O pagamento das empresas de pesquisa não levará você à liberdade financeira da noite para o dia, mas pode fornecer um pequeno impulso financeiro quando você mais precisar.

Na maioria dos casos, você ganhará pontos a cada pesquisa respondida que podem ser trocados por dinheiro.

É normal que o site solicite com antecedência algumas informações pessoais para saber se você se encaixa no público-alvo de determinada pesquisa.

Em sites de pesquisa de outros países, você pode ganhar comissões em moedas mais fortes que o real.

21. Assistir a anúncios pagos

Se você está em busca de dicas de como trabalhar pela internet, assistir a anúncios de vídeo online pode ser uma boa opção.

Sim, você leu certo. É possível ganhar dinheiro assistindo anúncios.

E o melhor é que não precisa fazer nenhum investimento para começar.

Com seu smartphone e conexão com a internet, você está pronto para assistir a anúncios.

Embora não seja uma maneira de substituir a sua fonte de renda principal, você pode ganhar um dinheiro extra fazendo esse serviço.

Plataformas como Neobux, GPTplanet, Get-Paid e ySense possuem seus próprios sistemas de pontuação e recompensas para uma quantidade de anúncios vistas por usuário.

22. Vender comida por aplicativo

Vender comida caseira é uma maneira clássica de ganhar dinheiro, mas os aplicativos de comida impulsionaram ainda mais essa forma de empreender.

Você poderá cozinhar em casa e vender suas criações nos aplicativos. E o melhor é que existe espaço para todo tipo de culinária.

Gourmet, artesanato, produtos caseiros e produtos veganos são apenas alguns exemplos.

Vendendo comida por aplicativos, você pode fazer seu próprio horário e cozinhar quando quiser.

É possível trabalhar em tempo integral ou apenas como uma atividade paralela para complementar sua renda.

Para quem gosta de cozinhar, é uma ótima maneira de encontrar o equilíbrio perfeito entre a vida pessoal e profissional.

Como vender no iFood: Manual completo para iniciar na plataforma!

23. Escrever livros

Escrever um livro é uma ótima maneira de manter uma renda passiva, principalmente se você escreve sobre temas populares e investe em divulgação.

Você pode disponibilizar o livro pronto no formato de e-book em marketplaces como a Amazon ou em um site próprio.

Também existe a opção de enviar uma versão para editoras se você deseja que o livro ganhe versões físicas e ocupe as estantes de livrarias.

Mesmo depois de anos que escrever o livro, ele ainda pode gerar uma renda para você sempre que surgir um comprador.

24. Alugar cômodos da sua casa

Anunciar um quarto vago em um site de aluguel por temporada pode gerar uma renda fácil sem sair de casa.

Muitos viajantes estão dispostos a pagar por esse tipo de moradia, em vez de se instalarem em hotéis caros.

Para fazer isso dar certo, é importante se certificar de que os quartos anunciados estejam totalmente mobiliados e limpos.

Você também pode incluir o custo dos serviços de limpeza, acesso à internet da sua casa e talvez até o café da manhã no preço do aluguel.

25. Criar artes visuais para marcas

Existem várias maneiras de ganhar dinheiro online como designer gráfico.

Se você tem experiência com ferramentas de criação de artes visuais para sites, e-books, convites, anúncios e redes sociais, essa é uma ótima opção de carreira independente.

Você pode, por exemplo, criar modelos gráficos e disponibilizá-los como produtos em sites como o Pinterest.

Muitos empresários e blogueiros estão sempre com pressa ou têm as habilidades necessárias para criar suas próprias artes visuais do zero.

Eles adoram comprar modelos gráficos na internet por causa da simplicidade de personalizá-los.

Confira 7 estratégias para usar o Canva de forma profissional!

26. Investir no mercado financeiro

Faça seu dinheiro trabalhar por você! Para investir no mercado financeiro, você não precisa sair de casa e pode fazer tudo pela internet.

Ao criar um plano de investimentos e continuar aplicando regularmente, o dinheiro que você investe, aliado aos juros compostos, poderá dobrar ou triplicar ao longo do tempo.

No entanto, vale a pena consultar um contador ou uma agência de investimentos para não correr mais riscos do que você pode.

27. Trabalhar com telemarketing

Algumas empresas oferecem vagas de telemarketing e atendimento ao cliente que podem ser realizadas de forma 100% remota.

Um exemplo é a gigante Amazon, que oferece vagas remotas para diversos setores, inclusive para o setor de atendimento ao cliente.

O candidato a uma vaga como essa deve ter acesso a uma boa conexão de internet, um headset e um espaço livre de ruídos para garantir uma experiência agradável aos clientes.

28. Prestar consultoria como personal trainer

Se você é um profissional da Educação Física, oferecer consultorias e acompanhamento de treinos por videoconferência é uma ótima maneira de ganhar dinheiro sem sair de casa.

Muitos alunos querem que um especialista explique as coisas com mais detalhes ou corrija sua postura durante as sessões de treinamento em casa.

Seja qual for o caso, você pode usar sua experiência para ajudar essas pessoas.

O melhor de tudo é que você pode cobrar um preço especial por suas consultorias personalizadas.

29. Ser um assistente virtual

O assistente virtual é o responsável por fornecer suporte administrativo aos clientes de uma empresa.

Eles podem responder e-mails, gerenciar caixas de entrada, fornecer suporte em tarefas específicas ou ajudar na gestão das redes sociais.

Alguns assistentes virtuais também agendam compromissos, organizam calendários e reservam viagens para clientes.

Muitos assistentes virtuais fornecem suporte em várias áreas, mas alguns se especializam em áreas específicas, como rede social ou gerenciamento de caixa de entrada.

Os assistentes virtuais podem realizar suas responsabilidades de forma totalmente digital e participar de reuniões por videoconferência.

Você pode ser um assistente virtual contratado por uma empresa ou independente, ou seja, com a possibilidade de trabalhar para mais de uma empresa.

Confira também: Chatbot: o que é, como funciona e por que usar no seu negócio!

30. Consertar e customizar roupas

Trabalhar com o concerto e customização de roupas sempre foi um negócio rentável. E o melhor é que você pode se dedicar sem sair de casa.

Pela internet, você pode fazer boa parte da divulgação dos seus serviços e divulgar o endereço onde são feitos os consertos e customizações.

31. Produzir conteúdo no TikTok

Sim, existe uma maneira de ganhar dinheiro no TikTok! Na verdade, são várias maneiras:

  • assistindo a vídeos no TikTok e cumprindo as missões diárias: isso fará você juntar moedas para trocar por dinheiro;
  • enviando códigos de convites para amigos que ainda não estão no TikTok e ganhando moedas que podem ser trocadas por dinheiro;
  • fazendo lives no TikTok e recebendo presentes dos espectadores: essas recompensas também podem ser trocadas por dinheiro.

Muitas pessoas já estão usando essas maneiras de monetizar um perfil no Tiktok!

É isso, chegamos ao final das dicas de como trabalhar pela internet e ganhar dinheiro sem sair de casa.

Agora, aproveite para aprender tudo sobre como vender seus produtos nas principais lojas virtuais do Brasil.

Não há comentários ainda. Seja o primeiro a escrever um.

Deixe seu comentário