5 vantagens de optar pelo dropshipping em uma loja online
Diferença entre preço e valor: saiba como mostrá-la em sua loja

Como o design da loja online impacta na conversão?

Publicado em: • Última Atualização:

Se você perguntar o que é design para algum desconhecido na rua, é bem possível que escute na resposta os termos beleza e criatividade como chaves da descrição. No entanto, o que nem todo mundo sabe é que o design vai muito além da mera diferença entre algo bonito e feio. Aliás, quando falamos especificamente sobre o design da loja online, isso pode determinar o fracasso ou o sucesso do e-commerce!

Não quer correr nenhum risco? Então trate de conferir nosso post de hoje para descobrir como exatamente o design da sua loja virtual pode impactar diretamente a taxa de conversão!

Aposte no contraste para aumentar as vendas

Quando falamos no design de uma loja virtual, estamos falando sobre os diversos elementos que compõem um site. Em meio a essa infinidade de fatores é que surge o contraste, grande responsável por chamar nossa atenção para o que tem de mais importante por ali.

Pense, por exemplo, em qual seria o elemento principal em uma página de produto. Muito provavelmente, o botão de compra ou o CTA, certo? Então nada melhor que dar a ele uma cor bem contrastante, completamente diferente das tonalidades dos outros elementos. Assim você consegue chamar a atenção do usuário para o clique!

Evite deixar o usuário pensar demais

No começo dos anos 2000, o arquiteto de informação Steve Krug lançou um livro que se tornaria um verdadeiro clássico do design. Em Não me faça pensar, Krug mostra alguns cases e dá dicas de como desenhar um site que não deixe o usuário perdido lá dentro. E não é que, tantos anos depois do seu lançamento, várias dessas dicas ainda continuam valendo? Confira algumas lições tiradas justamente dessa obra-prima!

Não tente reinventar a roda

Sua loja virtual não tem que ser muito diferente. Aliás, pelo contrário! O usuário gosta de entrar em uma página e saber exatamente onde ir, como navegar por ali. E isso só é possível quando usamos elementos básicos de design e navegação.

Não desperdice o tempo do usuário

É simples: se existe algum elemento na página (seja um vídeo, uma foto ou um texto) que não traz nenhum benefício para quem está navegando, é melhor tirá-lo dali.

Não faça as pessoas pensarem antes de clicar

Se você quer que alguém clique no botão de comprar, vá direto ao ponto: nada de realize a compra ou me leve para casa. Que tal simplesmente comprar? Tenha em mente que quanto menos chances você der para o usuário pensar antes de clicar em alguma coisa, melhores serão os resultados da sua loja virtual.

Entenda que boas fotos vendem mais

Diversos estudos (como este, publicado pela Academia Nacional de Ciência dos Estados Unidos) afirmam que as pessoas têm uma facilidade maior para memorizar e assimilar fotos que textos. E não é por menos! Afinal, nosso cérebro costuma processar imagens até 60 mil vezes mais rapidamente do que qualquer outro tipo de elemento gráfico. Dito isso, por que então não usar boas fotos nas páginas da sua loja virtual?

Com a ajuda de bancos de imagens pagos, como o Shutterstock, e até alguns gratuitos, como o Pexels, é possível dar muito mais vida ao seu site. Mas faça isso, é claro, depois de dar uma reduzida no peso das fotos com o auxílio de ferramentas como o Tiny JPG. Tudo em prol de fazer suas páginas carregarem ainda mais rápido!

Assista ao Escola Responde e veja mais dicas sobre foto e design:

 

Saiba que um layout bem-feito é um layout rápido

E já que falamos sobre velocidade, é interessante pensar que um layout bem-feito é também um layout rápido, que abre sem lentidão até mesmo em aparelhos mobile, com internet 3G. Sim, é isso mesmo! Um bom projeto de design é aquele que tira a gordura da tela, não deixando elementos dispensáveis prejudicarem a performance do e-commerce.

Isso sem contar que uma boa performance também é um dos principais fatores para a otimização da sua loja nos resultados de busca. Quer alcançar os primeiros lugares nas páginas de resultados do Google? Então comece por aí!

Foque na experiência do usuário

Não deixar a pessoa pensar, ter um layout rápido e inserir boas imagens: tudo isso tem a ver com a experiência que seu e-commerce oferece para o usuário. E, como você deve imaginar, boas experiências têm mais chances de trazer bons resultados! Mas ainda dá para ir mais longe nessa tal de experiência do usuário.

Trabalhe alguns efeitos que ajudarão o visitante a saber se seu mouse passou ou não por cima de alguma opção, coloque legendas nas imagens (principalmente para ajudar os usuários com problemas visuais, que veem os elementos da página por esses detalhes) e não se esqueça de fazer com que seu site seja responsivo, seja construindo um modelo assim ou procurando por alguma plataforma que já venha com essa solução pronta.

Atente para a identidade da marca

Quem entra no seu site consegue diferenciá-lo dos outros? Se o usuário não consegue fazer essa diferenciação, talvez seja porque você não está trabalhando corretamente a identidade da marca por ali. Para acertar nesse quesito, use cores, textos e tipos de imagens que criem uma associação clara com sua marca. Dessa forma, os visitantes sempre reconhecerão seu negócio, mesmo perto de outros do mesmo segmento.

E não custa nada lembrar que isso vale até mesmo para plataformas prontas! Portanto, não deixe de conferir se aquela que você está pensando em comprar pode ou não ser personalizada.

Dê um up na credibilidade do seu e-commerce

De acordo com um estudo publicado pela Universidade de Stanford, pelo menos 46% dos usuários de web relacionam a credibilidade de um site com a qualidade do seu design. Traduzindo: as pessoas não confiam em um design mal feito.

E nem precisa ser um especialista na área para entender quando um layout está bem-feito ou não. Elementos bem posicionados na tela, com cores harmônicas e formas bem pensadas, geram um aconchego visual até mesmo nos olhares menos treinados. Não é por acaso que produtos de marcas como Apple e Samsung, preocupadíssimas com design, são tidos como altamente desejados, enquanto outros, de marcas paralelas, só servem às vezes, como quebra-galho.

Como você viu por aqui, o design da loja online é um fator decisivo para o sucesso ou não do seu negócio na internet. Portanto, não faça feio na hora de pensar no layout do seu e-commerce! E se curtiu nosso post, aproveite ver muito mais em nossas redes sociais! Estamos no Facebook, no LinkedIn e no Twitter.

Ficou com alguma dúvida? Faça parte do nosso grupo no Facebook com especialistas em e-commerce e outros lojistas e envie sua pergunta.

Está pensando em criar uma loja virtual? Faça o teste e descubra se você está pronto!

Como o design da loja online impacta na conversão?
Avalie esse artigo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *