Como lidar com produtos fora de estoque no e-commerce?

Apesar de todas as alterações no comércio eletrônico serem feitas para melhorar a satisfação do cliente, existem certos desafios que prejudicam seus […]

Apesar de todas as alterações no comércio eletrônico serem feitas para melhorar a satisfação do cliente, existem certos desafios que prejudicam seus negócios. Um dos principais problemas está relacionado a produtos fora de estoque.

Além de frustrar os usuários, seu site (com redirecionamentos e páginas fora do ar) também pode ser punido pelos mecanismos de pesquisa. A boa notícia é que podemos utilizar algumas estratégias para reduzir os danos. Descubra, a seguir, como lidar com as páginas de produtos esgotados!

Consequências da falta de estoque para lojas virtuais

Imagine passar horas procurando por um produto. Após vários sites e ofertas, você finalmente descobre uma loja com o modelo perfeito. Ela é confiável, tem o preço competitivo, as fotos e a descrição impecáveis, mas, de repente, uma mensagem surge no meio da tela: produto indisponível!

É possível sentir a decepção do consumidor nesse momento. Isso não é diferente de exibir um produto na vitrine da sua loja física com uma etiqueta: “apenas decorativo”. O problema é que, mesmo ao informar imediatamente que não há estoque, podemos errar na abordagem.

Muitos sites de comércio eletrônico apenas mostram a página do produto praticamente inalterada. Depois, há algumas letras miúdas dizendo que está esgotado ou indisponível. Às vezes, é ainda mais difícil identificar.

Após a péssima surpresa, a primeira ação do usuário é voltar ao Google e procurar outras ofertas. Porém, você não apenas está perdendo um cliente e aumentado sua taxa de abandono, mas associando esse sentimento ruim à sua marca. No futuro, quando o cliente precisar de outro produto similar, qual é a chance de ele voltar ao seu site?

Porém, mesmo com todos os esforços para evitar o problema, sabemos que isso é algo comum — principalmente se você trabalha com produtos de vários tamanhos e estilos. O culpado pode ser uma promoção sazonal ou um problema com fornecedor.

Formas de resolver o problema de estoque esgotado

Para contornar a situação, podemos seguir algumas boas práticas. Listamos as principais a seguir!

Seja rápido

O primeiro passo é informar a falta de estoque de imediato. Não deixe o cliente avaliar o produto (ou ir para o checkout) para, depois, descobrir o problema. Para isso, destaque a informação com letras visíveis. Se apenas um tamanho estiver indisponível, deixe isso claro na página do produto também.

Tirar a página do ar ou fazer redirecionamentos nunca são boas ideias. O cliente sabe qual item estava pesquisando e vai notar que algo está errado. A melhor alternativa é ser honesto com o usuário, explicando com clareza o motivo da falta de estoque (muitas vendas ou produto fora de linha) e indicando outros produtos similares.

Peça o e-mail do visitante

Se o produto estiver temporariamente fora de estoque, uma boa prática é solicitar o e-mail do visitante para informá-lo sobre a reposição. Com isso, você não apenas aumenta suas chances de realizar a venda, como também fortalece sua lista de leads qualificados.

Dê menor prioridade aos itens sem estoque

Você pode ajustar os resultados da pesquisa e gerenciar como as páginas da categoria são exibidas. Quando o usuário faz uma busca em seu site, os itens fora de estoque não podem aparecer no topo.

Para melhorar a experiência de navegação, exiba uma mensagem de falta de estoque nas páginas de pesquisa. Assim, o cliente não perde tempo clicando em um produto indisponível.

Não esconda informações

Se seu produto não estiver disponível, seja muito preciso e claro. Não atrapalhe seu cliente com mensagens e avisos confusos. Um truque que você pode implantar é desativar o botão de adicionar ao carrinho (informando o motivo, claro).

Se seu estoque está chegando ao fim, uma boa ideia é colocar um alerta na página: últimas unidades! Além de ser uma mensagem honesta, você também incentiva a compra imediata.

Sugira produtos alternativos

Assim como já mencionamos, você precisa manter a página no ar para fins de SEO. Nesse caso, além de coletar o e-mail, indique produtos relacionados (normalmente os mais vendidos da categoria).

Adicionar um botão para página inicial também não é uma boa prática de UX, pois o cliente precisa, novamente, pesquisar pelo produto. Se não há itens similares, envie o usuário para a página da categoria ou deixe o telefone/e-mail para contato.

É importante lembrar-se de que essas sugestões não são usadas apenas quando o item está indisponível. Exibir outras opções é um recurso para evitar abandonos.

Aumente o tempo de envio

Há outra técnica que algumas lojas utilizam para produtos que estão temporariamente fora de estoque: aumentam o tempo de envio.

Mas atenção! Utilize esse recurso somente se você tem certeza do prazo de reposição. Vender algo e não entregar no prazo pode piorar (e muito) a situação. Diga o motivo do atraso antes da compra e mostre com clareza quantos dias a mais serão necessários.

Faça pré-encomendas

Para lançamentos ou estoque temporariamente indisponível, você pode configurar pedidos prévios. Essa é uma ótima maneira de capturar seu cliente e não deixá-lo decepcionado. Apenas verifique se sua comunicação é clara e eficaz.

Ter produtos fora de estoque não quer dizer que sua loja tenha falhas operacionais. O problema, na verdade, está em como você trata a situação: sendo honesto e indicando alguma alternativa ou, no pior dos casos, enganando o cliente para conseguir uma venda a qualquer custo (ação que jamais deve ser tomada).

Lembramos você de que todas as lojas vão passar por problemas de estoque. Agora, você tem a oportunidade de criar uma experiência positiva a partir de uma posição de desvantagem. Sua missão é não quebrar o fluxo de compra.

Todo esse cuidado é necessário para aproveitar cada novo visitante — que, com certeza, teve algum custo, seja com SEO ou anúncios. Vale lembrar-se de que o Google monitora as interações em seu site e, portanto, incentivar a navegação, o cadastro e a compra é uma forma de melhorar a relevância do seu domínio.

Mesmo com todas essas medidas para melhorar a experiência do usuário, não podemos esquecer-nos de evitar ao máximo um obstáculo no processo de compra. Descubra agora as melhores dicas para um controle de estoque eficaz!

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário