Como fazer liquidações e saldões no e-commerce no começo do ano

O começo do ano é repleto de expectativas, desejos, projeções e promessas.  Além disso, o novo ano sempre traz consigo novos boletos: […]

O começo do ano é repleto de expectativas, desejos, projeções e promessas. 

Além disso, o novo ano sempre traz consigo novos boletos: rematrícula escolar, IPTU, IPVA, licenciamento, seguro, renovações de contrato e muito mais. 

Desta forma, esse é um dos principais empecilhos de se vender no início do ano. Os clientes costumam estar com o pé no freio.

Contrapartida, o consumidor do estilo calculista, aguarda a finalização das ações de Natal para comprar com os melhores preços no saldão em janeiro, assim que o novo ano começar. 

Os famosos “saldões” são essenciais para impulsionar as compras de todos os tipos de clientes: aquele que está querendo economizar e o que já se planejou para comprar quando os preços estivessem mais baixos.

Neste conteúdo, explicaremos como fazer liquidações de produtos eficientes. Entretanto, sem que sua loja saia no prejuízo, mantendo a saúde da sua empresa. 

O objetivo é ser vantajoso para o cliente, mas, especialmente, para a sua loja virtual

Assim, vamos aos passos e estratégias que você precisa utilizar ao fazer liquidações em seu e-commerce. 

Como fazer liquidações e saldões de início de ano? 

Ao contrário do que se imagina, uma loja não precisa abrir mão de seus lucros e colocar toda a loja com grandes promoções para conseguir fazer uma liquidação

Entretanto, de fato, na maioria dos casos será necessário renunciar parte da margem de lucro e até, vender a preço de custo — mas com um grande propósito no final, o que veremos no próximo tópico. 

Verifique seu estoque 

Seu estoque é parte fundamental da estratégia de liquidação. 

Afinal, você não vai colocar o seu produto de maior saída pela metade do preço. Simplesmente pelo fato de que ele não precisa disso! Ele se vende sozinho. 

O momento de verificar o estoque, é olhar para produtos que estão deixando seu dinheiro parado. Quanto mais o seu dinheiro fica parado, mais ele se desvaloriza com o passar do tempo. 

Logo, coloque em uma planilha todos os produtos — ou até categorias, que estão encalhados. Seja porque saiu “de moda”, porque você apostou e comprou mais do que devia, comportamento de consumido, qualidade do produto etc. 

Independente do motivo, separe esses produtos para entrarem em liquidação. Neste caso, como esses produtos já estão parados e o dinheiro já foi “perdido”, vale a pena colocar lá embaixo sua margem de lucro, ou quem sabe, até abrir mão dela. 

Desta forma, você fará com que esse dinheiro retorne ao caixa e dê maior movimentação ao seu giro de estoque. Recupere seu dinheiro perdido! 

Em outro caso, se houverem mais produtos que vendem bem, mas não na velocidade que você precisa, também vale a pena considerar colocá-los em promoção. Ou produtos que você consegue, tranquilamente, deixar de lado parte do lucro. 

Até porque, uma loja não pode de autointitular em liquidação, se as promoções forem apenas para meia dúzia de produtos. 

Faça seu planejamento do período 

É extremamente importante que suas promoções tenham data para iniciar e também para terminar

Bem como, sua equipe saberá exatamente o período para criar o plano de mídia para a divulgação das promoções. Melhores canais, melhores horários, divisão de orçamento, linguagem de comunicação etc. 

Além disso, o próprio cliente fica ciente de até quando ele poderá realizar sua compra com o preço promocional. 

Todavia, sinalize que as promoções só serão válidas enquanto o estoque estiver disponível. 

Utilize estratégias de impulsionamento de compra para saldões de início de ano

Agora vamos para a parte onde o cliente também participa! 

Não adianta ter promoções excelentes e uma comunicação incrível no saldão em janeiro, se no momento que o cliente entra no site, ele não identifica o que está em promoção ou não. 

Assim, existem alguns gatilhos para que ele identifique as promoções e também para gerar senso de urgência nesse cliente. Confira alguns para utilizar em sua estratégia:

  • De/Por: Um produto sai de R$199,90 para R$99,90. Apenas alterar o preço não irá chamar tanta atenção do consumidor. Enquanto, manter o preço original junto ao preço que está sendo ofertado, através do De/Por, é um gatilho muito forte para o cliente realmente ver o quanto aquela promoção é vantajosa;
  •  Porcentagem de desconto: A porcentagem de desconto pode aparecer através de uma tag sobre a foto do produto. Pode ser uma grande aliada ao De/Por. Além disso, a porcentagem de desconto pode dar a impressão de um desconto mais atrativo. Por exemplo, um produto de R$50 saindo por R$40 pode não ser tão chamativo. Mas, com uma tag de 20% OFF, tudo muda de figura;
  • Cronômetro: Uma estratégia bastante usada na Black Friday e que também pode ser inserida ao fazer liquidações e saldões em sua loja virtual. O cronômetro deve ficar fixo no topo do site e acompanhar o cliente durante a navegação pela loja virtual. Ele mostrará sem parar o quanto aquela oferta pode durar. Vale a pena ressaltar: use cronômetros com minutagens reais. Nada de sempre colocar que faltam poucos minutos e ao invés de zerar, voltar para a contagem inicial;
  • Kit de produtos: Os kits de produtos são uma excelente oportunidade de vender mais produtos e aumentar o ticket médio, mesmo dando desconto. Criando esses kits, você poderá exibir na descrição o preço de cada produto isoladamente e o quanto estão saindo todos juntos. Além de aumentar o ticket médio, você pode incluir nesses kits aqueles produtos encalhados há meses. Importante lembrar que: todos os produtos do kit precisam possuir relação entre si;
  • Compre junto: Compre junto é uma técnica parecida com o kit de produtos, mas ao invés de dar o kit pronto, ele oferece um produto para comprar junto e ganhar desconto. É como se fossem aqueles chocolates que ficam em gôndolas no caixa do supermercado. Entretanto, como estamos falando de uma liquidação, é importante que haja um benefício na compra dos dois (ou mais) produtos juntos.
  • Frete grátis: O frete grátis possui alto poder comercial. Oferecer produtos com frete grátis é um grande diferencial. Em outro caso, você pode fixar um valor de compra para que o cliente conquiste o frete na faixa, o famoso: Frete Grátis para compras acima de R$XX,XX.
  • Cupom de desconto: Se você quiser ser um pouco mais ousado em suas ações, pode utilizar o cupom de desconto. Ou para toda loja, ou para uma categoria específica. Além disso, é possível delimitar um valor mínimo de compra para a aplicação do cupom. 

Reserve investimento e escolha canais de venda

Durante saldões de início de ano, é importante aumentar a verba de investimento

Por esse motivo, é essencial que seu planejamento financeiro inclua o investimento deste período. 

Antemão, ter os canais de vendas definidos deve fazer parte desse planejamento. Através do investimento disponível, público-alvo e meta, é possível traçar boas estratégias de vendas. 

Para algumas lojas, pode ser mais vantajoso vender pelo Instagram e Facebook, já para outras, o Google Ads pode ser o melhor canal. Neste caso, planejamento é fundamental!

Defina o quanto deseja vender

No tópico anterior citamos as metas, elas são essenciais para a estratégia de como fazer liquidações e saldões no e-commerce

Afinal, como se traçar um caminho de sucesso, se não se sabe onde quer chegar? 

Por esse motivo, é essencial ter metas de vendas nesta campanha. Sobretudo, que todos os envolvidos no processo de venda, logística e pós-venda, estejam cientes dessa meta pré-definida. 

Invista em uma boa identidade visual

Além das promoções, é necessário comunicar o cliente que a loja estar em promoção. 

Investir em uma boa identidade visual, layout e banners, deve fazer parte de sua estratégia: cores vibrantes e chamativas, comunicação de acordo com o cliente e chamadas especiais/divertidas para atrair e reter atenção do público — no último tópico deste conteúdo, você encontrará algumas ideias para a sua campanha de marketing. 

Lembrando que, a comunicação do e-commerce e dos demais canais de vendas deve ser a mesma, para manter coerência e conexão entre as mídias. 

Atendimento

É bem provável que sua demanda de atendimento cresça durante uma liquidação

Então, é essencial manter atenção em seus canais de comunicação: WhatsApp Business, Facebook, direct do Instagram e até e-mail. 

Atender com rapidez e eficiência, indo direto ao ponto e incentivando as vendas sem pressionar o cliente. 

Além disso, ter um chat em sua loja virtual, ajudará a agilizar o atendimento ao esclarecer qualquer dúvida que o cliente que está navegando possa ter. 

Faça promoções reais

Sem dúvida, esse é um dos tópicos mais importantes deste conteúdo.

É essencial que as promoções de sua liquidação sejam verdadeiras! 

Com a famosa “Black Fraude”, muitas ferramentas foram desenvolvidas para “pegar no pulo” promoções que não são promoções. 

Quando, antes da “promoção”, a loja sobe o preço para depois abaixá-lo, esses sites conseguem captar. Além de perder credibilidade com o cliente, caso faça isso, você também poderá ser penalizado pelo Google. Perdendo, assim, posições orgânicas no buscador. 

Então, use de sua honestidade ao planejar sua liquidação e seja transparente com seu cliente final. 

Ideias para frases de promoções

Aqui vão algumas inspirações para você usar em sua campanha. 

Vale lembrar que usamos frases mais genéricas, que se encaixam em todos os nichos. Quando for montar a sua, tente adaptar as chamadas para seu segmento de e-commerce. 

“Queima de estoque – Promoções com até X% de desconto”

“Promoção relâmpago – Produtos com até metade do preço original” 

“Deu a louca no Gerente! – O chefe mandou e as promoções estão imperdíveis” 

“Ano novo, estoque zero – Compre produtos com até X% de desconto”

“Zera estoque – Cupom de desconto para aplicar em qualquer compra” 

“Ressaca de ano novo – Descontos de até X% por tempo limitado” (cuidado, atente-se se a linguagem faz sentido com seu público-alvo) 

“72 horas bombásticas – Tempo limitado para você comprar com até metade do preço original” 

“Saldão zera estoque – Produtos com preço de Black Friday”

“On Sale – Os melhores produtos com os melhores descontos! (também ficar atento ao público-alvo) 

“Não passe vontade, passe o cartão em até X vezes sem juros!”

“Ano novo, roupas novas – Deixe 2020 para trás e aproveite nossa queima de estoque” (Exemplo com segmentação)”

E aí, aprendeu como fazer liquidações e saldões no e-commerce? Para se aprofundar ainda mais no assunto, baixe o e-book sobre como fazer promoções eficientes no e-commerce e aumente seu faturamento consideravelmente!

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário