Saiba Tudo Sobre Loja Virtual Mobile
Loja Virtual Própria ou Marketplace: 7 Dicas para Acertar na Escolha

Como Divulgar Uma Loja Virtual

Publicado em: • Última Atualização:

Os recursos disponibilizados pela internet colocam praticamente todos os empreendedores em pé de igualdade quando o assunto é alcançar um número maior de internautas. Nesse cenário, o que diferencia uns dos outros é o conhecimento. Afinal, como divulgar uma loja virtual da maneira correta para atrair mais visitantes e convertê-los em clientes satisfeitos?

Antes de mais nada, é preciso entender que quem faz uma divulgação efetiva tem retorno mais rápido, investe menos em marketing e consegue compreender melhor o comportamento dos consumidores on-line, avançando a passos largos na arte da conquista do seu espaço no mercado. O problema é que acertar desde o início nem sempre é possível, já que marketing digital é um processo de tentativa e erro. Mas quem está começando agora pode se basear na experiência dos outros para ao menos aprender o que não fazer!

Para facilitar sua vida, resolvemos listar aqui 8 dos maiores erros que você definitivamente não pode cometer na divulgação da sua loja virtual. Fique atento às nossas dicas e tenha essa listinha sempre em mãos, desde o princípio, para encurtar seu caminho rumo ao sucesso! Então vamos lá?

Começar sem estabelecer um objetivo

Não tem como fugir: toda campanha de marketing deve ter um objetivo definido. Caso contrário, gasta-se dinheiro (e esforços) sem saber exatamente o que esperar como resposta. É claro que, ao final, o objetivo é sempre vender, mas você pode querer resgatar clientes antigos que pararam de comprar, qualificar seus leads para que façam compras mais significativas, atrair novos leads para seu funil de vendas ou fidelizar os consumidores habituais.

Como você pode perceber, são várias as situações possíveis — e isso porque só citamos algumas! Assim, é simplesmente essencial que tenha em mente, de forma clara, para qual rumo quer direcionar cada ação de marketing. Nesse sentido, analise a necessidade imediata da sua loja virtual e foque em poucos objetivos de cada vez para poder acompanhar com maior precisão os resultados esperados, tomando as medidas necessárias para impulsionar qualquer que seja a estratégia em curso.

Esperar que o inbound faça milagre

O inbound marketing está em alta justamente porque traz resultados bastante relevantes para o e-commerce. Para isso, porém, você deve estar preparado para esperar um pouco, já que seus efeitos vêm no médio e longo prazos. Assim, investir nessa metodologia esperando que ela traga clientes imediatamente é um enorme equívoco, pois os leads que entram por seu funil de vendas precisam de um tempo para amadurecer a ideia de compra até efetivamente tomarem uma decisão.

Aposte, sim, no inbound, mas para tornar seu fluxo de clientes sustentável, reduzindo o risco de ficar longos períodos sem novos consumidores, bem como para qualificar leads, educando-os de modo que, no momento certo, resolvam comprar. Só se lembre de que o momento certo é do consumidor e não o seu! Então nada de tentar apressar a jornada de compra, porque com essa forçação de barra seus leads podem acabar escapando para a concorrência!

Investir somente em links patrocinados

Os links patrocinados são ideais para atrair clientes prontos para a compra. Se você vende automóveis, por exemplo, eles farão a conexão entre sua concessionária e o cliente que está em busca de um carro neste exato momento. Mas por mais que essa pareça ser a solução para todos os seus problemas, a verdade é que os links patrocinados não constroem relacionamentos como o inbound marketing.

Na prática, manter um bom relacionamento com sua audiência é indispensável para que você tenha sempre leads interessados e clientes leais à marca. Isso porque se você não se mantém presente na vida das pessoas, elas podem rapidamente se esquecer de todos os seus esforços anteriores, passando a se abrir para que outras empresas façam uma abordagem inteligente, assumindo o seu lugar na ordem de preferência.

Esquecer das landing pages

As landing pages são elementos fundamentais tanto para o inbound marketing de forma geral quanto para os links patrocinados sobre os quais acabamos de falar. Isso porque complementam suas ações ao criarem o ambiente ideal para levar os visitantes à conversão.

Então anote aí: o download de um material rico, a concessão de um cupom de desconto ou até mesmo uma promoção largamente divulgada por sua loja virtual por meio de anúncios merece uma landing page adequada, com as informações essenciais para que o potencial cliente efetivamente tome a decisão pela compra.

Fazer divulgações extremamente pontuais

É totalmente inviável divulgar uma loja virtual esporadicamente e ainda assim esperar grandes resultados. Lembre-se, afinal, de que a internet é um verdadeiro universo de oportunidades. Assim, mais e mais players entram nesse ambiente a cada dia com o propósito de conquistar seus clientes. Você vai correr o risco de abrir todo esse espaço?

Para se garantir, elabore um planejamento de marketing de longo prazo, que potencialize a imagem e a reputação do seu e-commerce durante todo o ano. Crie oportunidades para que as pessoas interajam com a sua marca e consigam conhecê-la mais a fundo, a ponto de fazerem a primeira compra, dando a chance de se surpreender com a qualidade de seus produtos e serviços.

Dispensar o universo mobile

Acredite: o número de pessoas que compra por meio de dispositivos mobile cresce exponencialmente a cada dia. Em 2015, por exemplo, 12% do volume de compras on-line já foi feito a partir de smartphones e tablets. E a tendência é que esse número continue a crescer! Por essas e outras, se você quer ver as vendas do seu e-commerce realmente nas alturas, definitivamente não pode dispensar anúncios e estratégias mobile.

Quer saber ao menos por onde começar? Invista em anúncios direcionados a esse público tanto nos mecanismos de busca quanto em sites de nicho e até mesmo em aplicativos! Um e-commerce de games, por exemplo, não pode deixar de fazer anúncios em jogos populares na internet, não concorda?

Elaborar CTAs pouco interessantes

Os calls to action também são elementos de divulgação que contribuem para fazer com que seus visitantes, leads e clientes deem continuidade ao processo de compra. Se você simplesmente se esquece de colocá-los ou até os insere, mas sem o tom de motivação adequado, pode acabar perdendo muitas vendas.

A lógica é simples: quando um consumidor realmente gosta de um produto, acredita que o preço é justo e confia na sua loja virtual, basta um pequeno empurrãozinho para que se resolva a finalize a compra. E esse empurrãozinho pra lá de essencial está no CTA! Vale, portanto, gastar um tempinho a mais na elaboração desse detalhe, viu?

Deixar suas redes sociais paradas

É fato: as redes sociais são excelentes ferramentas de divulgação para qualquer loja virtual. Mas para usufruir desse poder todo você não pode deixar os posts no automático, sem impulsionar as publicações para que outras pessoas também as vejam.

Nesse contexto, quem está começando e possui poucos seguidores, continuará com poucos seguidores se não realizar nenhuma ação de promoção, a fim de gerar visibilidade. E quem já está há algum tempo do mercado, tendo conseguido arrecadar um número maior de admiradores corre o risco de perdê-los, já que as pessoas deixam de se relacionar com marcas que não interagem, que não geram valor nem acrescentam nada de novo ao longo do tempo.

Agora chega de falar sobre o que você não pode fazer! As dicas estão aí, basta aplicá-las no seu dia a dia. Como o que queremos é que você acerte em cheio nas suas estratégias, confira também 8 dicas de como divulgar uma loja virtual e obter sucesso!

Ficou com alguma dúvida? Faça parte do nosso grupo no Facebook com especialistas em e-commerce e outros lojistas e envie sua pergunta.

Está pensando em criar uma loja virtual? Faça o teste e descubra se você está pronto!

Como Divulgar Uma Loja Virtual
Avalie esse artigo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *