Entenda como dominar o Mercado Envios
Layout responsivo e mobile: entenda a diferença entre eles

Como divulgar uma loja no Instagram? O guia para as primeiras vendas

Publicado em: • Última Atualização:

No final de 2017, dados divulgados por Vishal Shah, diretor de negócios global do Instagram, informaram que já existem 800 milhões de usuários ativos por mês dessa rede, sendo 50 milhões de brasileiros. Além disso, o diretor informou que ao menos 80% dos usuários seguem perfis comerciais.

Você, que já é usuário do Instagram, tem afinidade com tecnologia e está pensando em dar um passo além, tornando-se um empreendedor nessa rede, não pode deixar de acompanhar este post. Trazemos um guia completo de como divulgar uma loja no Instagram. Confira!

Aprenda mais com o quadro Escola Responde:

 
 

Criando conta para uma loja no Instagram

De uma rede social antes conhecida principalmente por suas fotos bonitas de pratos ou de bichinhos fofos, o Instagram passou a ser declaradamente uma grande plataforma de vendas.

De modo a acompanhar o caminho natural que as coisas foram tomando ― já que essas vendas, muitas vezes, eram feitas por meio de perfis pessoais ―, o Instagram decidiu inovar mais uma vez e criou, em 2017, a modalidade de conta comercial.

Neste tópico, mostraremos como criar um perfil no Instagram comercial “do zero” e também como migrar a sua conta de pessoal para comercial.

Baixe o aplicativo

Embora o Instagram também conte com uma versão browser (para ser usada nos navegadores), ela não tem todas as funcionalidades contidas no aplicativo. Sendo assim, aconselhamos que baixe o aplicativo, até porque isso ajudará você também com relação à mobilidade.

Há versões do app para Android, iOS e Windows Phone.

Será preciso informar dados como nome de usuário, e-mail e escolher uma senha. Além disso, deixe na bio da conta ― informações que aparecem na página inicial ― todos os seus contatos, como telefone, WhatsApp, e-mail, site, entre outros.

O nome a ser escolhido, naturalmente, deverá ser o da sua loja. Adicione a foto ao perfil usando o logotipo da sua loja. Se ainda não o tem, é preciso providenciá-lo o mais rapidamente possível. O ideal é contar com ajuda profissional, mas há aplicativos, como o Canva, que possibilitam a criação de artes.

Para fazer a migração, clique no botão de configuração no lado direito superior da tela. Clique na opção “Alternar para o perfil comercial”. Aparecerá uma uma tela de “Ferramentas de Negócio do Instagram”.

Como o Facebook é a “mãe” do Instagram, existe uma exigência de vincular a sua conta a um perfil do Facebook. Esse será o momento para fazer isso.

Em seguida, surgirá uma tela com os dizeres “Você já autorizou o Instagram”. Clique em OK. Agora será preciso que acesse a sua conta do Facebook. Após, você precisará preencher informações como e-mail, telefone e endereço (uma delas no mínimo). Isso feito, está pronta a migração!

Como você pode ver, o processo de criação e migração, em si, é bastante simples, mas agora vamos começar a trabalhar com ações um pouco mais complexas.

Fazendo as primeiras postagens

A forma de postar via app e via browser é diferente. Vamos nos concentrar aqui no app, que é a forma mais comum de uso.

Insira fotos e vídeos dos produtos

Para isso:

  • na opção “Biblioteca”, selecione uma foto ou várias (para posts de tipo carrossel) ou um vídeo de até 60 segundos contido na sua Galeria;
  • na opção “Envio”, você poderá enviar uma foto ou um vídeo feito pelo próprio app;
  • verifique se deseja redimensionar a imagem de modo que ela fique no formato quadrado ou se prefere publicá-la como no original. Para isso, basta tocar no botão localizado no canto inferior esquerdo da imagem a ser publicada.

Edite e coloque filtros nos conteúdos

Antes da publicação, decida se você vai querer fazer uso desses recursos. Importante: como você vai divulgar uma loja no Instagram, é essencial reproduzir o mais fielmente possível os produtos comercializados. Afinal, ninguém quer receber em casa algo muito diferente do que viu nas imagens.

Então, por mais bonito que um filtro possa parecer a você, avalie com cuidado se ele não descaracterizará o produto. Dito isso, vamos ao passo a passo para edição:

  • na barra inferior do app, selecione os filtros. Há desde aqueles que alteram a coloração como outros que modificam a saturação, o contraste, entre outros aspectos;
  • ao final das opções de filtros, existe a opção “Gerenciar”, que permite a você selecionar os seus filtros favoritos para postagens futuras;
  • além da escolha do filtro, você pode “Editar” uma imagem ou “Cortar” e selecionar uma “Capa” para um vídeo. “Editar” faz ajustes em pontos como alinhamento, brilho, saturação, contraste e nitidez. “Cortar” faz cortes nos vídeos, selecionando trechos específicos. Por fim, “Capa” faz a inserção de um quadro do vídeo que servirá como capa para ele.

Poste o conteúdo e compartilhe

Além da produção e da edição dos conteúdos, é preciso ficar de olho nas legendas e hashtags utilizadas.

No caso das legendas, entregue as informações necessárias. Se for vender no Instagram peças de roupas e acessórios, por exemplo, fale sobre os tamanhos disponíveis, os valores, entre outros dados importantes para o cliente.

A legenda é um complemento da imagem ou do vídeo. A depender da “pegada” da sua loja, você poderá incluir legendas mais divertidas, até mesmo fazendo algumas brincadeirinhas com o seu público.

Para as hashtags, seja específico e não deixe de mencionar o nome da sua marca em alguma hashtag. Ao ser muito genérico, você reduzirá o seu alcance. O Instagram, inclusive, tem incentivado o uso consciente das hashtags.

Utilizando o Instagram Stories

Uma funcionalidade que tem mostrado grande apelo comercial é o Stories. A exemplo dessa função no Facebook e no WhatsApp, ela consiste na publicação de conteúdos que permanecerão durante 24 horas no ar.

Se antes esse tipo de publicação ficava restrito a imagens e vídeos gravados, hoje ele traz funcionalidades muito legais, até mesmo como forma de divulgar uma loja no Instagram, com a possibilidade de inserir figurinhas, links, hashtags, localização, vídeos ao vivo e enquetes.

Algumas pessoas podem se perguntar: por que postar conteúdo efêmero? Vale a pena para divulgar a minha loja no Instagram? A nossa resposta é categórica: sim! Entre algumas das maiores vantagens, podemos citar a proximidade que ele cria com o público e a possibilidade de testar diferentes abordagens.

Uma ideia para publicações nos Stories é mostrar o que está por trás da vitrine virtual da sua loja. Que tal mostrar ao seu público, de maneira mais informal, peças que chegaram para a nova coleção? Isso gera expectativa nos consumidores.

Também é interessante falar sobre eventos dos quais participa e viagens que faz para enriquecer os estoques da sua loja.

Embora as publicações em si devam parecer naturais, existem ações que precisam ser bastante pensadas. Vamos falar sobre pontos mais técnicos das publicações de histórias?

Aspectos técnicos

Programação das publicações

É ideal se programar para que não insira no seu Stories uma “avalanche” de conteúdos em um dia e depois poste após semanas apenas. Pense antecipadamente nas rotinas da sua loja para já imaginar conteúdos que possam aparecer por lá.

Enquetes

Esse recurso pode ajudar em uma série de assuntos, como perguntar para as pessoas quais tipos de publicação elas curtem mais, apresentar dois modelos e saber de qual elas gostam mais e querem ver na loja.

Links

A inserção de links nos Stories é mais uma chance de fazer um CTA (chamada para ação) eficiente. Se você insere o link que leva até a sua loja virtual, por exemplo, as chances de que uma pessoa que tenha gostado da história clique nele são grandes.

Outra possibilidade, entre tantas outras: se você tem um blog em seu site, poderá convidar o público para acessar uma publicação que acaba de sair.

Como postar

Falamos acima sobre os aspectos mais gerais e abaixo vamos mostrar como realizar postagens no Instagram Stories para divulgar a sua loja.

  • passo 1: após abrir o aplicativo, deslize o seu dedo para a direita. Dessa forma, a câmera do smartphone será aberta para que inicie um vídeo ou tire uma foto;
  • passo 2: a próxima tela permitirá que você adicione desenhos e textos;
  • passo 3: após inseridos esses itens adicionais, já poderá realizar a publicação clicando no botão branco, o mesmo usado para capturar a imagem ou o vídeo que você fez.

Agora quer ver como ficou a sua história? O procedimento é bem simples. No topo do feed do Instagram, são exibidos os perfis que publicaram histórias. O primeiro à esquerda será o seu. Abaixo da sua foto do perfil, ficará escrito “Sua história”. Clique na opção para visualizar.

Viu e não gostou da publicação por algum motivo? Quer excluí-la? Para fazer isso, clique na história a ser removida. No canto inferior direito da tela, há três pontinhos. Após clicar neles, escolha a opção “Excluir” e confirme.

Para acessar as configurações do Stories, vá para a página inicial do seu perfil, clique nos três pontinhos no canto superior direito da tela. Em “Privacidade e segurança”, clique em “Controles da história” e faça as configurações que considerar necessárias.

Investindo no Instagram Ads

Você provavelmente já viu anúncios em sua conta pessoal do Instagram. Isso é feito por meio do Instagram Ads, os posts patrocinados.

O uso dessa funcionalidade é muito indicado, pois é mais uma forma de atrair o seu público-alvo, já que o Instagram segmenta esses anúncios de acordo com o que as pessoas curtem, comentam, enfim, engajam-se.

E o melhor é que essa opção está ao alcance de qualquer perfil comercial, independentemente do porte da empresa.

Uma vez que os anúncios têm a mesma “cara” de uma publicação normal, a abordagem acaba não sendo agressiva.

O Instagram é dos mesmos donos do Facebook. Com isso, os padrões de segmentação da última rede podem ser usados na primeira. Alguns deles são:

  • gênero;
  • idade;
  • localização;
  • interesses gerais e de consumo;
  • públicos personalizados (pessoas que acessaram o seu site ou estão na sua lista de contatos, por exemplo).

Essas escolhas direcionarão ainda mais os seus anúncios a quem realmente interessa.

Como criar anúncios

Antes de mais nada, é essencial ficar atento às especificações dos anúncios.

Com relação aos textos de descrição, eles poderão ter no máximo 300 caracteres. Por isso, a dica aqui é: seja conciso e certeiro na entrega da informação.

Já sobre as imagens, o formato delas pode ser quadricular ou retangular. O tamanho da imagem pode ser de no máximo 10MB. O uso de carrossel no Instagram Ads se limita a 4 imagens, que devem ser quadradas.

Vídeos podem ter entre 5 e 60 segundos, deverão estar no formato MP4 e com tamanho máximo de 30MB.

Uma opção para publicar anúncios é a ferramenta do Facebook Power Editor. Após acessá-la, clique em “+ Criar campanha”. Em seguida, escolha um título para a sua campanha e selecione o seu objetivo ao fazer aquele anúncio. Para concluir, clique em “Criar”.

É importante dizermos que há tipos variados de anúncios no feed:

  • foto (é possível criar até 6 anúncios com uma imagem em cada um);
  • vídeo ou GIF;
  • slideshow (anúncios com música que passam imagens e/ou vídeos em loop);
  • carrossel (é possível inserir até 10 imagens agrupadas).

Além do anúncio no feed, agora é possível criá-lo para o Stories. Nessa modalidade, os tipos são mais restritos:

  • imagem única;
  • vídeo único.

Agora você deve estar se perguntando: mas quanto eu vou gastar com isso? O CPM médio fica na casa de US$5,00.

Falamos mais brevemente por aqui, mas temos um post completo sobre criação de anúncio no Instagram.

Praticando benchmarking no Instagram

Você já ouviu falar no termo benchmarking? Caso não, poderíamos defini-lo, em linhas gerais, como análise da concorrência e do mercado com relação ao seu negócio.

Principalmente se você está entrando nesse universo de vendas e pensando em formas de divulgar uma loja no Instagram por agora, a observação do que concorrentes bem-sucedidos têm feito e como você tem se saído com relação a eles é uma excelente forma de trilhar o caminho rumo ao sucesso do seu negócio.

A partir do momento em que você decide empreender, é preciso que contextualize muitas de suas ações com base no que o mercado pede, por meio de pesquisas quantitativas e qualitativas. Elas mostrarão se você está no passo certo e se há pontos em que pode melhorar.

O benchmarking se desmembra em 4 métodos:

  • aspiracional: de caráter mais motivacional, esse método baseia-se na observação dos líderes do mercado em que atua, como são os seus posicionamentos e as suas melhores práticas;
  • trended: esse método está relacionado à comparação com a sua própria empresa em tempos passados com relação ao agora, de modo que (re)avalie as suas metas;
  • earned: ligado mais especificamente às campanhas, ou seja, cases de sucesso de outras empresas e resultados de campanhas que você já tenha realizado;
  • inspiracional: de caráter mais prático, esse método ajuda no estabelecimento de objetivos concretos com base nas ações de concorrentes diretos, bem como de influenciadores e parceiros da área.

É importante fazer um recorte do que será comparado para que o seu benchmarking não fique abrangente demais e acabe por não dizer muita coisa.

Quer saber como aumentar o nível de engajamento ou de conversões, por exemplo? Faça uso dos Key Performance Indicators ― os indicadores-chave de performance, mais conhecidos como KPIs ― para obter as métricas desejadas.

Além desses aspectos mais técnicos e objetivos, é legal observar aqueles mais sutis e subjetivos, como a forma de se comunicar de grandes líderes da área.

Algumas ferramentas que podem auxiliá-lo nessa missão são: Quintly, Likealyzer, Socialbakers e Simply Measured.

Postando boas imagens

Sendo o Instagram uma rede conhecida pela qualidade das imagens publicadas, chega a ser redundante dizermos que é imprescindível apresentar boas fotos ao seu público. Mas como, na prática, isso é feito? É o que mostraremos em seguida, com um passo a passo de itens a serem observados.

Iluminação

Natural ou artificial, não importa: a iluminação deve ser carro-chefe na produção das suas imagens.

Caso for você a produzir as fotos e sem contar com um estúdio com equipamentos de iluminação, por exemplo, o ideal é ir pelo caminho mais certeiro: optar pela luz natural.

Porém, se isso não for possível, evite usar o flash ao fazer fotos em ambientes mais escuros, pois eles podem deixar as fotos estouradas, ou seja, com pontos brancos, e modificar as cores dos objetos. Busque por tipos de iluminação auxiliares, como lanternas ou luminárias.

Pano de fundo

Você tem peças lindas para vender e que certamente chamarão atenção dos seus clientes, então lembre-se: elas devem ser as protagonistas. Um pano de fundo ruim pode arruinar a produção de uma foto.

Sendo assim, atenção para o background. Dê preferência para aqueles de cores mais neutras e que contrastem com a cor dos produtos, de modo que dê a eles o destaque merecido. Colocar uma roupa branca sobre um fundo branco, por exemplo, não é uma boa ideia.

Para facilitar, compre itens que serão uma “mão na roda” para você: TNT e cartolina. Eles são baratinhos, de fácil acesso e têm muitas opções de cores.

Outra dica legal é fazer composições mostrando looks inteiros. Os consumidores tendem a ficar mais empolgados quando têm noção das formas possíveis de usar uma peça. Há, ainda, o elemento decorativo. Você pode colocar uma flor ou qualquer outro objeto que combine com o que será vendido.

Foco e definição

Tirou uma foto, mas a imagem ficou borrada? Saiba que isso pode ter acontecido por algo aparentemente bobo, mas que influencia na qualidade da foto: lente suja. Sendo assim, verifique sempre a lente antes de tirar uma foto e faça a limpeza, se for necessário. Um paninho especial para limpar celulares já é suficiente.

Outra coisa: você precisa praticamente fazer malabarismos com a câmera pra tirar uma foto? Tem coisa errada. O ponto aqui é deixar o aparelho o mais firme possível em suas mãos para que possa tirar fotos com foco e definição bons. Use os botões de volume: eles também são utilizados para acionar o clique e permitem que você segure o smartphone com mais firmeza.

Edição das fotos

Falamos lá no início do post sobre o assunto, mas comentaremos brevemente sobre isso por aqui também. Editar as fotos não implica necessariamente em aplicar filtros, como muitos podem ser levados a pensar. A edição inclui ajuste no alinhamento da imagem e em aspectos como brilho, contraste, sombra, entre outros.

Fazendo uso de ferramentas profissionais

Até citamos alguns aplicativos ao longo do post. Neste tópico, falaremos sobre algumas ferramentas que auxiliam no gerenciamento da conta. Veja:

Flipagram

Essa ferramenta possibilita a criação de apresentações em slides: elas podem unir fotos e vídeos com uma trilha sonora ao fundo, criando praticamente um comercial da sua marca.

Followers Insight

Voltada para os seguidores, o Followers Insight identifica aqueles mais engajados, além de indicar perfis que passaram a seguir ou deixaram de seguir o seu perfil.

Iconosquare

Ferramenta bastante completa, com foco na gestão de perfis. Analisa a performance de um perfil e oferece métricas sobre a presença da sua marca na rede, atividades e nível de engajamento dos seguidores.

Postgrain

Essa não é uma ferramenta oficial da rede, mas é indicada por sua navegabilidade descomplicada. Ela torna possível o agendamento de posts e também conta com recursos de edição de imagens. Além disso, possibilita a resposta a mensagens diretas.

Repost

O recurso torna possível replicar conteúdos seus ou de outras pessoas, dando a elas os devidos créditos, uma vez que o Instagram não tem ainda uma opção de compartilhamento.

No Crop

O No Crop, como o próprio nome já entrega, faz com que você não precise cortar as suas fotos para postá-las. Ele automaticamente regula o tamanho da sua imagem para o padrão exigido pelo Instagram. Ele ainda permite girar a imagem, adicionar textos e adesivos.

Acompanhando as mudanças no Instagram

Chegamos ao final deste post, e nada melhor neste momento do que falarmos sobre mudanças no Instagram e tendências para 2018. Como vimos, essa é uma rede que está constantemente criando e aprimorando funcionalidades de acordo com as demandas que surgem. Vamos a algumas delas?

Atualizações no Stories

O Instagram Stories Highlights permite que você destaque as suas publicações favoritas do Stories. Ao fazer isso, elas são publicadas também em seu perfil.

Falamos antes que os anúncios no Instagram Stories eram mais restritos. Mas outra novidade interessante no Stories é a possibilidade de realizar anúncios sequenciais. Essa opção ainda está em fase de testes e sendo usada por grandes companhias mundiais, como Coca-Cola e Netflix, mas a expectativa é de que em breve seja disponibilizada para todos os perfis comerciais.

Mais atenção ao gerenciamento de Direitos Digitais

A Internet, muitas vezes, pode parecer uma “terra sem lei”, em que imagens e conteúdos são reutilizados sem que se deem os devidos créditos aos seus criadores.

Essa é uma questão séria e que tem atraído muita atenção, principalmente quando o Instagram está sendo usado cada vez mais comercialmente. É por isso que a empresa já pensa em formas de garantir segurança quando conteúdos são replicados, como o atendimento a diretrizes específicas e exigência de permissões para reposts.

Combate aos falsos “likes”

É provável que você já tenha visto alguém anunciando venda de likes e comentários. Essa prática — que usa de má-fé para “enganar” os mecanismos da rede que avaliam itens como engajamento — está sendo combatida com bastante afinco. Uma das novidades é que o Instagram pretende encontrar formas de bloquear comentários ou ações suspeitas.

Criação de um botão mute

Interações nas redes sociais pode ser algo bastante sensível. Como uma forma de amenizar possíveis desconfortos, mas também de colaborar para experiências de qualidade, o Instagram traz a opção Mute. Dessa forma, é possível silenciar publicações de determinados perfis sem que seja preciso deixar de segui-los.

Após todas essas informações sobre como divulgar uma loja no Instagram, esperamos que a sua motivação para investir no comércio nessa rede tenha aumentado. E que tal assinar a nossa newsletter? Ainda publicaremos muitos conteúdos interessantes, e você será notificado em primeira mão!

Ficou com alguma dúvida? Faça parte do nosso grupo no Facebook com especialistas em e-commerce e outros lojistas e envie sua pergunta.

Está pensando em criar uma loja virtual? Faça o teste e descubra se você está pronto!

Como divulgar uma loja no Instagram? O guia para as primeiras vendas
3 (60%) 1 voto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10% de desconto
50% de desconto
10% de desconto
30% de desconto
20% de desconto
30% desconto
50% de desconto
20% de desconto
30% de desconto
50% desconto
30% de desconto
50% de desconto
Gire e ganhe desconto no ingresso
Digite seu endereço de e-mail e gire a roda. Esta é sua chance de ganhar descontos incríveis!

Escolha a cidade para o desconto!

Regras:
  • Uma chance por email
  • Não acumula para outra cidade
  • Enquanto durarem os ingressos free.