Como contratar uma transportadora: o que considerar na hora escolher a transportadora para sua loja online!

Escolher bem com qual transportadora sua loja online vai trabalhar é de extrema importância. Justamente por serem o último elo de contato entre o consumidor e a loja, elas acabam tendo grande impacto na impressão do cliente sobre a empresa. Veja o que considerar na hora de escolher a transportadora para seu e-commerce.

Não é novidade para ninguém que o mundo inteiro vinha em um rápido processo de digitalização, e que a pandemia conseguiu acelerar ainda mais esse processo. 

Dessa forma, o home office e os e-commerces começaram a ganhar muito mais força, e a se instaurar de vez na vida das pessoas.

Mas é óbvio que para as lojas virtuais conseguirem fazer com que seus produtos cheguem até o cliente, alguém tem que fazer esse meio de caminho, e essas são as transportadoras. 

São elas que receberão os produtos e levarão eles até a ponta final do consumidor, entregando dentro de um prazo e garantido que o item chegue em boas condições.

Falando assim, aposto que você já deve ter percebido como elas desempenham um papel importante para o bom funcionamento das lojas virtuais, não é mesmo? 

Justamente por serem o último elo de contato entre o consumidor e a loja, elas acabam tendo grande impacto na impressão do cliente sobre a empresa em que ele consumiu, e por isso, é importante tomar cuidado na hora escolher a transportadora com quem vai trabalhar.

Pensando nisso, nós preparamos esse conteúdo com algumas dicas do que considerar na hora de escolher uma boa transportadora para o seu e-commerce! 

Quer saber mais sobre como contratar uma transportadora?

Então continue com a gente!

Faça o cálculo do frete

É óbvio que o valor do frete não pode nem deve ser a única variável levada em consideração na hora de tomar a sua decisão, entretanto, ela também não pode ser deixada de lado. 

Afinal, lembre-se que existem diversas empresas no mercado, e algumas delas podem contar com taxas extras que podem fazer o valor ficar significativamente mais alto, o que não é bom nem para você, nem para o cliente.

Quando pensamos em taxa de entrega, é sempre muito importante lembrar que a mesma tem um impacto significativamente alto sobre o abandono do carrinho

É muito comum que o usuário acesse seu site, conclua todas as etapas para realizar a compra do item que deseja, mas no final acabe desistindo em função da taxa de entrega ser muito alta. 

Convenhamos que não é isso que queremos!

Justamente por isso, é tão importante estar atento às condições que cada transportadora tem para oferecer, estudo o máximo de alternativas possíveis, e compare os valores entre elas. 

Além disso, lembre-se que o cálculo do frete pode ser feito de forma diferente por cada uma das empresas, e que é muito importante você entender bem como funciona cada um antes de fechar a parceria.

Cheque a credibilidade das transportadoras

Como nós já mencionamos antes, é muito importante se lembrar que as transportadoras têm um impacto significativo com o cliente na ponta final. 

Isso porque, por serem responsáveis pela entrega do produto, se ela é malfeita, muitas vezes o consumidor pode culpar a sua empresa, e não fazer distinção entre o seu serviço e o da transportadora.

Por isso, é muito importante conhecer bem, e estudar bastante, com quem você vai fechar essa parceria, até mesmo antes de se falar em valores. 

Afinal, um serviço mal feito por eles pode impactar toda a boa reputação da sua marca que você trabalhou tanto para construir.

Sendo assim, uma dica interessante, é pesquisar quais as transportadoras que outras marcas do mesmo ramo costumam utilizar. 

Dessa forma, você saberá que são empresas já acostumadas com serviços nesse nicho de mercado.

Além disso, pesquisar a opinião e feedbacks dos consumidores finais sobre os serviços da transportadora também pode ser uma opção interessante. 

E claro, não esquecer de confirmar que a empresa esteja inteiramente em conformidade com a lei através da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Vá além do preço

Analisar os preços com atenção é um ponto muito importante que deve ser considerado ao longo do seu processo de escolha.

 Isso não se deve apenas por questões de custo, mas porque muitas vezes nós tendemos a tirar conclusões precipitadas sobre a qualidade de um serviço em função dos seus valores envolvidos.

É bem comum que nós julguemos que determinado serviço seja de pior qualidade, caso ele seja demasiadamente barato, e o mesmo vale para o cenário contrário. 

O importante aqui é entendermos que o preço não é a variável mais importante, e da mesma forma que podem avisar empresas baratas e de altíssima qualidade, o cenário contrário também pode ocorrer!

Entretanto, não trate isso como um fato consumado. 

Lembre-se sempre de desconfiar de uma empresa com um valor muito abaixo e fazer questão de entender o diferencial daquelas mais caras.

O importante é manter a mente aberta para conseguir dosar bem o equilíbrio de preço e qualidade das empresas.

Conheça a composição da frota

Mais um ponto importantíssimo que você deve observar na hora de escolher a transportadora com quem vai trabalhar, é a qualidade da sua frota.

 Esse ponto é relevante, pois dependendo da qualidade e do estado dos caminhões da empresa, eles podem ter uma maior propensão a dar problemas e causar imprevistos e atrasos na entrega de seus produtos.

Por isso, para evitar esse tipo de problema para a sua loja virtual, é bem interessante que você procure se atente a elementos como o tamanho da frota, idade dos veículos, modelos, e estado de conservação.

Lembre-se que quanto mais bem cuidados forem os veículos, menores as chances de causarem qualquer tipo de problema para você e o seu cliente.

Visite o transportador se possível

É importante não confiar totalmente em materiais de marketing, no site da empresa ou até nos discurso dos vendedores.

Tente ir até o local e faça questão de acompanhar a montagem de uma carga, valide os processos internos envolvidos, cheque a limpeza, disciplina e o cuidado de todos no manuseio da carga.

Verifique se há certificações

Uma dica interessante é verificar se, ou então quais certificações aquela transportadora possui.

Isso porque, para obter as certificações, as empresas precisam passar por uma série de processos estabelecidos por uma entidade que fará as avaliações, e verificará se a empresa atende aos requerimentos.

Uma empresa que teve a dedicação de investir para e aplicar as melhorias necessárias para obter as certificações tende a passar muito mais confiança do que outras que não possuem a mesma prática. 

O ISO 9001 é um clássico exemplo disso, sendo um conjunto de regras existentes para garantir um certo nível de qualidade para o serviço prestado.

Considere o investimento em tecnologia

O investimento em tecnologia é algo importante para praticamente qualquer empresa nos dias atuais, e isso vale também para as transportadoras. 

Por meio desse desenvolvimento tecnológico, é possível obter novos sistemas que automatizam processos, e agilizam todos os procedimentos normalmente burocráticos de dentro de uma empresa.

Por isso, apesar de não ser uma tarefa fácil, monitorar se a transportadora em questão está ou não investindo em tecnologias para se manter atualizada, é algo tão importante.

Afinal, essas novas tecnologias podem trazer muitos benefícios que vão desde agilização dos processos, até minimização de falhas e redução de custo, além de melhoria na comunicação entre as partes.

Se você fica preso a uma empresa que não se preocupa em se atualizar tecnologicamente, você a verá gradativamente ficando para trás diante dos concorrentes. 

Será apenas questão de tempo para que tanto você quanto seus clientes estejam pagando mais caro por um serviço de menor qualidade e que leva mais tempo para realizar a entrega.

Avalie a capacidade de transporte

Mais uma dica importante, é sempre se lembrar de avaliar com cuidado qual é a capacidade de carga que aquela transportadora disponibiliza para você e a sua empresa. 

Isso é importante porque existem diferentes tipos de transporte de carga, e cada um deles possui as suas próprias condições onde se torna mais vantajoso ou não.

Resumidamente, costuma-se trabalhar com 3 tipos de transporte de carga, sendo eles o transporte de carga geral, o de carga completa, e o de cargas fracionadas. 

O primeiro é mais convencional dentre eles, sendo o transporte de cargas que não possuam especificações de armazenamento, distribuição ou entrega.

Enquanto isso, o transporte de carga completa, é quando a transportadora utiliza todo o espaço de transporte do veículo, única e exclusivamente para mercadorias da sua empresa. 

E por fim, o transporte de cargas fracionadas, que é também o mais comum de ser utilizado no e-commerce.

É aquele em que mais de uma empresa utiliza o mesmo veículo para a realização das entregas.

Verifique a cobrança de taxas

Mais um tópico no qual falaremos um pouco mais sobre os valores do frete, mas dessa vez por uma ótica um pouco diferente. 

O foco agora é nas taxas adicionais, que também são conhecidas como generalidades.

Essas taxas extras existem em função da extrema complexidade que se encontra na entrega e transporte de produtos por todo o Brasil. 

Basta lembrarmos que estamos falando de um dos maiores países do mundo, com proporções continentais e que muitos locais podem não possuir a melhor infraestrutura. 

Tornando a viagem bem mais difícil e custosa.

Dessa forma, essas taxas existem para tentar equalizar esses custos adicionais, que o transporte para algumas regiões específicas pode trazer. 

Existem diversas dessas taxas de generalidades, mas algumas das mais conhecidas delas são:

  • taxa para veículo delicado;
  • taxa de restrição de trânsito;
  • taxa de dificuldade de entrega;
  • taxa para devolução;
  • taxa de difícil acesso;
  • taxa de coleta e entrega;
  • taxa de autenticação de documentos;
  • taxa de carregamento.

Lembre-se sempre de que o uso ou não dessas taxas, ou até mesmo de outras, varia muito de transportadora para transportadora. 

O mesmo vale, inclusive, para os valores das taxas, mostrando o quão importante é buscar se informar da forma mais completa possível com cada uma das suas potenciais parcerias.

Analisar o mercado

Quando estamos falando da realização de vendas pela internet, é muito importante termos noção de que os pedidos de compra podem estar vindo de absolutamente qualquer lugar. 

A dificuldade está justamente no fato de que nem todas as transportadoras conseguem cobrir todo o nosso território nacional, muito menos com a mesma qualidade de entrega em todas as regiões.

Isso faz com que se torne realmente uma prática bem comum a de e-commerces fecharem parcerias com mais de uma transportadora. 

Dessa forma, você tem um serviço específico para cada região, e que já estará mais acostumado em atuar naquele território.

Para isso, é muito importante estudar muito bem tanto o mercado de transportadoras quanto o seu próprio nicho.

 Isso porque, dessa forma, você poderá identificar de onde costuma vir a maior parte da sua demanda, e prever quais transportadoras você precisará acionar com mais frequência, o que pode te ajudar na hora de fechar os termos dos acordos.

Acompanhar a saúde financeira

Se lembra de quando falamos da importância da manutenção da frota e do investimento frequente em atualização tecnológica? 

Para que tudo isso seja possível, é fundamental que a empresa esteja com a sua saúde financeira minimamente em dia, para que seja capaz de realizar tais investimentos.

Uma transportadora excessivamente endividada, e que esteja no vermelho, terá muito mais dificuldade em manter uma boa manutenção, e a reinvestir em mais tecnologias. 

No médio prazo, isso pode resultar em problemas nas entregas, perda de prazos, e queda na competitividade, a deixando para trás perante as concorrentes.

Por isso, é muito bom, sempre que possível, acompanhar as condições das contas da transportadora, de forma a conseguir estimar seu desempenho no médio prazo.

Checar as redes sociais das empresas

Por fim, a última dica, mas nem de longe a menos importante, é ficar atento às redes sociais da empresa, e mais do que isso, a toda sua comunicação. 

Hoje em dia, as redes sociais são o principal meio para se comunicar com o público, e por isso observar a forma como isso é feito é tão importante, pois dirá muito sobre a qualidade da comunicação dessa empresa.

Além disso, perceba também o quão fácil é o contato com essa transportadora já nas suas interações iniciais. 

Se demoram para responder e-mails, dão o devido suporte por chat, retornam ligações, tudo isso é importante.

Afinal, pense conosco, se eles se mostrarem desleixados com você, que está trazendo uma oportunidade de negócios para eles, como será quando for algum problema do cliente? 

Ou quando for necessário realizar uma troca ou devolução de produto? 

Dificilmente terão um atendimento exemplar, não é mesmo?

Enfim, as transportadoras representam hoje uma peça muito importante para todo o funcionamento da relação do comércio virtual com o público. 

É hora de negociar com a transportadora

Após levantar as suas principais demandas com o frete é hora de iniciar uma negociação de preços com as transportadoras.

Mas antes disso o gestor precisa responder a uma questão: qual o perfil de carga de sua loja?

Para responder a esta questão é necessário conhecer profundamente a sua operação e obter as informações mais relevantes para elaboração de uma tabela de frete, sendo algumas delas:

 volumetria de produtos, peso médio, origem da carga (pontos de coleta) e cubagem dos produtos, ou seja, produtos leves, mas de grande volume ou produtos pesados e menos volumosos.

Sem essas informações a empresa de transporte pode optar por uma margem maior para garantir seu lucro, resumindo, frete mais caro.

Também é fundamental planejar em quais locais a sua empresa precisa ter preços mais competitivos.

Assim, eles poderão oferecer tabelas com descontos maiores nas regiões que você necessita.

Negociar com mais de uma transportadora, três ou mais, pode ajudar a identificar qual oferece a melhor relação custo-benefício e, o principal, aumenta o seu poder de barganha para conseguir preços mais competitivos de frete.

Não há comentários ainda. Seja o primeiro a escrever um.

Deixe seu comentário