Como calcular cubagem para venda online? Aprenda aqui!

Como calcular cubagem? Antes de qualquer coisa, se você ainda não ouviu falar sobre esse processo e quer trabalhar com e-commerce, está […]

Como calcular cubagem? Antes de qualquer coisa, se você ainda não ouviu falar sobre esse processo e quer trabalhar com e-commerce, está aí um termo que vai compor a sua rotina e que merece sua atenção, pois todas as transportadoras realizam o cálculo da cubagem para fazer o transporte rodoviário de cargas.

Não por acaso, esse fator interfere diretamente no preço do frete. Se você souber calculá-lo, tem a chance de otimizar a parte logística do seu negócio e até reduzir custos com esse processo. Por outro lado, a falta de um cálculo preciso da cubagem pode causar prejuízos que prejudicam a experiência de compra e encarecem os custos com logística.

Vamos descobrir, então, como calcular cubagem neste post. Para começar, você precisa saber exatamente o que é esse fator tão importante para a logística do e-commerce. Confira!

Afinal, o que é cubagem?

No universo da logística, a cubagem é um cálculo feito pela transportadora para definir o metro cúbico (m³) de uma carga: quanto de volume ela ocupa no meio de transporte. Esse cálculo é importante porque duas caixas podem ter praticamente o mesmo peso, mas ocuparem espaços muito distintos no veículo usado pela transportadora.

É a partir do cálculo da cubagem que é possível aproveitar da melhor forma o espaço físico de um caminhão, por exemplo, utilizando toda a sua capacidade sem exceder ou correr o risco de mandar um veículo ainda vazio para viagem. Por isso, todas as transportadoras precisam checar não só o peso real, mas também o peso cúbico de cada encomenda.

No entanto, uma empresa de transporte considera parâmetros próprios para estabelecer se o preço de envio será cobrado com base no peso cúbico ou no peso real. Por exemplo, uma transportadora pode estabelecer que o limite de peso é de 15 kg cúbicos, e encomendas acima disso serão cobradas com base no peso real.

Qual é a importância da cubagem?

Como vimos, o cálculo da cubagem é uma prática vantajosa para a rotina das transportadoras, mas ele também pode ser usado pelos lojistas de negócios online com o objetivo de otimizar o processo de envio de produtos aos seus clientes.

A seguir, veja qual é a importância de considerar a cubagem no processo de logística do e-commerce.

Otimiza a logística de transporte

Para uma transportadora, veículos que partem para as entregas com espaço vazio é sinônimo de mais custos operacionais. Da mesma forma, no caso de sobrecargas, pode haver o risco de danos ao veículo e descumprimento de normas legais.

Para evitar problemas dessa natureza, as empresas de transportadoras precisam fazer o cálculo preciso da cubagem para toda e qualquer entrega.

Interfere no cálculo do frete

O peso cúbico das encomendas sempre será um parâmetro usado para definir o custo de envio, mesmo que uma transportadora também considere nesse cálculo o valor do peso real. Então, a cubagem é um fator que interfere diretamente no preço do frete.

Pode ajudar na redução de custos

Para o lojista de vendas online, saber como funciona a cubagem pode ajudar na previsão dos custos com a parte logística dos produtos e em uma maior economia. É importante saber se a encomenda ultrapassa o limite de peso real ou peso cúbico estabelecido pela transportadora.

Como calcular cubagem?

Podemos dividir o cálculo da cubagem em três etapas. Veja, a seguir, como cada uma delas funciona.

Volume da encomenda

Na primeira etapa, é preciso calcular o volume de uma encomenda, usando a fórmula-padrão: comprimento x altura x largura (cm).

Fator cubagem

A segunda etapa é definir o fator cubagem, que é o peso máximo suportado por cada metro cúbico em um modal de transporte. Chega-se a esse valor dividindo a capacidade total do veículo (em kg) pelo total de metros cúbicos.

Um caminhão com 10.000 kg e 25 m³ de capacidade terá um fator de cubagem igual a 400. Para cada metro cúbico de espaço nesse caminhão, é possível transportar até 400 kg.

A maioria das transportadoras usadas em vendas online adota um fator de cubagem padronizado de 6.000 cm³. Esse é o fator de cubagem recomendado pela IATA (International Air Transport Association).

Volume da encomenda / fator cubagem

Tendo os resultados do volume da encomenda e o fator cubagem, a terceira e última etapa consiste em fazer o cálculo da cubagem. Basta dividir o volume da encomenda (em cm) pelo fator cubagem.

Vamos a um exemplo. Imagine uma encomenda com 15 x 20 x 30 cm. Dividindo o resultado do volume pelo fator cubagem de 6.000 cm³, o cálculo para enviar a encomenda à transportadora resultaria em 1,5 kg.

A transportadora usa o resultado desse cálculo como parâmetro para cobrar o preço de envio de uma encomenda.

Como usar o fator cubagem a seu favor?

Entender o cálculo por trás da cubagem pode ser muito importante para um lojista de e-commerce conseguir baratear os seus custos de envio. Para fazer isso, o ideal é sempre usar embalagens do tamanho real de cada produto.

Se você enviar encomendas leves em caixas enormes, corre o sério risco de pagar um frete mais caro, porque a transportadora usa o peso cúbico para estabelecer o valor do envio. Isso acaba, por consequência, encarecendo o frete da loja online.

Para evitar esse risco, use embalagens proporcionais também no caso de compras direcionadas ao mesmo endereço de destino. Isso pode deixar o envio mais barato do que usar uma única caixa enorme para embalar todos os produtos.

Pode parecer complicado, mas é uma prática que pode facilmente ser incorporada à sua rotina de entrega dos produtos da loja virtual. Uma caixa enorme ocupa um espaço maior do que uma embalagem individual e, portanto, tem um maior volume cúbico.

Assim, você estará otimizando a entrega dos produtos comprados na sua loja virtual até o destino final. Esperamos que tenha gostado do nosso texto sobre como calcular cubagem e algumas dicas para usar esse fator tão comum na rotina das transportadoras a favor do seu negócio.

Ficou mais claro para você como calcular a cubagem e a importância desse processo? Aproveite para tornar os seus preços de frete mais competitivos, entendendo como funcionam as cotações de frete no e-commerce.

Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário