Com a ascensão das redes sociais, ainda vale a pena investir em e-mail marketing? 
Como cadastrar produto na sua loja online para que ele se destaque!

Como criar boas campanhas no Google Ads?

Publicado em: • Última Atualização:

A lista de produtos do Google voltados para anúncios ganharam novos nomes e funcionalidades. O Google Adwords, que agora é Google Ads, é uma das melhores formas de criar campanhas de sucesso online, atrair mais clientes gerar rendimentos.

Trata-se de uma plataforma de publicidade capaz de produzir anúncios de vários formatos. Nela, o próprio anunciante desenvolve seus anúncios e determina o local de exibi-los.

E não foi só o nome que mudou, o principal produto oferecido pela empresa ganhou uma novidade bem legal: as campanhas Smart Display. Para quem precisa aprimorar os seus recursos, este é o modo padrão. Certamente você já ouviu falar muito dessa ferramenta de links patrocinados, mas ainda tem dúvidas com relação ao uso da ferramenta e a criar boas campanhas nela.

Quer aprender a criar campanhas no Google Ads? Confira, a seguir, o nosso passo a passo e entenda porque a plataforma ganhou um novo nome. Acompanhe!

Quais as etapas para campanhas no Google Ads?

Confira, a seguir, os passos para criação de uma campanha no Google Ads.

1° passo: Configuração da Conta

O primeiro passo para começar a utilizar a ferramenta é configurar uma conta. Para isso, clique em “começar agora” no site do Google Ads.

Em seguida, você preencherá os dados sobre a sua empresa e a sua principal meta de publicidade. Completando todos os itens, sua conta será criada.

Lembrando que o e-mail padrão solicitado deverá ser do Gmail.

2° passo: Criar Campanhas no Google Ads

Primeiramente, você deve entender como é a estrutura das campanhas e dos anúncios dentro da plataforma — que são divididas em quatro níveis:

  • Campanhas;
  • Grupos de Anúncios;
  • Anúncios;
  • Palavras-chave.

A campanha é o nível mais alto dentro da conta. Você pode criar uma para cada tipo de produto, seguimento ou o que preferir. Nela é necessário informar o valor que pretender gastar por dia. Portanto, organize as campanhas pensando também no quanto vai gastar com marketing por produto.

E agora, como criar uma campanha?

Para começar, acesse a aba “Campanhas” no Gerenciador e escolha a opção “Criar sua primeira campanha”. Depois, selecione um tipo de campanha e a meta inicial para ela.

O tipo de campanha é dividido em Rede de Pesquisa, Rede de Display, Youtube Ads e Google Shopping. Neste contexto, utilizaremos a rede de pesquisa.

Em “Detalhes de configuração”, não se esqueça de inserir o seu website no campo indicado e clicar em continuar.

Você será direcionado para uma página que pedirá para preencher informações como nome da campanha, local, idioma, lances, orçamento diário, data de início e término e extensões.

Com relação ao orçamento global por dia, na seção de “Estratégia de lances”. Faça um cálculo mensal do orçamento e divida por 30 (dias), e você encontrará o valor máximo a ser pago por dia.

Talvez as opções de lances gerem um pouco de dúvida, pelas diversas estratégias existentes. Para entender melhor esse tópico do Google Ads, basta acessar a Central de Ajuda.

3° passo: Criar Grupos de Anúncios

Nessa opção, você vai trabalhar suas palavras-chaves e definir quantos grupos de anúncios tem interesse para relacionar com as palavras diferentes.

Escolha o nome do grupo de anúncios e insira as palavras-chave nos campos indicados.

4° passo: Criar palavras-chave

As palavras-chave são as expressões que ativam o seu anúncio. Por meio dela, você consegue encontrar qualquer informação na busca do Google. Assim, é importante pesquisar palavras-chave de qualidade.

Para isso, você pode utilizar as “Opções de correspondência de palavras-chave” — que são configurações para cada palavra-chave que auxiliam no controle do grau de correspondência entre ela e o termo de pesquisa de uma pessoa para que o anúncio seja acionado.

Como dito anteriormente, você deverá inserir as palavras-chave no campo indicado, abaixo do nome do grupo de anúncios.

5° passo: Criar Anúncios

Ao optar por um “Novo anúncio de texto”, é preciso preencher alguns campos:

  • URL final: é o endereço real onde o usuário será direcionado após clicar no link;
  • Título 1: a primeira linha do anúncio, com apenas 30 caracteres;
  • Título 2: é a segunda linha do anúncio, em que pode ser adicionadas informações sobre o seu negócio;
  • Caminho: um endereço “fictício”, mais curto. Inclui o site cadastrado na URL final;
  • Descrição: são as linhas de texto que apresentam até 80 caracteres.

Depois de completar os passos, o anúncio passará por uma revisão e precisa estar de acordo com as políticas de privacidade do Google para ser publicado.

6° passo: Faturamento

As opções de pagamento no Ads são bastante flexíveis. Você poderá escolher a que melhor atende sua necessidade (boleto bancário, cartão de crédito ou débito).

A opção de faturamento sempre fica disponível na página inicial da sua conta, basta acessar a faixa vermelha.

7° passo: Avaliação de resultados

Após finalizar a criação das campanhas, é preciso acompanhar e mensurar os resultados da campanha para saber a sua repercussão. Ela te ajudará a definir o melhor caminho a seguir.

Na própria página do Google Ads você pode acompanhar o desempenho do anúncio e como ele está funcionando.

O que fazer para a qualidade das campanhas?

O Google Ads é um sistema que tem feito muita diferença na publicidade de pequenas e grandes empresas. Veja algumas dicas para que suas campanhas sejam bem-sucedidas.

Em primeiro lugar, trace uma estratégia, seja objetivo e exponha o melhor do seu produto ou serviço. Busque o maior número de informações sobre a sua situação atual. Para isso utilize o Google Analytics e conheça o seu público que pretende alcançar.

E lembre-se: você não precisa aparecer em primeiro lugar para todas as buscas; isso acontecerá com o tempo!

Uma ótima dica é utilizar a mesma palavra-chave da busca no título do anúncio. Isso costuma gerar bons resultados, sobretudo porque os termos ficam em negrito e se destacam. Além disso, evite listas de palavras-chave genéricas; utilize termos mais específicos.

Como dito anteriormente, o próprio Google Ads estabelece uma política editorial para os textos nos anúncios. Espaçamento, pontuação, símbolos, repetição de palavras, linguagem imprópria e uso de superlativo são alguns dos pontos que devem ser levados em consideração para evitar erros.

Cuidado para não reproduzir ideias e frases de anúncios de outras empresas, para não ter problemas com direitos autorais.

Monitorar a concorrência é uma excelente dica. Dessa forma, você pode analisar a melhor forma de superar o ranqueamento dela. Nessa análise, quanto mais comum a frase ou o termo da palavra-chave, maior será o tráfego e a disputa para essa busca.

Por fim, ele é ideal para ser usado como um canal de aquisição de tráfego de retorno rápido. Com boas campanhas no Google Ads, é possível identificar palavras-chave de alto retorno e utilizá-las para criação de conteúdo e SEO.

Agora que você já sabe como criar boas campanhas no Google Ads, que tal aprender a elaborar o orçamento de marketing digital no seu e-commerce? Baixe agora o nosso e-book e crie uma estratégia de sucesso. Vamos lá!

Ficou com alguma dúvida? Faça parte do nosso grupo no Facebook com especialistas em e-commerce e outros lojistas e envie sua pergunta.

Está pensando em criar uma loja virtual? Faça o teste e descubra se você está pronto!

Como criar boas campanhas no Google Ads?
4 (80%) 3 votos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *